Entenda por que CEEE, CRM e Sulgás não devem prosseguir vampirizando dinheiro público dos gaúchos

Na entrevista da qual também participou o editor no Frente a Frente da TVE do RS, ontem a noite, o chefe da Casa Civil de Sartori, Fábio Branco, deixou claro que CEEE, CRM e Sulgás seriam vendidas ou federalizadas mesmo que não existisse o Plano de Recuperação Fiscal dos Estados (leia a seguir).

O secretário Fábio Branco explicitou com clareza oceânica a decisão de Sartori:

- CEEE Distribuidora fecha seus balanços com prejuízos milionários e se fechar o balanço deste ano com novo déficit, perderá a concessão. O controlador, que não consegue dinheiro para pagar salários em dia, não possui os R$ 600 milhões que precisaria alocar no capital da estatal para salvá-la em 2017. No caso da CRM, como se sabe, também o prejuízo é a tônica e além disto ela só tem um cliente, a CGTEE, que não lhe garante sequer preços compatíveis. No caso da Sulgás, a questão é mercadológica. Em qualquer dessas áreas em que atuam as três estatais, players maiores, federais ou privados, fazem melhor ou fazem a mesma coisa. Elas não precisam mais ser supridas pelo Estado.

Ou seja, estatal que dá prejuízo ou mercadologicamente não tem por que ser estatal, vai para a lista de inservíveis.

A ordem é reservar dinheiro público para segurança, educação, saúde e infraestrutura, mas este dinheiro, hoje, vai para áreas que não são prioritárias e até são desnecessárias.

25 comentários:

PAULA disse...

SE NÃO DA LUCRO PORQUE OS CHINESES COMPRARIAM PARA TEREM PREJUÍZO NO BRASIL,SÓ IDIOTA PARA ACREDITAR.

Nelson disse...

Bota na lista também CESA, CORAG e a, citada acima, CGTEE.

Anônimo disse...

Infelizmente, para entender a necessidade de privatizar, são necessários 2 neurônios e capacidade de raciocínio lógico, coisa rara no eleitorado gaúcho. Para piorar, existe o esquerdismo infantil impregnado, a patologia ideológica recalcitrante, e o corporativismo criminoso, todos forças a remar contra o sucesso no plebiscito. Veja o resultado da enquete, só pode ser fruto de comprometidos forçando um resultado totalmente contrário ao bom senso.

Anônimo disse...

É isso aí.
Mas a petezada não quer nem ouvir falar nisso,porque são adeptos da teoria de que o Estado é paizão de todos.
Além de que,é nestas empresas onde estão as bocas para empregar a cupinchada do partidão.

Anônimo disse...

ridiculo quem defende estatais, seria melhor doar essas bostas, verdadeiras comedeiras de nossos impostos

Anônimo disse...

Bom dia Editor.
Se são tão "desnecessárias " ao estado, por que não encaminhou solução no dia 01.01.15?
# falta de competência?

Anônimo disse...

Esse secretário pífio (citado na lava jato) não sabe nem do que está falando. O Gurpo CEEE por exemplo apresentou quase R$ 500 milhões de lucro no último ano e não recebe nenhum aporte de dinheiro do governo do estado. Desafio esse secretário mal intencionado e desinformado a provar que o Estado investiu algum recurso no Grupo CEEE.

Justiniano disse...

Tem que acabar com as empresas estatais porque são mal geridas, viram cabide de empregos e vivem em deficit.

Como anda aquele elefante branco para produção de "chips", aquilo acredito que somente gasta dinheiro público com altos salários e produção pífia.

elias disse...

Polibio,, cuidado.

80% dos empregos formais em porto triste, a cidade mais feia e suja do bananaquistão, tem como integrantes o poder público, dos 3 ramos e seus puxadinhos.

Portanto, mexe-se com 80% da população, em um calculo horrorosamente errado, mas que dá a dimensão do estado real das coisas.

Por isso é que a esquerdalha tem tantos adeptos por ai, pois são só vagabundos e encostados no dinheiro publico, que dá em árvore e não tem fiscalização alguma, pois esses mesmos é que fazem o controle.

Para que eu quero descer.

Anônimo disse...

