quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Artigo, José Casado, O Globo - Jorge, 47 anos depois

O ex-guerrilheiro agora é um governante recluso, sitiado pela calamidade administrativa e processos por corrupção. Aguarda que o correr da vida embrulhe tudo

Na manhã de segunda-feira, 2 de março de 1970, quatro homens assaltaram um veículo em Canoas (RS). Roubaram o equivalente a R$ 565 mil da Ultragraz.

Na ação estava um jovem de 19 anos, alto, magro, emplastro no rosto e revolver calibre 38 na mão. O mineiro Jorge era da VAR-Palmares, derivado do Comando de Libertação Nacional (Colina) e da Vanguarda Popular Revolucionária (VPR), devotados à luta armada contra a ditadura.

Mês seguinte, interceptaram outro carro, em Porto Alegre. Naquela noite de sábado, 4 de abril, Jorge desceu do Fusca apontando um calibre .45 para o cônsul americano Curtis Carly Cutter, 42 anos. Veterano da guerra da Coreia, Cutter acelerou seu vigoroso Plymouth Fury. Levou bala no ombro. Deixou um deles estirado, com o tornozelo ferido pela roda — logo foi preso, torturado, e amargou três anos na cadeia.

O manquejar de Fernando Pimentel, governador de Minas, é herança desse confronto, quando vestia a máscara do terrorista Jorge na liderança da “Unidade de Combate Manoel Raimundo Soares” da VAR-Palmares gaúcha.

Passaram-se 47 verões. Pimentel agora é um governante recluso, sitiado pela calamidade administrativa e processos por corrupção.

CLIQUE AQUI para ler mais.

18 comentários:

Fritz disse...

Luta armada contra ditadura o escambau! Se tivesse ocorrido o 31/03/1964 estaríamos hoje como está cuba.

Anônimo disse...


Estou sempre dizendo, vida de ex-terrorista no Brasil, é uma maravilha.
É ganhou enorme indenização, e deve uma grana do Inss mensalmente.
Eu lembro deste atentado, tinha 17 anos, estudei muito para passar num concurso. Minha aposentadoria é uma merreca.
Eles estão todos milionários.

Anônimo disse...

Polibio, o governo mineiro sacou 100% dos recursos oriundos de depósitos judiciais depositados em conta única no BB, inclusive do fundo de reserva garantidor. Desde dez/16 o BB suspendeu o pgto de alvarás judiciais expedidos pelo TJMG em razão da inexistência de recursos financeiros.

Alberto disse...

Está na hora do Moro prender o Barba que segue discursando, provocando e 'ameaçando' ser candidato em 2018! CADEIA JÁ!

Cap Caverna disse...

Tudo dentro dos conformes: se é bandido é petista e se é petista é bandido!

Anônimo disse...

Pimentel no Estado dos outros é refresco.

Anônimo disse...

Bandido em 1970 , continuou bandido. Foi preso nos anos 70 e será novamente preso em 2017. Roubava naquela época e prosseguiu roubando. O " chato" é que parte significativa do povo mineiro votou nele.!!!

Anônimo disse...

Continua o mesmo bandido, só que agora assalta o Brasil e Minas Gerais.

Anônimo disse...

Espero que Teori libere o processo é se faça este julgamento do processo afastando de vez este Governador.

Anônimo disse...

Torturado !
Que conversa mole.
O presidente Medici sempre disse que não anistia foi precipitada.
Dou total razão.

Anônimo disse...

Todos que foram escomungados pela De,ocracia Militar agora serão escomungados pela Democracia Civil? Ainda tem quem diga que era os Militares que estavam errados.

Anônimo disse...

Meu Deus, só temos esse tipo de gente governando o Brasil? E preso não vai ninguém? Várias pessoas denunciando e nada acontece? O FORO PRIVILEGIADO tem que acabar. Não é possível ter no comando de um Estado uma pessoa com um currículo como esse.

Anônimo disse...

Luta armada para implantação de uma ditadura comunista, isto sim.

Anônimo disse...

O povo mineiro já não aguenta mais este Pilantrel. Solta o processo Teori!

ATENTO disse...

O BRASIL ESTÁ ONDE ESTÁ, NÃO É POR NADA!!

GUERRILHEIROS,BANDIDOS ASSALTANTES,SEQUESTRADORES,ASSASSINOS, ENRUSTIDOS EM UM FALSO PARTIDO,O PT,CHEFIADOS POR UM FALSO SINDICALISTA, ASSOMARAM AO PODER.

"VER,JULGAR,AGIR", SE FAZ NECESSÁRIO,URGENTE,JÁ HÁ DANOS IRRECUPERÁVEIS

Mauro de Curitiba disse...

Pô, seu Políbio, colabora com a gente ... "devotados à luta armada contra a ditadura" da
onde, homem?
Estamos em janeiro de 2017, os esquerdopatas já foram desmascarados e você coloca essa baita azeitona na empadinha deles?
Estamos na era da guerra de narrativas. É narrativa deles essa de que estavam lutando contra a ditadura. Nós não podemos endossa r essa mentira. Temos que continua e repetidamente dizer que eles lutavam para impor um regime ditatorial similar ao de Cuba aqui no Brasil.
Sem falar que o termo "devotados" passa a impressão de alguém abnegado, cheio de boas intenções ...
Assim é difícil.

Anônimo disse...

Pimentel continua o mesmo de 47 anos atrás, antes assaltava bancos e transporte de valores, agora o dinheiro público. Era estudante universitário militante , em Belo Horizonte, aos 19 anos, quando foi cooptado por Dilma, da VANGUARDA POPULAR REVOLUCIONARIA, a VPR, para a luta armada. !!!

Anônimo disse...

nossa justiça,muito lenta. Para não errar.
Aí o cara momeio o juiz, que nunca vai julgar. A sociedade que se lixe.