Ana Amélia compara tirania de Maduro à tirania que querem PT, PCdoB e Psol para o Brasil

Dia 27, o povo brasileiro irá para as ruas exigir o pescoço de Maduro.

A senadora Ana Amélia ocupou a tribuna do Senado hoje para atacar a tirania de Nicolás Maduro, o amigo in pectore do PT, do PCdoB e do Psol.

O que ela disse:

- O meu temor é de que a esquerda volte ao poder no Brasil e o país siga a cartilha bolivariana.
O discurso radicalizado da esquerda brasileira está muito próximo de Maduro.

E lembrou:

- Tão próximo que as primeiras palavras (da esquerda) foram de total apoio (à Assembleia Constituinte).

38 comentários:

Anônimo disse...

- MADURO COMPLETOU A REVOLUÇÃO, HOJE, 04/08/2017, AO INSTALAR A ASSEMBLEIA NACIONAL CONSTITUINTE!!! NÃO HÁ MAIS VOLTA!!! TEMOS, FINALMENTE, UM CONTRAPONTO AO NEFASTO IMPÉRIO NORTE-AMERICANO, AQUI, NA AMÉRICA DO SUL!! ALVÍSSARAS!!!

Anônimo disse...

A VÉIA DA ODEBRECHDT TEM É QUE SE PREOCUPAR EM SE DEFENDER NA LAVA JATO, VAI LÁ VÉIA SAFA, TE DEFENDE LÁ EHEHEHHEHEHE

Mordaz disse...

O Povo Brasileiro não vai nem pelo próprio pescoço. Duvido que alguém saia de casa para derrubar Maduro. Brasileiro só sai para rua ou por parada gay ou carnaval.

jorge.alves ribeiro disse...

Esses PTralhas sempre apoiaram esses ditadores, como o Fidel Castro, Chaves, maduro. Eles querem esse tipo de governo para o país. Que nunca mais voltem a governar o Brasil.

Anônimo disse...

Os anonimos das18:01 e 18:03 hs é o autêntico vermelho escarlate bolivariano atrasado, só sabe comentar gritando, caixa alta, igualzinho aos politicos que ele defende que na tribuna só sabem gritar incoerências, mentiras e frases sem conteúdos.

Anônimo disse...

O Maduro cairá de Maduro,Não vai se sustentar levando miséria ao povo em pleno século XXI.

Anônimo disse...

Navelha Lemos tem q mostra mais serviço, ta muito parada , alo alo deputada, e o carvao gaucho???, alo alo deputada alo alo

Anônimo disse...

O Brasil quebrado, governado por uma corja de ladrões com ministros da pior espécie o governo comprando deputados e esta pilantra preocupada com a situação de outro país.
Vai trabalhar, vagabunda.
Poderia ser uma boa faxineira

Anônimo disse...

Olha mais uma GALINHA (anônimo das 18:01) aí, gente!!!
Como toda GALINHA tem um microcéfalo, adora tomar no fiofó para sair cantando, e - por estas características inerentes e fundamentais - só pode ser um esquerdopata (e desculpem-me as redundâncias!!!).

Anônimo disse...

Concordo com a ilustre Senadora Ana Amélia . O pior dos cenários para o BRASIL seria a volta do Partido das Trevas. Tia Glória .!!!

Anônimo disse...

Ela esqueceu de acrescentar PSDB, PMDB que também são revolucionários.

Anônimo disse...

corretíssima a senadora. Esquerdopatas perda total nunca mais.

Anônimo disse...

Essa turma é perigosa mesmo, degradou p Brasil. Estes 13 anos foram os piores em 120 anos segundo especialistas.

Anônimo disse...

Esquerdopatia aguda é doença e não tem cura, causa cegueira tb, não enxerga os corruptos e nem seus crimes.

Anônimo disse...

Recado aos religiosos, místicos e esotéricos:

Dia 21 de agosto de 2017, segunda-feira, às 15h11min11seg, horário de Brasília, durante 15 minutos, sincronizado com o eclipse vindouro,

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/3/3e/SE2017Aug21T.gif

haverá uma MEDITAÇÃO SINCRONIZADA de vários indivíduos e grupos mundo afora para libertação e cura dos EUA e do planeta de arquétipos negativos, bem como a ancoragem de padrões elevados de consciência (luz) e coerência (som).
Você é convidado a participar de forma voluntária, gratuita e anônima. Se não souber ou não quiser fazer uma meditação, você poderá fazer orações, rezas, pedidos, invocações, mantras, canções, danças, enfim, poderá agir do seu jeito. O importante é o foco vetorial no tempo (horário), no espaço (EUA) e no assunto (libertação e iluminação), como acima descritos!

