PF abre inquérito contra Ricardo Flores, ex-presidente da Previ e ex-diretor do BB

A Polícia Federal abriu inquérito para investigar Ricardo Flores, ex-presidente da Previ. Flores também foi vice-presidente de crédito do Banco do Brasil.

É homem de confiança do PT.

O Pfrevi, fundo de pensão dos funcionários do BB, esteve nas mãos de petistas durante duas dezenas de anos e enfrenta turbulências financeiras e investigações da Lava Jato.

Neste caso de hoje, o Previ será investigado por suspeita de lavagem de dinheiro na aquisição de um imóvel quando presidia o fundo de pensão dos servidores do BB.

A delegada Rúbia Pinheiro assina a portaria de abertura do inquérito, obtida pelo blog  O Antagonista.


O pedido de investigação partiu do procurador Anselmo Lopes, responsável pela Greenfield e pela negociação do acordo de leniência com a JBS.

Os Fundos de Pensão das estatais federais estão sob forte investigação do MPF e da PF.