'Empoderamento feminino' é clichê constrangedor, diz Washington Olivetto

Foto de Marcelo Tabach, Divulgação.

Na lúcida entrevista a seguir, a repórter Ingrid Fagundez, BBC Brasil em São Paulo, conta que o publicitário Washington Olivetto, acha que "Pensar fora da caixa", "quebrar paradigmas", "desconstruir" e "empoderamento feminino", são apenas "clichês constrangedores" criados, de tempos em tempos, pela publicidade - e pela sociedade. E avisa:
- São todos primos-irmãos de um baixo nível intelectual, do 'beijo no seu coração'. A gente tem que fugir desses clichês.

Leia a reportagem:

Presidente da agência W/McCann, eleito duas vezes "Publicitário do Século" pela Associação Latino-Americana de Agências de Publicidade e ganhador de mais de 50 Leões no Festival de Publicidade de Cannes, o responsável por campanhas como Garoto Bombril vê sua área mais pressionada pelos consumidores e pelo politicamente correto, "que muitas vezes é bem-educado, mas é chato".

BBC Brasil - A publicidade adotou temas que antes eram exclusivos de movimentos sociais, como diversidade sexual e o feminismo. O que acha dessa tendência?
Washington Olivetto - A publicidade, seja quando começou, seja hoje, tem uma característica fundamental: a presença de uma grande ideia.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

10 comentários:

Anônimo disse...

Realmente que criam essas baboseiras são os publicitários mentecaptos, mas o pior são as empresas que concordam coma publicidade e pagam fortunas. Tem um filme épico com a Jane Fonda e o Jason Robards que desvenda essa porcaria toda do politicamente correto. E a mídia replica por exemplo; o bandido matou e foi preso e eles dizem; "o suspeito foi apreendido"...
Como dizia o Marshall McLuhan; é como o meio ou o canal em que a mensagem é transmitida interfere muito mais no impacto dela, do que o próprio conteúdo.
Joel

Anônimo disse...

Beijo no seu coração....essa é foda..da vontade de vomitar...boa Olivetto. Achei que estava sozinho nessa.

Anônimo disse...

O feminismo brasileiro é apenas uma sala pequena e fedendo a peido dentro do seu diretório local do PSol ou do PT.

Anônimo disse...

Um publicitário será sempre só um vendedor de sabão em pó... o resto é pura manipulação do inconsciente do consumidor alvo...
Ao tentarem atingir o maior número de pessoas baixaram o nível de expectatias para o dos consumidores de mais baixa renda... mas os sonhos não são iguais e os mais básicos socialmente evoluem com o tempo...
Faz muito ... mas muito tempo mesmo.. que não consigo elogiar uma propaganda como fazia no passado...
Faz muito... mas muito tempo mesmo... que saio cantarolando um gingle por aí...
Tentaram me vender a idéia de que eu era alguma coisa muito diferente do que sou e acabaram não conseguindo nem mais me vender o sabão em pó...
Um publicitário ... como eu disse no início... é tão somente... um vendedor de sabão em pó...
Se o Washington se tocou... ótimo ...mas convenhamos levou "apenas" vinte anos pata tal...

Anônimo disse...

Grande Olivetto. Continua criativo e sem medo do patrulhamento.

Anônimo disse...

Concordo absolutamente com tudo !

Sheila disse...

Quem cria essa novilíngua não são os publicitários, mas a turminha da esquerda, pois dentro do conceito gramscista deles, tudo e todos devem ser contaminados com a esquerdice, sem se dar conta. O politicamente correto é uma arma de destruição da massa cerebral, pois impede que as pessoas se vejam como pessoas, com seus valores e princípios e substitui pelo reflexo exterior dela: raça, gênero, classe social, etc. O politicamente chatésimo é um cabresto moralista poderoso para educar o ocidental a ser um robozinho da ONU e nada contestar. Essa gente acha que com isso estará criando o sonhado "Novo Homem" em um "Novo Mundo", onde os valores individuais e opiniões pessoais são mortos em nome dos interesses coletivos e globais. Desconstruir, eurocentrado, dívida histórica, patriarcado,etc, é o vocabulário recorrente dessa escória. Quer irritá-los? Fale a palavra LIBERDADE e eles ficarão histéricos, pois o sonho deles é o "controle social".

Anônimo disse...

KKK VERDADE CLICHES CRIADOS PELO MIDIA. .... PIOR O CLICHEEEEEE DA TAL SILICONADA WALESCA POPOSUDA COM LITROS DE SILICONE NO BUMBUM E NOS SEIOS COM SEU CLICHHHHHHE- BEIJINHO NO OMBRO. KKKK NINGUEM MERECE

Anônimo disse...

OLHA O MORTADELA FALANDO QUE É COISA DO PSOL E PT= NADA A VER SEU COMENTARIO ISTO É TENDENCIA MUNDIAL E NAO TEM NADA DE FEMINISMO NISTO EU SOU TUCANA E APOIO NAO OS CLICHES MAS APOIO AS MULHERES .CHEGA DE TRATAR MULHER COMO OBJETO POR EXEMPLO

Anônimo disse...

ta correto essas girias sao ridiculas, na minha universidade o professor q falar giria esta no olho da rua