Estudos científicos comprovam o efeito positivo da meditação em massa:

http://thespiritscience.net/2015/06/18/studies-show-group-meditation-lowers-crime-suicide-deaths-in-surrounding-areas/

http://www.worldpeacegroup.org/washington_crime_study.html

Anônimo disse...

A periquita australiana ta se achando

Anônimo disse...

Ana Amélia é outra oportunista que engana os direitistas. Enquanto ele fica com esse papo furado batendo em coisa que as redes sociais denunciam a anos, assina SIM pela lei de imigração do comunista Aloysio Nunes. Mulher hipócrita.

Pedro Lagomarcino disse...

Ué?
A Senadora Ana Amélia não vai mais fazer propganda para a Manuela D'Ávila, dp PC do B?
Tremenda oportunista política esta tia aí.
KKKkkk!
Pedro Lagomarcino
OAB/RS 63.784

Anônimo disse...

“VAI DAR MERDA COM O MICHEL”, DISSE CUNHA AO FALAR SOBRE JOESLEY:

No celular apreendido de Eduardo Cunha, a Polícia Federal encontrou uma mensagem de texto enviada ao também ex-presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, sobre o empresário Joesley Batista, da JBS, na qual ele alertava que ia "dar merda" para Michel Temer um acerto que estava prestes a ser fechado; para a polícia, a conversa "tem indícios de propina", segundo reportagem do site Buzzfeed; Temer deve ser atingido pelas delações de Cunha e Lúcio Funaro.

4 DE AGOSTO DE 2017

247 - No celular apreendido de Eduardo Cunha, a Polícia Federal encontrou uma mensagem de texto enviada ao também ex-presidente da Câmara Henrique Eduardo Alves sobre o empresário Joesley Batista, da JBS, na qual ele alertava que ia "dar merda" para Michel Temer um acerto que estava prestes a ser fechado. Para a polícia, a conversa "tem indícios de propina".

A conversa, que cita "três convites" de Joesley que seriam repassados aos peemedebistas, aconteceu em 2012 e estava no celular de Cunha, apreendido pela Polícia Federal. Para a PF, os "três convites" podem ser a forma disfarçada de falar em propina.

O diálogo integra o relatório da PF que foi anexado na semana passada a uma das ações cautelares que tramitam no Supremo Tribunal Federal (STF). Com 186 páginas, o documento foi redigido em dezembro do ano passado, dentro das investigações sobre Eduardo Cunha, preso pela Lava Jato.

No dia da conversa, 22 de agosto de 2012, Alves e Cunha ainda eram deputados e Temer, o vice-presidente da República. Estavam em curso as eleições municipais, das quais nenhum dos três eram candidatos.

Alves informa Eduardo Cunha sobre o resultado de uma conversa com "Joes". A PF afirma que se trata de Joesley Batista. "Joes aqui. Saindo. Confirme dos 3 convites, 1 RN 2 SP! Disse a ele!", escreveu Alves.

Cunha reagiu: "Ou seja ele vai tirar o de São Paulo para dar a vc? Isso vai dar merda com o Michel. E ele não estaria dando nada a mais".

Para a PF, convite é um código para propina.

"A utilização do termo 'convites' pode ser uma tentativa de mascarar uma atividade de remessa financeira ilegal, já que, caso fosse um procedimento que obedecesse estritamente as normas legais, não haveria o porquê do uso deste termo", diz o relatório.

Outro trecho do relatório da PF levanta a suspeita de que se trata de pagamentos durante a campanha.

PS: a veia/PP do CC do marido bionico "nunca" comenta nada sobre a parceria com o traira/PMDB e PP?

Anônimo disse...

4 vezes em que Moro deu um tiro no pé após condenar Lula:

04/08/2017 - Cíntia Alves

Jornal GGN - Desde que condenou o ex-presidente Lula a 9 anos e meio de prisão e pagamento de multa superior a R$ 13 milhões, Sergio Moro assinou alguns despachos que devem ser usados pela defesa do petista para anular a sentença do caso triplex. Foram, pelo menos, quatro vezes em que o magistrado deu azo às crenças de que o processo não sobrevive ao rigor da segunda instância.

