79,1% do povo brasileiro acham ruim e péssimo o governo Temer, diz Paraná Pesquisas

Avaliação do governo Michel Temer:

Ótima 0,8%
Boa 3,8%
Total -  4,6%
 
Regular 15,0%
 
Ruim 20,2%
Péssima 58,9%
Total -  79,1%
Não sabe/ não opinou 1,4%

6 comentários:

Anônimo disse...

Não acredito! Manipulação de dados. Não existe governo pior do que os dois últimos. Dos três presidentes com certeza Temer é o melhor. Está tirando o país da crise econômica deixada pelos péssimos gestores da coisa pública. Esse Instituto de Pesquisa perde sua credibilidade, porque considera que somos 83% de idiotas e ignorantes. Assim como os Institutos de Pesquisas o povo também se informa dos acontecimentos na Economia, Política etc. Hoje somos detentores dos mais sofisticados meios de informações não só do Brasil mas também do mundo inteiro. Ridícula essa pesquisa.

Anônimo disse...

*
QUANDO VÃO INVESTIGAR O FALSO novo INSTITUTO PARANÁ???

A quem interessa e por que fazer pesquisa em ano sem eleições?

Só pode ser para derrubar Temer...

e LULADRÃO USURPAR O PODER EXECUTIVO

(os outros poderes, todos, já são propriedades do LULARÁPIO)

através do gordinho Rodrigo Maia do DEM, o "Botafogo" da planilha de propinas da Odebrecht!









Não se esqueçam, amigos honestos brasileiros,

o DEM, nanico, já se vendeu para o Luladrão em 2014,

(talvez até nas eleições anteriores)


Anônimo disse...

*
QUANDO VÃO INVESTIGAR O FALSO novo INSTITUTO PARANÁ???

A quem interessa e por que fazer pesquisa em ano sem eleições?

Só pode ser para derrubar Temer...

e LULADRÃO USURPAR O PODER EXECUTIVO

(os outros poderes, todos, já são propriedades do LULARÁPIO)

através do gordinho Rodrigo Maia do DEM, o "Botafogo" da planilha de propinas da Odebrecht!

Não se esqueçam, amigos honestos brasileiros,

o DEM, nanico, já se vendeu para o Luladrão em 2014,

(talvez até nas eleições anteriores)


Anônimo disse...

CLARÍN: REJEIÇÃO A TEMER É A MAIOR DESDE INÍCIO DA DEMOCRACIA NO BRASIL:

Matéria publicada nesta sexta-feira (28) pelo jornal argentino Clarín comenta o resultado da pesquisa realizada para medir a popularidade de Michel Temer; diário afirma que Temer é rejeitado pelos setores mais populares do Brasil, assim como pela classe média e meio artístico; Clarín informa que 5% considera bom o governo do peemedebista e nada menos que 70% consideram simplesmente terrível; apenas 21 por cento o chamou de regular, acrescenta; números resultam da mais recente pesquisa realizada pela empresa Ibope.

28 DE JULHO DE 2017

Jornal do Brasil - Matéria publicada nesta sexta-feira (28) pelo jornal argentino Clarín comenta o resultado da pesquisa realizada para medir a popularidade do presidente do Brasil.

O diário afirma que Michel Temer é rejeitado pelos setores mais populares do Brasil, assim como pela classe média e meio artístico.

Clarín informa que 5% considera bom o governo do presidente brasileiro e nada menos que 70% consideram simplesmente terrível. Apenas 21 por cento o chamou de regular, acrescenta. Estes números resultam da mais recente pesquisa realizada pela empresa Ibope.

Os números revelam que a popularidade do presidente caiu drasticamente entre março e julho: passou de 10% há quatro meses para exatamente a metade. Ele também tem o pior indicador desde o início da democracia no Brasil (em 1985), destaca o Clarín.

O periódico aponta que alguns setores estão profundamente irritados com várias das medidas do presidente Temer. A impopularidade pode ser explicada por uma série de fatores, como por exemplo pela crise econômica, que vem atingindo não só os trabalhadores de carteira assinada, mas os autônomos, cientistas, acadêmicos e pessoas de setores de cultura.

