Outro policial é baleado em Porto Alegre. Em Lagoa Vermelha, brigadiano levou sete tiros.

Em Porto Alegre, também ontem, um brigadiano da reserva, Claudio Garighan, foi ferido num assalto a uma joalheria da zona Sul. O sargento levou quatro tiros e morreu no meio da tarde.

Outro policial foi baleado, na noite desta sexta-feira, desta vez em Lagoa Vermelha, no norte do Estado. O policial era um brigadiano que está em férias. Ele foi atingido por ao menos sete disparos de arma de fogo.

Segundo a BM, o brigadiano estaria em frente à casa do atirador, no bairro Rodrigues, mas as circunstâncias do crime ainda não foram esclarecidas. O soldado, lotado em Esteio, está em cirurgia, no hospital São Paulo.

2 comentários:

Anônimo disse...

Esse assunto não é de interesse dos "direitos humanos". Só quando morre bandido é que há comoção.

Anônimo disse...

Quem vai ajudar estes soldados que enfrentam a bandidagem para nos defender????