Confira abaixo:
1- Denúncia inventada e sem conexão com a Petrobras
Na primeira manifestação polêmica após a sentença, Moro respondeu aos embargos de declaração da defesa de Lula admitindo que não há provas da conexão entre o triplex e os 3 contratos que a OAS firmou com a Petrobras e que foram indicados pelos procuradores como o motivo para Lula receber vantagens indevidas.

A defesa de Lula não perdeu tempo: poucas horas após o despacho de Moro vir à tona, o advogado Cristiano Zanin informou à imprensa que, na prática, Moro demonstrou que, no mínimo, a ação penal jamais deveria ter tramitado em Curitiba.

Além disso, no mesmo documento, Moro também reconheceu que formulou sua própria acusação contra Lula, já que a tese da Procuradoria da República não foi comprovada. Isso significa que a defesa passou meses se defendendo de uma acusação ignorada pelo juiz, que decidiu tirar uma narrativa própria da cartola aos 45 do segundo tempo.

O GGN detalhou o episódio nesse post aqui.
2 - Bloqueio nas contas para corrigir erro na sentença
Mesmo admitindo que não há conexão entre o triplex e os 3 contratos da OAS com a Petrobras, Moro determinou o sequestro do imóvel já na condenação e, dois dias depois, também mandou congelar os bens de Lula como forma de garantir que a estatal será ressarcida.

A jornalista Tereza Cruvinel questionou a atitude de Moro, pela falta de nexo. Só mesmo para tentar sanar um erro na sentença contra Lula (o da falta de relação entre o caso triplex e a Petrobras) é que Moro poderia ter ordenado o sequestro dos bens de Lula. É a maneira de tentar forçar o elo, apontou em artigo reproduzido aqui.

3 - Lula deve pagar pela propina recebida por terceiros
No dia 1 de agosto, Moro enviou um ofício ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região defendendo o bloqueio nas contas de Lula contra um recurso da defesa do petista.

Na oportunidade, Moro sustentou que mesmo que a Lava Jato não tenha encontrado provas de pagamento de propina da OAS a Lula, o ex-presidente deve ser cobrado pela corrupção na Petrobras mesmo assim.

A justificativa é que Lula tem responsabilidade por ter indicado para a Petrobras os ex-diretores que ajudaram o PT a receber R$ 16 milhões da OAS, segundo afirma uma delação sem provas documentais. O próprio juiz diz que o dinheiro, "não identificado", "pode" ter sido usado em campanhas eleitorais. É a hipótese. Veja mais aqui.

4 - Triplex era da OAS mesmo...
Por fim, no último dia 3, Moro comunicou à 1ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais de São Paulo o confisco do imóvel no Guarujá e solicitou "que o bem não sirva mais como garantia em processos cíveis" da empreiteira.

Isso foi necessário porque, na Justiça Paulista, tramita um processo de recuperação judicial da OAS avaliado em R$ 9,2 bilhões. Ou seja, na prática, Moro tomou o triplex da massa falida da OAS para entregar à Petrobras, como se fosse de Lula.

O problema é que a defesa de Lula apontou durante o processo que a OAS não poderia transferir o triplex para o proveito de quem quer que seja justamente porque o imóvel estava atrelado à uma dívida com a Caixa Econômica Federal. Sem pagamento à Caixa, não tem chave do triplex. O blog reportou o feito de Moro aqui.

PS: Socorooooooo.......

Anônimo disse...

Marta Suplicy e mais 4 não serão investigados porque têm mais de 70 anos:

04/08/2017

Jornal GGN - Marta Suplicy (PMDB) e mais quatro parlamentares não serão investigados a reboque das delações da Odebrecht porque têm mais de 70 anos e, por causa disso, o prazo para investigação cai pela metade, informou a Agência Brasil.

Segundo o portal, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, decidiu pedir o arquivamento das cinco investigação ao Supremo Tribunal Federal, mas somente após o relator da Lava Jato na Corte, Edson Fachin, apontar a possível prescrição dos crimes.

Foram beneficados pela decisão, além de Marta, os deputados Jarbas Vasconcelos (PMDB), Roberto Freite (PPS), Garibaldi Alves (PMDB) e José Agripino (DEM). O PGR pediu inquérito contra os 5 políticos quando divulgou a chamada "lista de Janot 2.0", que incluia um total de 84 pedidos de investigação por causa da delação da Odebrecht.

