TRT do RS dá mau exemplo nesta greve política de hoje

O Tribunal Regional do Trabalho do RS mandou os trabalhadores dos trens do Trensurb trabalharem nos horários de pico.

Mas fechou as portas por conta da greve, embora atenda em regime de plantão.

10 comentários:

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Justiniano disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

Achei que eles iriam trabalhar para tocar as extinções das fundações públicas, tudo depende do TRT para intermediar e fazer as demissões dos empregados celetistas e assim poderem logo fechar as fundações dispensáveis e alocar recursos em segurança,saúde e educação.

Anônimo disse...

Justiça do trabalho é uma jabuticaba que só existe no Brasil. Em outros países a justiça é uma só, mais enxuta e menos onerosa. Somos o joãozinho do passo certo?

Unknown disse...

Corte é corte!!!
Nobres são nobres!!!
E o Brasil é um país surrealista!!!
Aliás, por que este tribunal não avança em direção à modernidade tomando a iniciativa de alterar os dispositivos legais que preveem que ônus da prova seja do empregador nas causas trabalhistas movidas por empregados???
Por que manter a vergonhosa aposentadoria de Vogais(empregado e empregador) com salário integral de juiz, depois de cinco(5) anos de trabalho???
Por que manter uma Justiça do Trabalho na qual a soma dos gastos é superior à das indenizações trabalhistas???

Anônimo disse...

Auto-exemplo de vagabundagem explicita.

Roberto disse...

Teria sido a criação da CLT, em 1943, o verdadeiro motivo do suicídio do infeliz ditador de araque que a inventou, em 1954?