Meirelles: "Queda do desemprego é efeito da políticas sobre mercado de trabalho"

A nova queda na taxa de desemprego no País já é um efeito positivo da política econômica sobre o mercado de trabalho, afirmou nesta sexta-feira, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles. Ele usou seu perfil no Twitter para comemorar o recuo da taxa a 13% no segundo trimestre do ano, após ficar em 13,7% nos três primeiros meses de 2017.

“Os dados do IBGE mostram que desemprego recuou pelo terceiro mês seguido em junho, efeito da política econômica sobre o mercado de trabalho. A criação de novas vagas de trabalho deve se intensificar ao longo do segundo semestre, com a retomada da atividade econômica e confiança”, disse Meirelles.

Em relação ao primeiro trimestre, o País ganhou 1,289 milhão de novos postos de trabalho, segundo o IBGE. Mas o mercado informal foi o maior contratante, uma vez que os postos com carteira assinada caíram no período.

11 comentários:

Anônimo disse...

DESTRUIÇÃO DE EMPREGOS - TEMER É IMBATÍVEL!!!!

Desemprego

Pesquisa Mensal de Emprego – Fonte: IBGE
a. Final do segundo governo Fernando Henrique (2002): 10,50%.
b. Final do primeiro governo do Lula (2006): 8,40%.
c. Final do segundo governo do Lula (2010): 5,30%.
d. Final do primeiro governo Dilma (2014): 4,30%.
e. Final do segundo governo Dilma (12 de maio de 2016): 8,20% (fevereiro).
f. Governo TEMER: 15%

Parabéns aos que apoiaram o impeachment! O mérito desses números é de vocês também!!!

Mordaz disse...

Engambelando o povo pois a reforma trabalhista não tem tempo para isto.

Anônimo disse...

Polibio, na minha area o sistema de "empregado avulso" seria fantastico, em qualquer pais civilizado essa modalidade e' bem flexivel

Anônimo disse...

Do que Meirelles fala? Que política econômica? Não houve reforma do cabide setor público que é bom maior causador desta confusão. Se reforma fosse feita isto iria reduzir o custo Brasil, aí então ele poderia falar em política econômica . A energia subiu em junho, a inflação que alegam 'stand by' não se verifica nos preços . Deve ser para acalmar o lado psicológico já que o bolso continua assaltado.

Anônimo disse...

Que efeito se ainda não está vigente... grande aumento no emprego: 13 milhões de desempregados. Mente como um demente pensando que todos caem no canto da Sereia. Lula e Dilma também falavam em crescimento da economia, falavam que crise era invenção da mídia. Este perdeu oportunidade de ficar de boca fechada.

Anônimo disse...

EM ALTA, A INSATISFAÇÃO DO EMPRESARIADO COM TEMER:

28/07/2017 - Brasil 247

"As queixas da indústria começam ser externadas com mais estridência. O acesso ao BNDES continua complicado, a TLP é refugada, a capacidade instalada, por conta da recessão, continua sendo utilizada abaixo da média histórica, o aumento dos combustíveis terá impacto sobre os custos de produção, o fim da política de conteúdo nacional reduz encomendas do setor petrolífero etc. etc. O encanto com Meirelles também vai se quebrando a olhos vistos. Cresceu com o aumento de impostos e aumentará mais ainda se ele ceder às pressões para afrouxar a meta fiscal para atender à operação salva-Temer", diz a colunista Tereza Cruvinel; "Enquanto isso, o governo abre as torneiras para enterrar a denúncia contra Temer e apega-se a medidas fiscais de resultado duvidoso, como PDV para funcionários públicos e a cobrança de benefícios pagos indevidamente a pessoas que já morreram" (...)

PS: A cada dia que passa aumenta o número de patos que se dá conta de que caiu no “conto do pato do vigário!”
“Primeiro, a gente tira a Dilma, depois…
Depois vocês que se fodam todos, prá deixarem de ser gananciosos, GOLPISTAS, imbecis, irresponsáveis e tão vilmente descomprometidos com a democracia e a soberania do país!

Anônimo disse...

