FGs incorporados na Trensurb são ilegais, diz a estatal federal do RS

Acionada pela direção da estatal federal, a gerência Jurídica da Trensurb (metrô da Grande Porto Alegre) reconheceu que houve irregularidades na concessão de incorporação de função gratificada aos salários de empregados que ocuparam cargos de gestão da era petista. 

Agora, o  caso irá para a Justiça.

14 comentários:

Anônimo disse...

O caso tinha que ir para a Polícia Federal para colocar todos estes malditos FDP na cadeia.

Anônimo disse...

AQUI NO BANANÃO É A TERRA DO PAI DE SANTO....INCORPORA TUDO....

E A INICIATIVA PRIVADA CADA VEZ MAIS POBRE...PAGANDO A CONTA...P.Q.P..



LUIS disse...

QUE NOVIDADE NA ERA DO PT ISTO É POUCA COISA ......................

Anônimo disse...

Trilhos que trincam com o frio, Locomotivas com rolamentos que não suportam água da chuva, escadas rolantes que não funcionam, elevadores armadilha, sem segurança nas estações, mas a camarilha se adonando do Tremsurb.

E o Ministério Publico sem intervir, alias para que MP se não tomou uma atitude, bem como a camarilha da Metroplan?

jOEL

Unknown disse...

Só dá falcatrua... ou melhor, maracutaias, como diria o "mestre" Lulla!!!

Anônimo disse...

Vejam o organograma do Trensurb, um absurdo é maior que a estrutura da Microsoft por isso que naõ funciona.
http://mail.trensurb.com.br/apoio/estrutura.nsf/2957080ba1b3af5603257141006df75b/1a2c85ba28dcd6dc03257141006de055?opendocument

Joel

Anônimo disse...

Vejam o absurdo!

http://www.trensurb.gov.br/paginas/paginas_detalhe.php?codigo_sitemap=54

Anônimo disse...

Bem, indo para o poder judiciario agora vai...... demorar uns 20 anos para ser decidido. Até lá os beneficiarios terão morrido e a maracutaia estara perpetuada.

Anônimo disse...

DUVIDO QUE ESTES VALORES HAVIDOS INDEVIDAMENTE SERÃO DEVOLVIDOS.
A JUSTIÇA DO TRABALHO É CONIVENTE À SANGRIA AOS COFRES PÚBLICOS. NÃO SO HOMOLOGARÁ ESTES GANHOS MAS VAI AMPLIÁ-LOS, SÃO OS "DEREITOS ADEQUERIDOS". ESPEREM E VERÃO!!!

Anônimo disse...

Mais uma vez os petistas envolvidos em falcatruas...

Anônimo disse...

Que barrigada. Não foi nada disso que rolou na reunião. Te contaram. Kkkkk. A justiça já reconheceu a legalidade.

Anônimo disse...

Como funcionava:
O gestor petista solicitava a exoneração ao Presidente da Trensurb, Humberto Kasper, este o exonerava e dava a incorporação.
Era uma picaretagem. Mais tarde o próprio presidente e seu assessor também entraram na mamata. Bando de pilantras. Hoje recebem salários q chegam R$ 20 mil, quando deveriam receber 5 mil.

Anônimo disse...

dessa bezerra sai muito bife ainda, kkkkkk

Anônimo disse...

Tu não estavas na reunião e vai ter q devolver o que recebeu ilegalmente.