quinta-feira, 20 de abril de 2017

Pesquisa do Ibope mostra Lula como presidenciável de maior potencial de votos

O Ibope realizou pesquisa inédita sobre potencial de votos dos principais nomes listados paras a disputa presidencial, segundo revela hoje o Estadão. A pesquisa foi feita antes de vir a público a lista do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), com as delações de executivos da Odebrecht que acusaram o ex-presidente de corrupção, junto com dezenas de outros políticos.

Lula - Os eleitores que dizem que votariam nele com certeza (30%) ou que poderiam votar (17%) se equivalem aos que não votariam de jeito nenhum (51%), considerada a margem de erro.
Aécio, Serra e Alckmin -  Os três principais nomes do PSDB, por sua vez, viram seu potencial de voto diminuir ao longo do último ano e meio. Desde outubro de 2015, a soma dos que votariam com certeza ou poderiam votar no senador Aécio Neves (PSDB-MG) despencou de 41% para 22%. O potencial do senador José Serra (PSDB-SP) caiu de 32% para 25%, e o do governador Geraldo Alckmin (PSDB-SP) foi de 29% para 22%. Os três tucanos aparecem na pesquisa com taxas de rejeição superiores à de Lula: 62%, 58% e 54%, respectivamente.

João Doria - O Ibope testou pela primeira vez o potencial do prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), em uma eleição para presidente. Embora seja muito menos conhecido do que seus colegas de PSDB (44% de desconhecimento, contra 24% de Alckmin e 16% de Serra e Aécio), Doria já tem 24% de eleitores potenciais (metade votaria com certeza), ou seja, tanto quanto os outros tucanos, levando-se em conta a margem de erro. Mas sua vantagem é ter uma rejeição muito menor que a dos concorrentes dentro do partido: 32%.

Marina - A ex-ministra Marina Silva (Rede) sofreu redução de potencial de voto e aumento da rejeição. Agora, um terço dos eleitores a indicam como possível opção – eram 39% há um ano.
Método. Entre os dias 7 e 11 de abril, o Ibope realizou 2.002 entrevistas face a face, em 143 municípios de todas as regiões do Brasil. 

A pesquisa que o instituto conduz mensalmente com questionário variável é chamada BUS.

17 comentários:

Amaury Figueiredo Menezes disse...

Políbio
A ser verdadeira esta pesquisa, temos que desistir do povo brasileiro. Claro que a mídia petista publicou uma pesquisa anterior à divulgação das delações da quadrilha odebrecht, mas sempre surte algum efeito. É impressionante. Em matéria de mídia, temos de reconhecer que o pt sabe como enganar as pessoas.

Mordaz disse...

É que muita gente adorou ver o país ser administrado pela Odebrecht.

Anônimo disse...

Porque o Bolsonaro não apareçe nesta pesquisa?

Anônimo disse...

É hora de pegar passaporte e sair fora.

Anônimo disse...

Lula é imbatível!! E a direita raivosa sabe disso e por esse motivo tentará impedi-lo de concorrer no ano que vem!! Ainda mais agora, que a delação da Odebrecht não trouxe prova alguma contra o Presidente, ficando visível a orquestração entre servidores públicos e delator, para tentar enredar Lula nas ladroeiras promovidas historicamente pelos tucanos!! Mas o tiro saiu pela culatra, pois quem pode ser preso são Aécio, Serra e Alckmin, contra os quais abundam provas de terem recebido propina das empreiteiras!!!

Anônimo disse...

pior que eu acredito, pois afinal estamos no Brasil, terra de oportunistas, vagabundos e ignorantes.

Emmanuel Carlos disse...

Pesquisa Ibope?? Pesquisa Ibope?? Ahahahahahahahahahah

Anônimo disse...

Quem pagou esta pesquisa?

Anônimo disse...

