Maioria dos deputados gaúchos votou contra a reforma trabalhista

Eis  como votaram os deputados gaúchos na aprovação do texto da reforma trabalhista. 15 votaram contra e 14 a favor. Da base do governo, votaram contra Afonso Hamm,PP; Heitor Schuch; Sérgio Moraes, PTB, e José Stédile, PSB; José Fogaça, PMDB (foto ao lado). 

Afonso Hamm (PP) — Não
Afonso Motta (PDT) — Não
Alceu Moreira (PMDB) — Sim
Bohn Gass (PT) — Não
Cajar Nardes (PR) — Sim
Carlos Gomes (PRB) — Sim
Covatti Filho (PP) — Sim
Danrlei de Deus Hinterholz (PSD) — Sim
Darcísio Perondi (PMDB) — Sim
Heitor Schuch (PSB) — Não
Henrique Fontana (PT) — Não
Jerônimo Goergen (PP) — Sim
João Derly (REDE) — Não
Jones Martins (PMDB) — Sim
José Fogaça (PMDB) — Não
Jose Stédile (PSB) — Não
Luis Carlos Heinze (PP) — Sim
Marco Maia (PT) — Não
Marcon (PT) — Não
Maria do Rosário (PT) — Não
Mauro Pereira (PMDB) — Sim
Onyx Lorenzoni (DEM) — Sim
Paulo Pimenta (PT) — Não
Pepe Vargas (PT) — Não
Pompeo de Mattos (PDT) — Não
Renato Molling (PP) — Sim
Ronaldo Nogueira (PTB) — Sim
Sérgio Moraes (PTB) — Não
Yeda Crusius (PSDB) — Sim

25 comentários:

Anônimo disse...

Dos pelegos de sempre, nada diferente podia-se esperar. O que não dá para engolir é, por exemplo, o voto contrário de José Fogaça.Aliou-se aos pelegos, e com eles será derrotado no ano que vem.

Anônimo disse...

A petralhada a maioria oriunda dos sindicatos tinham que defender suas bases.
Mas para quem trabalha foi uma vitória principalmente com o fim do imposto sindical.
Não conheço ninguém que fique contente com essa apropriação do seu salário.

Nelson disse...


Claro, sempre a brasa para meu churrasco, com a terceirização da economia, vale ressaltar, que os países passam para paraíso fiscal, bom lembrar para quem tem saúde para dar e vender muito bom, mas quando capenga ai a coisa pega, caridade, caridade, caridade, ou partir como outros tempos em caravana, de cidade em cidade, nômades, ou saltimbancos,voltam os piratas, naufrágios, coitados de nos viventes, quem sabe sobrará alguma boia.

Anônimo disse...

Reflete o atraso do RS.

Anônimo disse...

Fogaça sempre votando com a esquerda atrasada! Nao se elegera mais. Quem votou nele nao pensa como ele. Podem apostar!

Anônimo disse...

A pelegada do PT e PDT não quer perder a boquinha do imposto sindical.

Anônimo disse...

Não é difícil identificar as razões da falência de nosso Estado. Basta ver a qualidade dos nossos políticos. Talvez sejam os piores do Brasil, tal a quantidade de bosta em lugar de cérebros. Os que votaram contra, se tivessem que militar na iniciativa privada, passariam fome de tão inúteis que são.

Unknown disse...

Até tu, Fogaça!!!

Anônimo disse...

Destes que votaram contra , nem um tem negócios, só estiveram na Justiça do Trabalho contra as empresas, ou nelas para pedir votos e dinheiro para campanhas. Como são sustentados pelos impostos, não conhecem a dificuldade de quem coloca o capital e o trabalho, para gerar empregos,impostos e progresso. Assim fica fácil ser contra a contra qualquer reforma

Anônimo disse...

Até países que tiveram crescimento como a Espanha, a taxa de desemprego é em torno de 10%.Na Alemanha,apenas 3%.Acontece que na Alemanha existe a flexibilização trabalhista,como esta reforma aí,e sendo assim,tem mais empregos.Aqui os bandidos dos petistas,esquerdistas e principalmente os sindicatos,são sempre contra as reformas.Mas na cabeça,jamais eles têm solução para aumentar a taxa de empregos.Querem sempre viver as custas dos empregados,com os impostos sindicais.Eles como o PT só derrubam os empregos,vivem como uma sanguessuga,principalmente dos servidores públicos.Preferem que uma minoria ganhe uma exorbitância,do que ver uma maioria com empregos.Eu falei da Alemanha,mas lá é outro mundo,outra ideia,outro pensamento.Aqui é o pensamento do século retrasado.

Anônimo disse...

OS QUE VOTARAM NÃO SÃO PORCOS COMUNISTAS... SÃO PUTAS DE STALIN. MERECEM A MORTE POLÍTICA

Carlos Mota disse...

Como ousam chamar de políticos esta corja de ruminantes mochos???

Anônimo disse...

RIO GRANDE DO SUL, antro de FASCISTAS desde o inicio do Século passado.

As mortes na revolução farroupilha em nada serviram.

Anônimo disse...

O eleitor só se vota no Fogaça pra não eleger candidato do PT.

Anônimo disse...

Votei no Fogaça, não estou arrependido, mais sinto que um de nós mudou muito no ultimo período. Talvez seja eu, o certo que caminhamos para o divórcio, espero que reste o carinho e o respeito, foram mais de 30 anos, de um triângulo que incluia o Senador Simon.

Anônimo disse...

FOGAÇA foi coerente com sua história

'Nós vamos repartir, companheiro, o campo e o mar'

Justiniano disse...

Deu pra ti Fogaça, ainda bem que nunca votei neste comunista enrustido. Pior é esse Afonso Hamm que agora está enlameado na lava jato e agora que descobriram estão revoltados e indignados votando contra o governo. Mais um que será barrado na próxima eleição ficha suja.

Anônimo disse...

Bah. Sempre votaste mal heimm Votei no Simon em 1986. Baita estelionato eleitoral

Anônimo disse...

Bah. Sempre votaste mal heimm Votei no Simon em 1986. Baita estelionato eleitoral

Anônimo disse...

Meus parabéns a quem está percebendo que não é hora de colocar fogo no país...
Esta reforma pode ser conduzida com serenidade por um governo com legitimidade a partir de 2018!
Agora... com os zumbis que estão no poder... é flertar com o imponderável... e o que é pior ... com o incontrolável...
Só pode ser irresponsabilidade geriátrica...
E senhores...temos jovens, senhoras e crianças a bordo da nau dos insensatos...

Ismael Façanha disse...

OBRIGADO PELA LISTA DOS NOSSOS BONS DEPUTADOS, QUE VOTARAM EM "NÃO".

Anônimo disse...

Já fui dono de uma firma. Hoje sou consultor independente e nunca mais vou dar emprego para ninguém. Quem é contra reforma trabalhista são esses pelegos do PT que encheram o c... de dinheiro e não precisam de emprego nem de aposentadoria.

Anônimo disse...

As delações sobre as MILHONÁRIAS contribuições da BRASKEM, logo, logo, mostraram quem é cada um

Anônimo disse...

Com gente assim como representantes do estado, não é de admirar a situação em que se encontra.

Anônimo disse...

Se o Brasil precisasse, de fato, da deputadaiada gaúcha iria junto precipício abaixo!