Quatro cidadãos gaúchos foram abatidos como gado, esta manhã, em Porto Alegre

O editor foi obrigado a engolir tudo o que escreveu no início desta manhã, quando afirmou que a presença maciça de brigadianos no policiamento ostensivo evitou chacinas neste final de semana de Porto Alegre.

Acontece que quatro pessoas foram mortas a tiros na manhã deste domingo em dois episódios de violência registrados na Zona Sul de Porto Alegre.

Em um dos crimes, três pessoas, sendo dois homens e uma mulher, foram baleadas em uma casa na Alameda 5 da Rua Dona Luísa, no bairro Nonoai, nas imediações da Rua Orfanotrófio.
A mulher foi identificada como Indiara Silva Leal, de 28 anos, e um dos homens, como Denilson Neves Monteiro, de 16 anos. O terceiro homem não foi identificado. 

Apenas duas horas depois do triplo homicídio, a polícia recebeu a informação de que uma quarta pessoa havia sido morta a tiros no Beco do Rio Tejo, perto da Rua Erechim, a cerca de 1,5 km do primeiro caso. A vítima foi identificada como Ivan Ferraz da Silva, de 49 anos.

20 comentários:

Anônimo disse...

Políbio, essas mortes aí só dominuirao quando o tráfico de drogas for eliminado.

Anônimo disse...

É, o furo é mais embaixo ...
O PT alastrou e expandiu o tráfico de drogas já que está envolvido no narcotráfico, também (unha e carne com Maduro que tem sobrinho traficante preso nos USA, Evo Morales).
Essa bomba do PT + narcotráfico ainda vai vir a público.
Esperem e verão.

Anônimo disse...

É de conhecimento público que a maior causa de crimes é decorrente do tráfico de drogas.
Ficam aqui umas perguntas:
1) Se não houvesse consumo de drogas não haveriam estes crimes?
2) São somente os pobres e desvalidos usam drogas, principalmente o craque?
3) Quem são os que consumem cocaína, alfetaminas e outros alucinógenos, onde moram e qual o poder aquisitivo destes?
Neste assunto a sociedade é cínica, se finge de cega para não saber que um parente, um amigo, um conhecido é usuário de drogas. Então, se há demanda de drogas o mercado se adecua para atender os consumidores.
O mercado é altamente lucrativo, pois atende dependentes, então se estabelece uma concorrência por áreas de vendas. Como o negócio é ilícito vale a lei das selvas.
Quem consume e não paga, paga com a vida. Quem invade uma área de "negócio" estabelece uma guerra.

Anônimo disse...

esse tipo de crime tem todas as caracteristicas de se relacionar ao acerto de contas por causa de drogas...

nao ha muito o que a policia possa fazer nesse tipo de crime, salvo algum engano na minha analise, ja que o post nao explica muito bem os detalhes do ocorrido...

Anônimo disse...

Polibio, em torno de 95% dos homicídios devem ter relação com drogas.

Anônimo disse...

Mais uma barrigada do pior jornalista do estado.
Vive numa bolha e desconhece a realidade, daqui a pouco posta q é tudo culpa do PT.

Anônimo disse...

Pode dubrar o efetivo policial, será apenas paliativo, na realidade a sociedade apodreceu.

Anônimo disse...

Então por que tu entra no blog? Pra ler o que dizem do teu partido corrupto? É mais um zumbi do PT, tem cara que é doente por futebol, tem esses doentes por partido político. Nem de sexo gostam. O orgasmo desses loucos é um discurso do lula.

Anônimo disse...

Na editor vc gosta de escrever sem informar-se....sou uber e hoje pela manhã levei até zona sul a ex-cunhada dessa moça assassinada para informar ao filho de 12 anos da vitima sobre o fato....editor essas mortes são relacionadas ao trafico (briga de falange por pontos de venda)informe-se quem trabalha com tráfico é preso ou morte.. .vc escreve como se estivessem matando trabalhadores...se eles estivessem presos nada disso teria ocorrido.
O único que morreu de graça foi o motorista do uber no Santa Teresa.. .estava carregando traficante e apareceu outra falange...fogo em todos

Anônimo disse...

Estes crimes decorrentes de tráfico ou outras gangs não deveriam ser chamados de cidadãos gaúchos mortos e nem entrar nas estatísticas
Sou da mesma opinião do leitor acima que disse que só acaba o tráfico quando consumir não seja crime

Ultra 8 disse...

Parabéns aos dois vagabundos,Schirmer e ao seu patrão Sartori.

Aqui neste estado para este povo, parece que governador e seus cúmplices tem o direito de nos deixar nas mãos de assassinos como se a vida não valesse nada, e estes vagabundos no poder apenas defendem o pagamento da "sagrada dívida" que eles mesmos contrairam com os vampiros banqueiros mundo à fora.

