Aiatolá iraquiano que prega destruição de Israel falará sobre terrorismo em São Paulo

No Brasil, ele reproduzirá esse mesmo discurso de ódio que propaga por onde passa.

O iraquiano Mohsen Araki, estrela do islã xiita, dono do título de aiatolá, integrante do círculo mais próximo líder supremo do Irã, o aiatolá Ali Khamenei, de quem é amigo pessoal desde a juventu, desembarcará no Brasil na próxima semana para pregar em mesquitas e instituições patrocinadas pelo governo do Irã no Brasil. No sábado dia 29, ele proferirá uma palestra no evento “Os muçulmanos e o enfrentamento ao terrorismo radical”, que será em São Paulo, no Novotel Center Norte. 

Mohsen Araki é conhecido por pregar a violência contra o que ele define como inimigos do islã.

Ele prega a destruição de Israel.

Em suas pregações, Araki, em uma visita ao Líbano, ele sugeriu aos líderes do Hamas, o grupo terrorista que controla a Faixa de Gaza, uma união estratégica entre todos as organizações terroristas que atuam no Líbano e Palestina como forma de “banir Israel do mapa”, conforme publicado pela imprensa oficial iraniana.

Em sua página oficial no Facebook, o líder religioso não faz questão de esconder seus vínculos com o Hezbollah e suas posições extremistas. 

19 comentários:

Anônimo disse...

A esquerdalha brasileira estará em êxtase na próxima semana. Querem apostar quanto que ele se encontrará com o Coisa Ruim?

Anônimo disse...

Nada que o Mossad nao resolva...ate Arabes Muculmanos (sabios) apoiam os Judeus e Israel! Quando nao se descobre lacos com o Povo de D'us!

Anônimo disse...

As esquerdas amam este "religioso" desde pequenininhas, mesmo ele sendo machista, intolerante com a liberdade e homofóbico. Deve ser a tal da coerência lulo-petista!

Anônimo disse...

Nao basta lixos como Lulla, Dilma e Jean WIllys, trazem chorume do Middle East pra empestar nosso ambiente.

Anônimo disse...

Espero que tenha protesto contra mais este imbecil.

Anônimo disse...

Jean Willys, o lúdico da cuspidela petista, fará o discurso de lambida de virilhas deste Ai.ai.tolá?

Anônimo disse...

Até onde sei,o aiatolá só faz aiatolices.E aqui nessa visita,não vai ser diferente,só que em escala maior.O Brasil é um prato cheio para estes doentes, e elles estão vindo com tudo porque o número de bunda-moles por aqui é considerável.Eles são espertos,maliciosos e tem dinheiro,enquanto brasileiros são burros,ingenuos e pelados.Caem como patinhos.O que esta se avizinhando para o Brasil é doloroso com a invasão"pacifica",depois de ocuparem um parcela do nosso território,se infiltrarem na politica e imporem a sharia,os brasileiros verão que a hospitalidade foi um tiro no pé,então será tarde demais e muitas cabeças serão cortadas.

Anônimo disse...

Tá aí, uma boa ideia: convidar a turma LGBT, FEMEN e outros grupos moderninhos - em seus trajes oficiais - para compor a assistência, com direito a participação e comentários. Vamos ver o que acontece!

Anônimo disse...

Tá falando do Trump?

Anônimo disse...

Já não chega o monte merda que temos que enfrentar e ai vem estes merdas importadas dos paises arenosos para aumentar o nosso suplicio.
O brasileiro já não tem problemas que chega.
Vai pra puta q te pariy o Aiatolá

Anônimo disse...

O expansionismo islâmico é o Cavalo de Troia que a ESQUERDALHA TRAIDORA trouxe para o ocidente.

Anônimo disse...

FORA ISLAMISTAS!
Vão espalhar ódio e atraso no inferno!
E levem seus pelegos esquerdistas junto.

Anônimo disse...

ESTES PORCOS MUÇULMANOS JUNTAMENTE COM OS COMUNISTAS SÃO OS VERDADEIROS INIMIGOS DA FÉ CRISTÃ... DEVEMOS EXTERMINALOS TODOS

Anônimo disse...

Sniper americano a hora é essa.

Anônimo disse...

Coerência lulo- petisto, ou o 12:33 não consegue interpretar um texto?

Anônimo disse...

Tem trouxa para tudo !

Anônimo disse...

Qdo eu digo prá minha mulher que o futuro dos nossos filhos e netos, é negro(ops, afro-descendente), ela fica brava comigo. Dizendo que tem fé, que não será assim. Isso qdo só critico esse partido da ORCRIM.

- Agora prá completar, vem essa gente da "religião da paz", que degola os adversários, enforca gays, mata mulheres a pedrada. Isto aki vai se tornar um imenso Iraque.

Anônimo disse...

Meudeusinhodocéu!
Mais um abestalhado radical islamita para descarregar suas frustrações odiosas entre nós.
Gostaria de ver quem vai estar na plateia.

Luiz Antonio disse...

Há tempos esses fanáticos falam em "varrer Israel do mapa", porém nenhum pais inimigo ousou fazê-lo porque sabem que não vão conseguir, como não conseguiram em tempos passados.
O poder de fogo de Israel é imenso.
Há ainda um detalhe "insignificante", mas que decidi uma provável batalha a favor de Israel, chama-se: Estados Unidos.
O máximo que conseguem é usar o Brasil como palanque para disseminar o ódio, com a receptividade de cabeças ocas da esquerda tupiniquim.