Advogados que defendem o agressor de Bolsonaro possuem escritório em Lajeado, RS

Os advogados Pedro Augusto de Lima Felipe e Possa, Marcelo Manoel da Costa e Fernando Costa Oliveira Magalhães, que defendem o agressor Adelio Oliveira, que feriu e tentou assassinar o candidato Jair Bolsonaro, possuem escritórios em Lajeado, RS.

Eles também representam escritórios em Belo Horizonte e região metropolitana, Barbacena (MG).

Os advogados não querem identificar seus pagadores.

O quarto advogado, Zanone Manoel de Oliveira, Belo Horizonte, admite ter sido contratado pela Igreja do Evanvelho Quadragular de Montes Claros.

27 comentários:

ARS disse...

Primeiro disse que fora contratado por testemunhas de jeová. Depois, que estas negaram, a família disse que o terrorista era missionário da igreja quadrangular. Diante da contradição desmascarada é que o adevogado corrigiu a informação. O pilantra está omitido informação relevante para investigação.

Liliane Carlos disse...

É evidente que o assassino de maluco tinha nada. Veja o relato pessoal de alguém que conviveu com revolucionários socialistas desde a ditadura militar:
http://carlosliliane64.wixsite.com/magiaeseriados/um-relato-pessoal

Adilio Faustini disse...

Uma boa investigação da Policia Federal e da Receita Federal chega lá, afinal os Advogados, quanto esse bandido, e quem está bancando terão que declararem o Imposto de Renda , ou não?

Anônimo disse...

Dizia o honrado e saudoso Riui Barbosa que o advogado é o "juiz primeiro" da causa! A OAB ignora Riui Barbosa?

Adilio Faustini disse...

Anônimo das 14:44hs acho que não houve ditadura Militar, isso é falácia da Esquerda, houve Regime Militar com 5 Presidentes, Castelo Branco, Costa e Silva, Medici, Geisel e João Figueiredo, em 20 anos, Ditadura é na Venezuela que o Maduro foi reeleito por mudança na constituição, vai ficar ad eternum ou em Cuba onde Fidel Castro ficou mais de 50 anos e passou para o Irmão, Coreia do Norte onde o feioso ficará eternamente.

Anônimo disse...

Tudo isso já prova que foi alguém que pagou para o "auxiliar de pedreiro" matar o Bolsonaro. Um auxiliar de pedreiro, mal ganha para não morrer de fome. O cara viajava, tinha 4 celulares, tinha notebook, contas na internet. Depois diz que foi Deus quem mandou ele matar o capitão.

- ainda vão tirar o Bolsonaro da jogada, não irá concorrer a eleição no mês que vem. Isso se não tentarem mata-lo novamente. O medo DELES é grande.

Mata Viva disse...

bota eles no pau de arara que falam tudo

Anônimo disse...

SINTO MUITA FALTA DO TEMPO DA DITADURA, ONDE UM TELEFONE, PAU DE ARARA OU UM AFOGAMENTO FARIA ESSE INFELIZ CONTAR TODA A VERDADE! JÁ ESTAMOS NUMA GUERRA E SENDO GUERRA, VALE ESFOLAR ESSES TERRORISTAS QUE VIVEM NESSA FRAGIL DEMOCRACIA.

Anônimo disse...

A PF tem que investigar algo gravíssimo: QUEM ESTÁ PAGANDO OS ADVOGADOS PODE SER O MANDANTE DO ASSASSINATO DE BOLSONARO!!

Anônimo disse...

fica bem claro que os testemunha de jeova estao junto com pt nesta merda

Anônimo disse...

TERÃO, TERÃO QUE CONTAR SIM,IMAGINA FICAR POR ISSO MESMO...NINGUÉM VAI ACEITAR.

JÁ ESTÁ COMECANDO A FICAR DIFICIL PARA A BANDIDAGEM, PORQUE ENTRARAM OS ADVOGADOS EM CENA, ESTAPAFURDIAMENTE?

É O "GOLPE DO MÁGICO", CRIAM UM MOVIMENTO COM UMA MÃO E A MAGICA,A ENGANACÃO, É FEITA COM A OUTRA MÃO

SE ASSIM FOI, É PORQUE ALGUMA COISA FICOU VULNERÁVEL, TIVERAM QUE DISFARCAR, PARA DISTRAIR COM ESTAS FIGURAS, PODEM SER APENAS "PEÕES" O JOGO É DOS GRANDES, E DÁ PARA DESCONFIAR QUE OS ADVOGADOS ENTRAM EM CENA ,ABSORVENDO TODA A ATENCÃO.

"CORTA LUZ" COMO DIRIA ANTIGAMENTE O LAURO QUADROS,EXPLICANDO UMA "JOGADA" DE DISFARCE,DESPISTE,ENGANACÃO.

Anônimo disse...

Faz igual o moro fez, quebra o sigilo do Escritório dos advogados, bota escuta telefonica, etc. com fez com os advogados do lula, simples assim.

Anônimo disse...

Moro quebra sigilo profissional de advogado de Lula e divulga grampos:

16 de março de 2016 - Conjur
Por Marcos de Vasconcellos e Leonardo Léllis

O juiz federal Sergio Moro divulgou conversas telefônicas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, recém-empossado ministro da Casa Civil, com a presidente Dilma Rousseff e tornou público os diálogos de Lula com seu advogado Roberto Teixeira. Nesta quinta-feira (16/3), Moro suspendeu o sigilo do inquérito que investiga Lula, dando acesso a grampos feitos em aparelhos do ex-presidente e de seu defensor.

