Metade das contas inativas do FGTS irá para 10% dos trabalhadores

Matéria divulgada nesta sexta-feira pelo site G1, mostra que 10% dos trabalhadores com direito a sacar de contas inativas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço -FGTS ficarão com metade do total pago, chegando a um valor de R$ 21,7 bilhões.

Levantamento da Caixa Econômica Federal mostra que 2,8 milhões de pessoas vão receber de R$ 3 mil a R$ 50 mil cada uma, totalizando R$ 21,7 bilhões. Outras 16,6 milhões ganharão, em média, R$ 500 cada uma. Um percentual de 0,16%  pode sacar valores acima de R$ 50 mil e a maioria, com 5 milhões de pessoas, pegarão de R$ 501 a R$ 1 mil. Os economistas avaliam que os saques das contas inativas do FGTS podem ajudar a reduzir a inadimplência, mas não irão reaquecera economia do país, considerando que quase todos usarão o dinheiro para o pagamento de dívidas, e uma parcela pequena fará aplicações financeiras.