Vereadores de Rio Grande aprovam projeto proibindo Uber

Os vereadores da cidade de Rio Grande aprovaram, por unanimidade, projeto que proíbe o uso de aplicativos de transporte individual semelhantes ao Uber, sob a alegação de que com a atual crise financeira os taxistas municipais não terão como sobreviver.

Para o autor do projeto, vereador Júlio César da Silva (PMDB), além de valorizar a profissão e garantir o emprego aos taxistas, a intenção é zelar pela segurança da população. “Aplicativos à semelhança do Uber já tem tido restrição de utilização em outras cidades. Sobretudo, porque não há o controle da segurança do passageiro", disse ele. O projeto de lei foi encaminhado para análise do prefeito Alexandre Lindenmeyer (PT), que terá 30 dias pra se manifestar, podendo aprovar ou não a proposta.

6 comentários:

Anônimo disse...

O atraso se aprimora em Rio Grande, além do monstruoso desemprego graças a antiga e irresponsável política de aparências do governo do psicopata , agora há apoio legislativo municipal para comprovar que a estupidez no Brasil não tem limites.

Gilberto Simon disse...

Cidade atrasada é isso.
Lamentável !

Anônimo disse...

ja li relatos de passageiros que dizem preferir o tal Uber porque os caras oferecem agua...

pelo amor de Deus, é muita cafonice e miseria optar por um serviço de transporte por causa de uns copos de agua...

quem precisa tomar agua enquanto esta num "taxi", ja que os percursos sao, em sua enorme maioria, de curta duração?

a vida moderna esta criando facilidades para necessidades que simplesmente nao existem...

ninguem toma um Uber para se deslocar por tres horas consecutivas onde precise se hidratar dentro do carro...

Luiz Vargas disse...

Há coerência pois este é um Estado de botocudos ufanistas que se regozijam por serem a vanguarda do atraso.

Anônimo disse...

Não irão proibir o uber, até mesmo porque essa lei seria inconstitucional se passasse. O que eles querem é encher de tarifas a ponto de tornar o serviço impraticável. O governo só traz problemas , não resolve nenhum! Lixo de país!

Anônimo disse...

Rio Grande é uma bela cidade, mas parou no tempo. Berço da Refinaria Ipiranga, do primeiro time de futebol do Brasil, de várias fábricas de tecidos importantes, do Superporto, da praia do Cassino, a mais extensa , etc... Mal dirigida há décadas , pelo PT, hoje seu Prefeito é Alexandre Lindenmeyer , do PT. Não é necessário dizer mais nada, vai continuar o atraso e a estagnação .!!!