Excelente ! É exatamente assim! Empresas que não dão lucro para o Rio Grande do Sul e em áreas que a iniciativa privada pode fazer mais e melhor, devem ser vendidas, privatizadas, entregues, o quanto antes, para diminuir o prejuízo do nosso Estado. Vamos em frente !

Unknown disse...

DÁ-LHE SARTORI!!!
Plebiscito nelles!!!
O povo está do teu lado, cansado de sustentar ineficiências e cabides de empregos públicos!!!

Anônimo disse...

A quadrilha da ORCRIM, fica quieta e não explica a onde o desgoverno do incompetente tarso genro, BOTOU OS MAIS DE 3 BILHÕES DE REAIS QUE O GOVERNO DA LA LOCA, PAGOU PRÔ ESTADO, DE UMA DÍVIDA ANTIGA DA UNIÃO COM O RIO GRANDE...??? recebeu essa baita grana, que poderia ter investido na própria CEEE, e o dinheiro foi gasto com os funcionários públicos.

- Agora no ano que vem a gauchada tem mais uma oportunidade de eleger outro governador do PT(partido do trambique). Isso prá acabar de vez com o Rio Granda.

- Partido do trambique - é público e notório...!!!

Anônimo disse...

Dinheiro não nasce em árvore idiota. Quem comprar vai ter que correr atrás de financiamento e assumir os riscos. Hoje este custo todo cai pro povo pagar.

Anônimo disse...

E os salários de MARAJÁS.... nós que pagamos. E os investimentos pra RENOVAÇÃO e AMPLIAÇÃO da rede???? E o empréstimo PARCERIA que Tarso pegou de r$ 1BI na calada da noite em dezembro de 2013? Tudo nós, o POVAO que pagamos este trem da alegria.

Anônimo disse...

A dos chips quando privatizar vai DECOLAR!!!

Anônimo disse...

Os chineses não administraram a empresa com a bunda como faz a pelegada.

Anônimo disse...

Estatal dada de graça já é lucro.

Anônimo disse...

Este governo não consegue convencer nem sua base o que dira seus eleitores, sartori ta dando um jeito é de embolsar uma graninha entregando para os chineses nosso patrimonio.

Anônimo disse...

Este governo não consegue convencer nem sua base o que dira seus eleitores, sartori ta dando um jeito é de embolsar uma graninha entregando para os chineses nosso patrimonio.

Anônimo disse...

Só quem lucra com esses valhacoutos de incompetência, parasitismo e corrupção, são as corporações de funcionários e os políticos.

Privatizar só CEEE, CRM e Sulgas é pouco.
Tem que privatizar o Banrisul, CESA, etc.

Anônimo disse...

Como diria Roberto Campos, estatal é como mamilo em macho: não é nem funcional nem estético.
Em suma, não serve pra nada!

Anônimo disse...

Já privatizaram a CESA ou não? como ficou essa porcaria?

e as fundações ineficientes como a FDRH? já foram pro espaço?

Nossa, parece que tudo continua como está, que desperdício de dinheiro público.

CLAUDIO disse...

Quando algum dos participantes vai falar na possibilidade de o estado assumir a folha de pagamento de inativos que a CEEE-D suporta, resultado de uma manobra de governo?

Ou devem ser privatizados junto com o Grupo ?

Anônimo disse...



As Empresas privadas somente tem fama de eficientes. Notem que a maioria das grandes empresas vivem do dinheiro publico há anos. Vamos ver a lista dos maiores devedores de INSS, a lista das empresas que recebem isenções e quanto em todas as esferas isto custa do dinheiro público. Gostaria de saber da onde sai a convicção que o serviço privatizado fica mais barato e funciona a favor do povo. A única diferença que ele é melhor explorado e converte em lucro para o empresario. E esta é a malandragem dos políticos porque a "gasolina" nunca vai baixar o preço para favorecer o cidadão. Você não vai deixar de pagar o IPVA e ainda vai pagar mais pedágios. Neste Blog tem um post que revela a lista dos devedores de INSS, olhem e analisem e pensem como é possível grandes empresas ficarem devendo tanto dinheiro.

Anônimo disse...

Acho que vc precisa se informar, o governo nunca colocou dinheiro na ceee e sim a ceee que coloca dinheiro no caixa único e o governo paga o salário de seus funcionários.