No caso de Marta, o delator Benedicto Barbosa Junior, da Odebrecht, afirmou que a senadora recebeu caixa 2 em duas oportunidades: nas eleições de 2008 (quando disputou a Prefeitura de São Paulo) e 2010 (quando concorreu ao Senad), num total de R$ 1,050 milhão. Os repasses teriam sido efetuados a pedido do marido de Marta, o empresário Márcio Toledo. A imputação foi de corrupção passiva, apontou o Conjur.

PARALELO COM LULA E GENOÍNO
A decisão de Janot, influenciada por Fachin, levanta dúvidas sobre os critérios aplicados a outros inquéritos da Lava Jato que foram instaurados a reboque da delação da Odebrecht.

É o caso de José Genoíno, que será investigado pela Procuradoria da República em São Paulo por supostamente ter recebido R$ 30 mil em doação eleitoral da empreiteira, em 2010. O delator Alexandrino Alencar também teria afirmado que doou R$ 15 mil a Genoíno sensibilizado com a situação dele após o Mensalão. Nos dois casos, os informantes negaram contrapartida.

Embora Genoíno tenha 71 anos e o caso relatado pela Odebrecht tenha ocorrido em 2010, com um valor muito inferior ao de Marta, não há notícia de que os procuradores da Lava Jato discutiram eventual arquivamento desse inquérito.

O mesmo paralelo pode ser feito em relação aos processos contra Lula, que já tinha mais de 70 anos quando foi denunciado formalmente por causa do triplex.

Pelos relatos da força-tarefa de Curitiba, o apartamento da OAS teria sido repassado a Lula em meados de 2009.

Se considerado que o juiz Sergio Moro responsabilizou o petista pelos crimes de ex-diretores da Petrobras, o suposto crime remontaria aos mandatos de Lula, pois foi quando o governo petista discutiu com os partidos da base a nomeação de dirigentes como Paulo Roberto Costa, Renato Duque, Nestor Cerveró e Pedro Barusco.

PS1: Sim, a Marta não é mais Petista;
PS2: Já o caso do aécio/PSDB o caso é "diferente", Tucano é "inimputável", não adianta investigar porque o jamais será condenado.
PS3: Socoroooooooo.....

Anônimo disse...

“Primeira colaboradora” da Lava Jato pede a Moro anulação da operação:

Marcelo Auler - 4 de agosto de 2017 - DCM

O previsível aconteceu. Desde 17 de abril passado encontra-se nas mãos do juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal Criminal de Curitiba, um pedido de anulação de toda a Operação Lava Jato que ele deflagrou e comanda nos últimos três anos.

O inusitado é que a solicitação não partiu de nenhum dos políticos, empresários ou agente público acusados, processados ou já condenados por corrupção, desvio de verbas públicas, lavagem de dinheiro ou quaisquer outros crimes conexos. A iniciativa surgiu da “primeira colaboradora” da investigação, como alega seu advogado, Conrado Almeida Corrêa Gontijo.

Trata-se da ex-contadora do doleiro Alberto Youssef, Meire Bomfim da Silva Poza, que diz ter sido usada por policiais federais e procuradores da República como uma “informante infiltrada”.

Gontijo alega que ao desaconselharem que ela fosse assistida por um advogado quando serviu como informante pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal, ambos de Curitiba, acabou privada do seu direito constitucional de ampla defesa. Mais ainda entregou documentos que hoje são usados contra ela, ou seja, forneceu prova contra si mesma.

O mais curioso é que denunciada por lavagem de dinheiro, na Vara de Moro, na Ação Penal nº 5056996-71.2016.404.7000, sua defesa utiliza as próprias palavras do juiz na decisão em que recebeu a denúncia para demonstrar a importância dela na apuração de todo este caso.

Meire auxilia a Força Tarefa da Lava Jato desde 29 de abril de 2014. A primeira prisão na operação, da doleira Nelma Kodama, ocorreu em 15 de março, dois dias antes da deflagração da primeira fase. (...)

Além de invocar as próprias palavras elogiosas do juiz, a defesa de Meire Poza arrolou nove membros da própria Força Tarefa da Lava Jato como testemunhas dela. (...)

Estão na relação de testemunhas: os procuradores da República Deltan Martinazzo Dallagnol e Carlos Fernando dos Santos Lima; os delegados Márcio Adriano Anselmo, Igor Romário de Paulo e Eduardo Mauat; os agentes Rodrigo Prado, Luiz Carlos Milhomen e ainda Gabriel (lotado em Ponta Grossa-PR); e o escrivão Mário Nunes (lotado em Florianópolis – SC).

