Deputados estaduais reagem burocraticamente aos massacres diários de cidadãos gaúchos

Eles são incríveis.

A Comissão Especial de Segurança Pública, saída branda que o governo estadual encontrou para evitar a CPI pedida pela OAB, reagiu fortemente ao massacre do final de semana no RS, quando mais 40 cidadãos gaúchos foram imolados por falta da proteção constitucional garantida pelo Estado.

É que ela quis aprovar, ontem, requerimento com pedido burocrático de informações sobre os crimes.

Como não havia quorum, reunião extraordinária foi convocada para hoje.

Se o requerimento for aprovado, os deputados poderão carimbar o papel e enviá-lo pelo correio.

A Comissão Especial de Segurança Pública é uma vergonha para a Assembléia do RS.