Inflação oficial de 2016 caiu e ficou dentro da meta do governo, 6,29%

A inflação oficial no Brasil, a do IPCA, fechou 2016 em 6,29%, dentro do limite máximo da meta do governo. Em 2015, a alta dos preços havia sido de 10,67%, a maior desde 2002. 

O objetivo era manter a alta dos preços em 4,5% ao ano, mas com tolerância de dois pontos percentuais para mais ou para menos, ou seja, podendo oscilar de 2,5% a 6,5%.

No mês de dezembro, a alta de preços foi de 0,3%. O valor representa aceleração em relação ao mês anterior (0,18%), mas é o menor para o mês desde 2008. 

Os dados do IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) foram divulgados nesta quarta-feira pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

2 comentários:

Anônimo disse...

Acredito que hoje o Banco Central informa redução da taxa Selic.Pela queda da inflação acima da expectativa, acredito que a taxa selic caia 1 ponto percentual.

Unknown disse...

Dobramos a meta... Dá-lhe Dillma!!!