A duvida é se eles irão confirmar a relação de proximidade que tiveram com a contadora. Mas ela dispõe de diversos e-mails e outros tipos de mensagens que trocou, em especial com o delegado Marcio Anselmo Adriano e o agente Rodrigo Prado, que mostram seus laços com a Força Tarefa.

No caso de Marcio Anselmo, uma relação mais intima em que ambos trocaram mensagens até quando ele estava de férias na Europa.

Além das mensagens há também cerca de 40 depoimentos delas em inquéritos e outros em processos judiciais, uma vez que, como ela já disse, Moro lhe pediu que se tornasse testemunha do juízo. (...)

Anônimo disse...

Breve cabeças vão rolar....

Anônimo disse...

Parabéns Senadora Ana Amélia, ainda existe vida no RS. É bom lembrar que dinheiro da saúde educação etc foi doado à Venezuela dos trambiqueiros.

Unknown disse...

Apresente um projeto tornando crime a apologia ao comunismo!!!

Anônimo disse...

O PT É O ANTI CRISTO NA TERRA.ELE CONSEGUE ARREBATAR E ENGANAR TODOS ESTES OTÁRIOS CEGOS QUE APOIAM O PT.

paulobon disse...

UMA NOVA REDE MUNDIAL DE SUBVERSÃO AOS PRINCIPIOS DO LIVRE ARBITRIO ESTA SURGINDO:
WWW.dataasylum.com
O domínio total sobre a mente de opositores radicais e fanáticos que se rebelam contra o populismo, a lavagem midiática e o aculturalismo das massas. UM NOVO ASILO VIRTUAL.
OBJETIVO: CADASTRAR E CONTROLAR TODOS OS PROVÁVEIS ELEMENTOS DA SOCIEDADE QUE POSSA ATINGIR PESSOAS POR ATOS VIOLENTOS.paulo b. Ribeiro

Anônimo disse...

Ana Amélia, me sinto orgulhoso de ter acertado meu voto lhe elegendo. Acompanhando a votação da Câmara dos Deputados e analisando a postura dos parlamentares, percebi o quanto raivosos são os partidos da esquerda. Dentro desses partidos não há democracia, isto é, total incapacidade de análise de uma situação. Ou é do jeito que eles querem, ou nada feito. Nessa sessão ficou claro que o objetivo maior das esquerdas era derrubar Temer e uma eleição indireta, causando mais turbulência no país do que já está. Em nenhum momento pensaram na Economia, nem no povo desempregado. Objetivo maior, era se vingar de Temer, mesmo que colocassem o país novamente em crise. Não gosto do Temer, mas na situação que deixaram o país, ele está se saindo muito bem e é um presidente legítimo.

Anônimo disse...

Dentro dos partidos de esquerda não há Democracia. Os Deputados representantes do povo esqueceram que o Brasil lutou anos pela Democracia e hoje ninguém mais aceita retrocesso. O poder emana do povo.

Anônimo disse...

TEMER JÁ COMEMORA A SAÍDA DE JANOT DA PGR:

Poucos dias depois de se safar da denúncia de corrupção passiva na Câmara dos Deputados, numa operação que custou R$ 13,4 bilhões ao País, entre emendas e outros favores aos parlamentares, Michel Temer já comemora, por antecipação, a saída de Rodrigo Janot da procuradoria-geral da República em setembro; segundo Temer, ao denunciá-lo, assim como a outros integrantes de seu governo, Janot agia como político; "Lamento é que ele, a todo momento, anuncie que vai fazer uma nova denúncia, baseada nos mesmos fatos. É um gestual político, institucionalmente condenável"; Temer também disse que a sucessora de Janot, Raquel Dodge, dará o "rumo correto" à Lava Jato; será que a sangria foi estancada?

5 DE AGOSTO DE 2017

247 – Aparentemente, Michel Temer conseguiu estancar a sangria da Operação Lava Jato. Em entrevista ao jornal Estado de S. Paulo, seu mais fiel aliado na mídia, ele já comemora, por antecipação, a saída de Rodrigo Janot da Procuradoria-Geral da República.

Segundo Temer, ao denunciá-lo, assim como a outros integrantes de seu governo, como Eliseu Padilha e Moreira Franco, Janot agia como político.