P IBOPE, O DATAFOLHA, O VOX POPULI, ESTÃO TODOS AINDA VIVENDO DE "FAVORES" DA ODEBRECHT, DE LULA E DO PT. PORTANTO ESTÃO CONTAMINADOS! ESSAS PESQUISAS NADA VALEM!
SEMPRE "ESQUECEM" DE COLOCAR BOLSONARO, POIS O MEDO É ENORME QUE ELE APAREÇA DISPARADO NA FRENTE!

Anônimo disse...

SERÁ QUE ALGUEM NESSEPAIZ AINDA ACREDITA EM PESQUISA ELEITORAL ??????
PRECISA SER MUITO IDIOTA E TENDENCIOSO PRA ISSO.

Anônimo disse...

Muitos escrevem que querem sair do Pais.
Porque não somem de uma vez?
Voces, parasitas nunca farão falta.
Estão aí só para semear pessimismo

Anônimo disse...

COMO SEMPRE O IBOPE CONTINUA ERRANDO. BRINCADEIRA TEM HORA. O POVO NÃO TÁ NEM AÍ PARA PESQUISA. PESQUISA ANTES DO LULA SER INTERROGADO PELO MORO, TEM GATO NA TUBA.

Anônimo disse...

Mais respeito com o maior presidente do brasil de todos os tempos. Lula saiu da Presidência da República e, entre os ex-presidentes, tem a maior popularidade do mundo (87%). Portanto o povo não é bobo, sabe que o lula conseguiu agradar o capital privado e agradar os mais pobres.No caso dos pobres qual o Presidente que deu reajuste salarial acima da inflação para os assalariados? Qual o presidente que disponibilizou aos pobres a possibilidade de adquirir casa? Qual o presidente que garantiu que 40 milhões de pessoas ascendessem de classe social? Em qual governo que os pobres tiveram possibilidade de viajar de avião? Qual o governo em que os mais pobres tiveram possibilidade de comprar carro? Em que governo foram abertas centenas de escolas técnicas? Qual o governo em que foram abertas milhares de vagas para cursar um curso superior?

Haaaaaaaaaaa, mais isso incomoda a elite, onde é que se viu pobre andando de avião, comprando carros, casa, cursando curso superior, tirando a vaga do "meu filho" nos concursos públicos que melhor remuneram, como o MP/MPF, Juiz, Receita Fed, Delegados, etc)......

Anônimo disse...

Não duvido porque como sempre o "brasileiro padrão" não sabe porque essa crise foi gerada e só fica com saudade dos tempos "que ganhava tudo de graça". Se o FHC concorre-se iria também ser assim, porém falta muita coisa até lá e como todo mundo sabe a imprensa é praticamente 100% esquerdista vai fazer de tudo pra colocar alguém de esquerda no poder novamente e o problema é que se não é Lula vai ser Marina Silva ou Ciro Gomes. Espero que o povo de uma bela surpresa como fez na eleição das prefeituras.

Anônimo disse...

Lava jato no ibope.
Nunca cheiraram bem estas pesquisas.

Anônimo disse...

Todas as pesquisas saídas de institutos com credibilidade dão Lula na frente para 2018. A última pesquisa, do Ibope, comentada na coluna do jornalista José Roberto de Toledo, no Estadão, mostra a convergência de duas tendências massacrantes: o número dos eleitores que dizem que votariam com certeza em Lula, somado aos que poderiam votar, chega a 47%. A rejeição a Lula, por outro lado, caiu 14 pontos. A quem agradecer? Ao Globo, à Veja, à Isto é, à Folha, ao UOL, ao Estadão, etc.

Anônimo disse...

O lamentável, nessa história, é que a pesquisa mostra que a maioria dos cidadãos eleitores brasileiros entrevistados não estão preocupados com o País e sim apenas em vantagens pessoais ou tiveram sua mente completamente dominada pela filosofia do PT. Essa é a grande diferença no comparativo com cidadãos europeus, pois estes demonstram preocupação com a sua Nação.