Se Temer é inocente, Dirceu merece desculpas, diz Lava Jato:

28/07/2017

Jornal GGN - Se Michel Temer for inocentado do processo em que é acusado de receber propina da JBS por meio de Rodrigo Rocha Loures, o Judiciário terá de pedir desculpas a José Dirceu por ter sido condenado com base em indícios muito mais frágeis do que os que existem contra o presidente da República. É o que dizem investigadores da Lava Jato ouvidos pelo jornal Valor Econômico, em condição de anonimato.

"Em conversas reservadas, investigadores apontam que, se Loures for condenado e Temer inocentado, o Judiciário teria que fazer um "pedido de desculpas" ao ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, que teria sido condenado no processo do mensalão com base no chamado 'domínio do fato', com provas que seriam bem mais frágeis que as existentes hoje contra Temer", publicou o Valor, nesta sexta (28).

A opinião dos investigadores está inserida em reportagem sobre o futuro do processo contra Loures caso a Câmara rejeite a abertura de investigação contra Temer, por corrupção passiva.

Se Temer só puder ser processado quando tiver encerrado o mandato, o Supremo Tribunal Federal deverá fatiar o inquérito e enviar as informações contra Loures para a primeira instância. Na tentativa de evitar isso, 'a defesa de Loures tentará argumentar que o caso dele também deve ficar suspenso, aguardando o julgamento de Temer."

A reportagem ainda especula qual seria o destino do processo contra Loures. Relator da Lava Jato, o ministro Edson Fachin poderia remeter o caso para a Justiça de Brasília, uma vez que o pagamento de propina a Loures foi combinado na capital, em reunião com um executivo da JBS. Nesse caso, o caso iria para as mãos do juiz Vallisney de Souza Oliveira, que também cuida da Zelotes e da Greenfield.

Outra possibilidade seria enviar a Justiça Federal de São Paulo, onde Loures foi filmado recebendo a mala de propina da JBS com R$ 500 mil.

As chances do processo parar nas mãos do juiz Sergio Moro, no Paraná, são "remotas".

"Se a acusação contra Loures for remetida à primeira instância, tudo indica que será julgada de forma mais rápida que no STF, complicando a situação do ex-deputado e, indiretamente, também a imagem de Temer. Se a Câmara rejeitar a autorização para a denúncia contra o presidente, a acusação contra ele ficará suspensa, mas voltará a correr após a perda do foro privilegiado", acrescentou o jornal.

PS: Contra o Zé Dirceu e todos os acusados sem prova do MENTIRÃO (Hildegard Angel) .http://www.hildegardangel.com.br/para-historiadora-massacre-diario-de-12...
os alquimistas do judiciário usaram uma adaptação da tal Teoria do Dominio do Fato que o jurista alemão que a desenvolveu desautorizou publicamente. Porque os midiáticos juízes colocaram um Turbante de Carmem Miranda em sua Teoria.
Contra o Lula inventaram o crime de "Lavagem de Apartamento" que só existe na Literatura do Direito do menino atrevido de Curitiba.
http://jornalggn.com.br/noticia/nassif-mr-bean-e-a-lavagem-de-apartament...

Anônimo disse...

Caro Políbio
Parece que vem denúncia x o Meirelles por aí. Fonte=Os Pingos Nos IS.
Esther

Ultra 8 disse...

TEMER,A PÁ DE CAL DA DILMA...

O COMUNISMO PARA SE INSTALAR PRECISA DESTRUIR A ECONOMIA DE UM PAÍS,E TEMER,ESTÁ FAZENDO UM ÓTIMO SERVIÇO PARA A VITÓRIA DO FORO DE SÃO PAULO.

FDP!!!

Anônimo disse...

NÃO IGNORANTE.
EM ECONOMIA ISTO SE CHAMA "EFEITO INERCIAL". TODO ESTE DESEMPREGO É HERANÇA MALDITA PETISTA.
OS VERDADEIROS EFEITOS DA GESTÃO TEMER SÓ SERÃO MAIS PERCEPTÍVEIS DAQUI HÁ ALGUNS MESES, OU NO ANO QUE VEM.

Anônimo disse...

e' muito mais viavel deixar q cada estado decida como deve ser a pOlitica interna, BRAZILIA DEVE SER ESMAGADA