"Sabe quando o procurador fez isso, embora esse processo esteja correndo há três anos? Às vésperas da votação do Congresso, o que está a significar que, na verdade, ele passou a ter uma atuação muito mais de natureza política, e quase pessoal, do tipo 'quero ver qual é o time que ganha', e não a sua função institucional. Não se trata de disputas pessoais. Nem ele deve ter disputa pessoal com o presidente da República, muito menos eu terei com ele. Jamais lhe daria essa satisfação. Lamento é que ele, a todo momento, anuncie que vai fazer uma nova denúncia, baseada nos mesmos fatos. É um gestual político, institucionalmente condenável", disse Temer.

Janot alega que investiga fatos – e não pessoas – e lembra que as provas do caso JBS, como as malas de dinheiro entregues a Rodrigo Rocha Loures e prepostos do senador Aécio Neves (PSDB-MG), são irrefutáveis. E Temer não menciona que sua salvação custou R$ 13,4 bilhões ao País, em favores aos deputados.

Temer disse ainda que vai seguir com suas reformas, rechaçadas por uma população em que só 4% o apoiam, e prevê que terá o apoio do PSDB. "Mas será que eles votam contra o Brasil? Eu não acredito que eles votem contra o Brasil", afirmou.

Ele também disse não temer as delações de Lúcio Funaro e Eduardo Cunha. "As pessoas estão cansadas disso. Primeiro, não conheço Lúcio Funaro, segundo, não sei o que ele vai dizer. Portanto, não posso falar sobre hipóteses. Não tenho nenhuma preocupação com isso. Eduardo Cunha, sim, foi líder do PMDB, foi presidente da Câmara. Às vezes me perguntam, como é que você falava com ele? Meu Deus, estou falando com o líder do PMDB, com o presidente da Câmara... E eu não devo falar com ele?", questionou. (...)

PS: Se está festejando é porque a Lava Jato Brasilia vai parar, já a Lava Jato "sector Curitiba", no que tange ao PT, lula e dilma continua a mil.

Anônimo disse...

Meu Deus. Os dinossauros não foram extintos? Ainda existe quem - ignorando todos os fatos - defenda Maduro? A senadora tem razão, se qualquer um dos partidos da esquerda voltar, esse será o nosso futuro.
Felizmente, Maduro cairá de podre e o povo venezuelano poderá reconstruir seu país.

Anônimo disse...

A Venezuela de Maduro e Cabello é a CUNHA comunista instalada na América do Sul: O CONSÓRCIO CHINA, CUBA E RÚSSIA ADOTOU O REGIME BOLIVARIANO DE MADURO!!! Não tem mais volta!!! Os EUA se ferrraram!!!

Anônimo disse...

Ana amelia lemos tá tambem na lista da debrecht hahahha me ajuda ai, pt e pp do maluf sao aliados eram governo e afundaram nosso pais- pt, pmdb e pp os 3 do petrolao

Anônimo disse...

PARABENS AO BRASIL QUE CORREU COM MADURO DO MERCOSUL, PARABENS ALUIZIO NUNES, AGORA FALTA O TRUMP DOS ESTADOS UNIDOS DAR UM BASTA NESTE ASSASSINO BOLIVARIANO ALIADO DO PT QUADRILHA

Anônimo disse...

É DONA AMELIA LEMOS SOU MULHER SOU TUCANA E TO DE OLHO NA SENHORA .EU LKE APOIO MAS TO DE OLHO .ANA A.LEMOS LEMBRO BEM QUE ELA APOIAVA O ASSASSINO DE CUBA 0 FALECIDO COMUNA MALDITO ASSASSINO FIDEL CASTRO QUE ADORAVA VIVER NO LUXO SÓ USAVA ADIDAS.... É ANA MALEIA LEMOS AMAVA ELE TEM FOTOS DELA COM ELE, É ESTAMOS DE OLHO DONA ANA AMELIA LEMOS

Anônimo disse...

UAI MAS a tal ana amelia lemos senadora gaucha é do partideco pp que assaltou a petrobras ao lado do pt nao entendo as posiçoes dela assim como bolsonaro que foi a vida toda quase do pp de maluf aliado do pt

Anônimo disse...

Ana Avélia tem de se meche mais, e a apliaçao do salgado filho sra deputana?

Anônimo disse...

LULA MOVIMENTOU 52 MILHOES DE SUAS CONTAS SIM A FORTUNA DE 52 MILHOES

LEIAM NO BLOG IMPRENSA VIVA