Área de preservação ambiental está sendo devastada e a prefeitura finge não ver

Há três anos, uma área de mata ciliar localizada no bairro Teresópolis, zona sul de Porto Alegre, vem sendo devastada para dar lugar a uma favela. A Secretaria de Meio Ambiente sabe do que está acontecendo no local porque os moradores da região vêm, nesse período, fazendo constantes alertas. Mas segue sendo omissa.

A invasão começou com meia dúzia de casebres improvisados. Agora, já são quase 100 e segue aumentando.

7 comentários:

Anônimo disse...

No Terreno da FDRH, esta ocioso , visto que a fundação não faz nada, pode ser para algo social certamente.

Anônimo disse...

Mas tchê !
Esperar o que de políticos ?????
Nada.

Magno disse...

Tem algum idiota do PT/PSOL - e no PT/PSOL todos os são - que trabalha para que isto aconteça.

Anônimo disse...

O PT FAZ FALTA!!!

E antigamente era possível colocar a culpa no PT!

E agora?

O PT está fazendo falta!

Anônimo disse...

as luxuosas propriedades de tarso podem ter funçao social tambem

Anônimo disse...

culpa do Marchezan

Anônimo disse...


A prefeitura não fiscaliza nada em Porto Alegre. Não trabalha de forma preventiva. A má vontade é tão grande que os setores da prefeitura se negam a receber algumas reclamações. É o tal do empurra-empurra. Vamos ver se o Marchezan muda este quadro.