Moro diz não identificar relação profissional entre Lula e seu advogado.

Teixeira é conhecido como advogado de Lula desde os anos 1980. No entanto, Moro diz, em sua decisão: “Não identifiquei com clareza relação cliente/advogado a ser preservada entre o ex-presidente e referida pessoa [Roberto Teixeira]”. Como exemplo, o juiz aponta que Teixeira não está listado como advogado em um dos processos de Lula na Justiça Federal do Paraná. Ele ignora o fato de constar na mesma ação o nome do advogado Cristiano Zanin Martins, sócio de Teixeira no escritório.

O responsável pela operação "lava jato" na 13ª Vara Federal de Curitiba diz que “há indícios do envolvimento direto” de Teixeira na aquisição do sítio em Atibaia (SP), que é alvo de investigações, “com aparente utilização de pessoas interpostas”. O juiz federal se justifica: “Se o próprio advogado se envolve em práticas ilícitas, o que é objeto da investigação, não há imunidade à investigação ou à interceptação”.

Prerrogativa profissional
A inviolabilidade da comunicação entre advogado e cliente está prevista no artigo 7º do Estatuto da Advocacia. Segundo a norma, é um direito do advogado “a inviolabilidade de seu escritório ou local de trabalho, bem como de seus instrumentos de trabalho, de sua correspondência escrita, eletrônica, telefônica e telemática, desde que relativas ao exercício da advocacia”.


Roberto Teixeira é conhecido como advogado de Lula desde os anos 1980.

Cristiano Martins, sócio de Teixeira e também advogado de Lula, afirma que a interceptação e divulgação de conversas entre cliente e advogado “é de uma gravidade sem precedentes”. Ele lembra que Moro já tem um histórico de monitorar advogados e já havia sido advertido pelo Supremo Tribunal Federal. (...)

JORGE LOEFFLER .'. disse...





Calma Polibio, ao final do mês o que ganhas irá parar na tua conta corrente. A POLÍCIA FEDERAL fará sua parte e uma vez concluído o inquérito policial a AUTORIDADE POLICIAL irá remeter o mesmo à AUTORIDADE JUDICIAL, o Juiz de Direito quando então serão dadas vistas ao MPF e assim um dos AGENTES do mesmo poderá oferecer a denuncia crime ou requer mais diligências. Assim funcionam as coisas e muito bem. Ao cabo do processo crime teremos condenações ou absolvições, isto somente o tempo no dirá.

Anônimo disse...

“É filantropia”, disse Zanone. “Eu não sei por meio de qual igreja eles se conhecem. Adélio tem conhecidos que são Testemunhas de Jeová, mas não tenho certeza se a pessoa que me contratou é Testemunha de Jeová.”(oantagonista)

Anônimo disse...

Agora falam que é 'filantropia' de algum membro da igreja.

4 advogados carrísimos, com descolamentos de avião próprio, um dono de hotel em Contagem-MG e também de locadora de carros . . .

Qualquer pobre mortal pra contratar advogado precisa assinar procuração, . . .

Haí tem, e é muito grande e grave o causo.

Anônimo disse...

E aí, OAB, até quando vai a cara de paisagem????

Anônimo disse...

Transcrevendo o que disse Olavo de Carvalho:" Você percebe que um país etá falido moralmente quando a candidatura de um militar assusta, e a de presidiário não".

Anônimo disse...

Eu não duvido que quem está por traz deste episódio são os evangélicos mais radicais pois seu candidato DACIOLO não conseguiu decolar nas pesquisas.
O Daciolo, por sinal, se recolheu nos montes para um jejum de 20 dias

Anônimo disse...

Esses advogados geralmente não ganham nada. Para ele o importante e pegar um caso que dê holofotes. Só isso é mais nada.

Anônimo disse...

Só estas informações contraditórias, daquelas iguais a atar cachorro com linguiça avacalham com estes advogados. A última das papagaiadas deste escritório é a de que foram contratados por um "filantropo" da igreja! Parece que aí quase acertaram, pois parece que foi um "pilantropo" o contratante!
Estas informações passam a certeza de que a classe dos advogados está acima de quaisquer leis quanto aos nomes contratantes e a origem licita ou ilicita os pagamentos que recebem. A imagem receita federal fica péssima nesta foto, permitindo a qualquer um fazer dela as ilações mais variadas e sempre negativas, assim como a OAB!

Anônimo disse...

E?

Justiniano disse...


Tinha que ter uns advogados gaúchos canalhas e petralhas porque tem muito pixulecos nesse esquema.

Advogados sempre defendem bandidos é a da índole deles, e ganhar muito dinheiro sujo dos criminosos.

Anônimo disse...

Aí tem!!!!
E que a PF desmascare todos os figurões envolvidos nessa trama, para o bem do país.

Luiz Vargas disse...

Lajeado não é muito distante da República de Santa Maria.
Aí tem mutreta!

Anônimo disse...

Advogado que tem avião próprio, nao precisa de hoje.

Anônimo disse...

Acho que o serviço secreto do exército, deveria investigar esse caso. Investigue-se o esfaqueador, os advogados, quem está pagando, quem pagou os quatro celulares, o leptop, a hospedagem, as passagens de avião, as aulas de tiro e quem lhe passou a faca. Aí tem cheiro de comunistas.