Taxa de desemprego cai pela segunda vez este ano, mas continua insuportavelmente alta

O desemprego em massa é a pior das heranças malditas deixadas por Dilma, PT.

A taxa de desemprego ficou em 13,3% em maio, segundo dados divulgados nesta sexta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), por meio da pesquisa Pnad Contínua. No mês passado, o Brasil tinha 13,8 milhões de desempregados.


Trata-se de uma redução em relação à taxa de abril, que foi de 13,6%. Mas, na comparação com o mesmo período do ano anterior, quando o índice foi de 11,2%, o quadro foi de elevação (2,1 pontos percentuais). 

Segundo o instituto, é a segunda queda seguida da taxa desde 2014, mas a maior taxa para maio da série histórica, iniciada em 2012.

Um comentário:

Anônimo disse...

Como derrubar o ESTADO DE DIREITO sem que haja desempregados?