Fraport quer Salgado Filho voando para EUA, México e China, além ocupar 100% das cargas aéreas do RS

O Jornal do Comércio, Porto Alegre, conta em sua edição diária que em curto prazo, o foco da empresa alemã Fraport será estabilizar a operação do aeroporto Salgado Filho e atrair mais cargas para o complexo.

O embaixador da Alemanha no Brasil, Georg Witschel, afirmou em almoço a Câmara Brasil-Alemanha no Plaza São Rafael, esta semana, que a instalação da companhia em Porto Alegre abre a possibilidade para o incremento do transporte aéreo. O dirigente espera um incremento do número de voos internacionais para países como Uruguai e Argentina, além da retomada das viagens para os Estados Unidos, mais frequências de voos para a Europa, hoje realizados pela TAP, assim como novos destinos como, talvez, o México e a China. Atualmente, quanto aos lugares e procedências internacionais com ligação com o Salgado Filho, há voos para Montevidéu, Lisboa, Panamá, Buenos Aires e Lima. As operações diretamente para Miami, nos Estados Unidos, foram interrompidas em março de 2016. A Fraport venceu recentemente o leilão pela concessão do aeroporto gaúcho e a contrapartida em investimentos prevista é de pelo menos R$ 1,9 bilhão que contempla, entre outros pontos, a ampliação da pista.

CLIQUE AQUI para ler tudo.