TSE excluirá provas e inocentará Dilma+Temer por 4 x 3

Os sete ministros que julgam a impugnação da chapa Dilma-Temer voltarão as 14h30min, mas ficou evidente, est amanhã, que ocorrerão os seguintes dois votos decisivos de aprovação:

1) As provas de Odebrecht e João Santana não serão aceitas.
2) Dilma e Temer serão inocentados.

Tudo isto vislumbra-se nas posições da maioria, Gilmar Mendes entre eles.

PT e PMDB vencerão por 4 x 3.

Os advogados de Dilma e de Temer estão afinadíssimos com os quatro ministros que os apoiam.