Para os banqueiros,todo o respeito e pagamento em dia, para o povo, morte por assassinato de gangs e outros mais e pela fome.

Se fosse em país de 1° mundo, este verme com apelido de governador,já estaria na cadeia junto com o genocida de Santa Maria.

Destruir a população é o mote da nova ordem mundial comunista que este lixo de governador segue a risca.

Que se saiba no capitalismo se procura o bem estar e desenvolvimento da sociedade,e no comunismo,se rouba a população e a deixa refém da criminalidade e na pobresa abjeta como se faz por aqui...

Anônimo disse...

NÃO MORREU GENTE SUFICIENTE AINDA PARA O EXÉRCITO ATUAR AQUI.
MAS DEPOIS QUE MORRER GENTE SUFICIENTE O EXÉRCITO VIRÁ FAZER SHOWZINHO PIROTÉCNICO.
DEPOIS DE O CAUS TERMINAR ELES IRÃO EMBORA E COMEÇARA TUDO OUTRA VEZ ATÉ O GOVERNO INTERVIR OUTRA VEZ PARA TER PALANQUE PARA SE ELEGER.
O DIA QUE POLÍTICOS E GOVERNOS CORRUPTOS BRASILEIROS ACHAREM QUE A EDUCAÇÃO SERÁ A SOLUÇÃO DE TUDO, TEREMOS PROBLEMAS MENORES.
MAS POR ENQUANTO A MAIORIA DA POPULAÇÃO ANALFABETA FUNCIONAL SE CONTENTA COM SHOWZINHOS PIROTÉCNICOS.

Façanha, o advogado do povo disse...

A turma do tráfico é muito violenta.

Anônimo disse...

Daqui do nosso prédio, quase em frente à Igreja Santa Flora, início da Cavalhada, ouvimos muitos tiros em sequência vindos da direção do bairro NONOAI.

Foram vários tiros de pistola automática, exatamente 20 minutos antes das 6 horas da manhã, quando todo mundo ainda está dormindo, num domingo.

Foi um tiroteio, com mais de uma pistola automática, bem nos últimos minutos antes de começar a amanhecer!

Então sabíamos que alguém devia ter morrido!!!

Anônimo disse...

***
NÓS OUVIMOS, BEM PERTO DALI!!

Daqui do nosso prédio, quase em frente à Igreja Santa Flora, início da Cavalhada, ouvimos muitos tiros em sequência vindos da direção do bairro NONOAI.

Foram vários tiros de pistola automática, exatamente 20 minutos antes das 6 horas da manhã, quando todo mundo ainda está dormindo, num domingo.

Foi um tiroteio, com mais de uma pistola automática, bem nos últimos minutos antes de começar a amanhecer!

Então sabíamos que alguém deveria ter morrido!!!

Não entendo!!

Os traficantes matam seus próprios clientes!!

Daqui a pouco não terão mais para quem vender!!

kkkkkkķkkkkkkkkk!!

Baitas comerciantes!!!!

Anônimo disse...


NÓS OUVIMOS OS TIROS!!

Daqui do nosso prédio, quase em frente à Igreja Santa Flora, início da Cavalhada, ouvimos muitos tiros em sequência, vindos da direção do bairro NONOAI.

Foram vários tiros de pistola automática, exatamente 20 minutos antes das 6 horas da manhã, quando todo mundo ainda está dormindo, num domingo.

Foi um tiroteio, com mais de uma pistola automática, bem nos últimos minutos antes de começar a amanhecer!

Então sabíamos que alguém devia ter morrido!!!

Anônimo disse...

Culpa de quem???... do jornalista?... essa petezada só matando

Anônimo disse...

Quem se mete com droga, seja como traficante, empregado do tráfico ou usuário sabe que está com os dias contados. A polícia não pode ficar protegendo quem procura sarna para se coçar.Deve proteger o trabalhador de bem.

Anônimo disse...

Quem se mete com droga, seja como traficante, empregado do tráfico ou usuário sabe que está com os dias contados. A polícia não pode ficar protegendo quem procura sarna para se coçar.Deve proteger o trabalhador de bem.

Eduardo PoA disse...

Exatamente. Muito provabelmente vários dos "anônimos" que aqui esbravejam contra traficantes têm parentes e amigos que fumam ou cheiram. Mas a questão da demanda nunca é trazida à baila, porque não seria de bom tom saber que o tráfico de drogas também está dentro da casa de doutos advogados, vetustos juízes, implacáveis promotores, graduados funcionários públicos e competentes empresários.