quinta-feira, 13 de abril de 2017

Só 2,7% de valor repassado foi para caixa 2

O grosso do dinheiro sujo foi para Dilma.

A reportagem a seguir é do Estadão de hoje, assinada por Daniel Bramatti, Marcelo Godoy e Ricardi Galhardo.

Os recursos de caixa 2 em campanhas eleitorais representam apenas 2,76% do total de dinheiro pago, segundo os delatores da Odebrecht, nos crimes investigados pelo Supremo Tribunal Federal (STF). No total, a Procuradoria-Geral da República classificou R$ 12,4 milhões recursos não declarados pelos políticos à Justiça Eleitoral.

O ministro Edson Fachin determinou a abertura de 76 inquéritos para investigar os crimes de caixa 2, de corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro e fraude em licitação envolvendo quase uma centenas de investigados. Desses, 26 casos (34%) envolvem caixa 2, segundo a Procuradoria. Outros dez envolvem supostas propinas disfarçadas de doações eleitorais – ao todo, R$ 43,8 milhões teriam sido pagos dessa forma.


Partidos. O partido que mais recebeu recursos supostamente ilegais da Odebrecht foi o PT, com R$ 204,9 milhões.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

6 comentários:

Anônimo disse...

1 real de caixa 2 já é motivo pra CADEIA !!
Foi esse câncer do "caxa 2" que colocou o Brasil no fundo do poço.
COLOCA TODOS NA CADEIA !!!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Isto prova que o PT sempre foi coerente, sempre foi o partido da honestidade e da decência e comprova o que todos sabemos: Lula e Dilma são os mais honestos dos honestos do PT, imaginem o que são os mais desonestos!

Anônimo disse...

Agora é tomar os bens dos corruptos e fechar o partido, segundo a lei.

Unknown disse...

Quem é Dillma???

Anônimo disse...

Essa aí logo logo vai TER um AVC... Maneira facil de escapar de Curitiba.

Anônimo disse...

Tem pelo menos indicio de provas materiais? O traíra, por exemplo já se sabe que do checão "nominal" de 1 milhão e a reunião no palácio do jaburu delatada por mais por MO e outros executivo da Odberch, reunião essa confirmada pelo traíra....