Clarín também diz que o presidente diminui sua popularidade por conta da queixa feita pelo procurador Rodrigo Janot, que acusou o político de estar envolvido em corrupção com a empresa JBS.

Foi este último escândalo, deflagrado no dia 18 de maio, que criou uma crise sem precedentes, ressalta o texto. A situação é tão grave que afetou a recessão, que aumentou nos últimos dois meses. Isso explica por que o governo sofreu retração da arrecadação de impostos, o que causou uma queda considerável nos fluxos e agora requer aumentar os impostos e despesas cortadas drasticamente. (...)

PS: E ainda tem gente que apoia o Temerário?

Anônimo disse...

E daí? Temer não é candidato a nada!!! 100% do povo pode odiar ele, mas ele ficará até 31/12/18 e tamos conversados!!

Anônimo disse...

Se Temer é inocente, Dirceu merece desculpas, diz Lava Jato:

28/07/2017

Jornal GGN - Se Michel Temer for inocentado do processo em que é acusado de receber propina da JBS por meio de Rodrigo Rocha Loures, o Judiciário terá de pedir desculpas a José Dirceu por ter sido condenado com base em indícios muito mais frágeis do que os que existem contra o presidente da República. É o que dizem investigadores da Lava Jato ouvidos pelo jornal Valor Econômico, em condição de anonimato.

"Em conversas reservadas, investigadores apontam que, se Loures for condenado e Temer inocentado, o Judiciário teria que fazer um "pedido de desculpas" ao ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, que teria sido condenado no processo do mensalão com base no chamado 'domínio do fato', com provas que seriam bem mais frágeis que as existentes hoje contra Temer", publicou o Valor, nesta sexta (28).

A opinião dos investigadores está inserida em reportagem sobre o futuro do processo contra Loures caso a Câmara rejeite a abertura de investigação contra Temer, por corrupção passiva.

Se Temer só puder ser processado quando tiver encerrado o mandato, o Supremo Tribunal Federal deverá fatiar o inquérito e enviar as informações contra Loures para a primeira instância. Na tentativa de evitar isso, 'a defesa de Loures tentará argumentar que o caso dele também deve ficar suspenso, aguardando o julgamento de Temer."

A reportagem ainda especula qual seria o destino do processo contra Loures. Relator da Lava Jato, o ministro Edson Fachin poderia remeter o caso para a Justiça de Brasília, uma vez que o pagamento de propina a Loures foi combinado na capital, em reunião com um executivo da JBS. Nesse caso, o caso iria para as mãos do juiz Vallisney de Souza Oliveira, que também cuida da Zelotes e da Greenfield.

Outra possibilidade seria enviar a Justiça Federal de São Paulo, onde Loures foi filmado recebendo a mala de propina da JBS com R$ 500 mil.

As chances do processo parar nas mãos do juiz Sergio Moro, no Paraná, são "remotas".

"Se a acusação contra Loures for remetida à primeira instância, tudo indica que será julgada de forma mais rápida que no STF, complicando a situação do ex-deputado e, indiretamente, também a imagem de Temer. Se a Câmara rejeitar a autorização para a denúncia contra o presidente, a acusação contra ele ficará suspensa, mas voltará a correr após a perda do foro privilegiado", acrescentou o jornal.

PS: Contra o Zé Dirceu e todos os acusados sem prova do MENTIRÃO (Hildegard Angel) .http://www.hildegardangel.com.br/para-historiadora-massacre-diario-de-12...
os alquimistas do judiciário usaram uma adaptação da tal Teoria do Dominio do Fato que o jurista alemão que a desenvolveu desautorizou publicamente. Porque os midiáticos juízes colocaram um Turbante de Carmem Miranda em sua Teoria.
Contra o Lula inventaram o crime de "Lavagem de Apartamento" que só existe na Literatura do Direito do menino atrevido de Curitiba.
http://jornalggn.com.br/noticia/nassif-mr-bean-e-a-lavagem-de-apartament...