Tito Guarniere - Da previdência e de malas de passageiros

Para entender o Brasil – e concluir que o País não corre o menor perigo de dar certo – basta dar uma olhada em certas notícias secundárias, periféricas, mas que refletem a visão comum e estouvada de certas instituições e autoridades.

Uma juíza de Porto Alegre proibiu o governo federal de fazer “propaganda” da reforma previdenciária. Segundo a doutora, a companha não possui caráter “educativo, informativo e de orientação social”.

Governantes não costumam ser honestos quando se comunicam com a sociedade. Mudanças na previdência não são exatamente bem-vindas. E nenhum governante daria uma má notícia, a menos que ela seja verdadeira, dramaticamente verdadeira. Faz muito tempo neste País que um governo não vem a público para dar conta da gravidade de uma situação, de um problema, e da disposição de enfrentá-lo. Temer, com todos os percalços ao seu redor, teve a coragem de incluir na agenda do seu governo o tema da Previdência.

Ou seja, se existe uma campanha que possui um caráter educativo, informativo e de orientação social, esta é a da reforma da previdência.

CLIQUE AQUI para ler mais.

7 comentários:

Anônimo disse...

pelo que se nota, sempre haverá os que defendem uma resolução de um governo, mesmo que isso não beneficie o povo que usa um serviço ou paga uma vida inteira,sem saber se vai receber algo em troca.

Anônimo disse...

Discordo do autor no que se refere a propaganda do governo sobre a previdência, em nenhum momento ela esclarecia o porquê da situação atual, o cálculo atuarial que levou o governo a propor as medidas de reforma, ou que a previdência é baseada na repartição simples, ou seja, o dinheiro que retiram COMPULSORIAMENTE de você não fica num fundo coletivo, muito menos num individual, ele sai do seu bolso para pagar diretamente os aposentados de hoje e custear outros infinitas despesas, além da corrupção. A propaganda dizia simplesmente que havia um déficit e que a aposentadoria agora ia ser assim e assim, sem nem dizer que antes de tudo isso deveria ser negociada e passar pela aprovação no congresso. Era só desinformação.

Anônimo disse...

Pra achar que o governo do idoso corruptor de adolescentes tá dizendo toda a verdade com essa propaganda caríssima vinculada em horário nobre da globo ou é muito inocente ou mal intencionado!

Anônimo disse...

Quanto a cobrança de bagagem, as empresas deram sinais claros e declarações de que não iriam baixar os preços devido a cobrança por bagagens, que o consumidor não poderia comparar com o período antes de entrar a medida em vigor. Ora, num país que não tem perigo de dar certo, isso era esperado. Não se pode falar em concorrência no setor aéreo brasileiro, ultraprotegido, em que empresas internacionais não podem entrar.

Anônimo disse...

O TEMER NÃO ACERTA UMA!

Imaginem a frustração daqueles que foram às ruas fantasiados de verde e amarelo e ainda aguardam o governo Temer começar!

É como aquela torcida que vê o seu time chegar às finais e descobre que seu time foi uma enganação o tempo todo! Temer esta perdendo de goleada! Está fazendo uma maracanaço político para os seus fantasiados inocentes úteis e batuqueiros de panelas!

A blindagem que ele fez para seus aliados políticos fichados na Lava Jato, aparentemente não trará nenhum resultado nas votações do Congresso Nacional. Até agora trouxe apenas desgaste para sua popularidade.

As investigações da Polícia Federal acertaram em cheio a bancada ruralista, que até agora tinha sido poupada de escândalos e maracutaias. Lá foi Temer socorrer seus aliados que estavam indo direto para o corredor do abate! Dessa vez Temer utilizou como picadeiro uma churrascaria de luxo!

Um governo agindo assim é tudo o que a oposição (LULA) precisava!

Assim vai ficar muito fácil!

Quanto mais o Temer se mexe, mais o Lula se fortalece e está se encorajando e subindo em palanques e fazendo comícios...

Sua candidatura está cada vez mais forte!

Ele está agradecendo ao seu principal cabo eleitoral: Michel Temer!

Nas ruas a militância do PT já tem um novo grito de guerra: FICA TEMER!!!!

Anônimo disse...

Não concordo com o autor nos dois casos, No Brasil não tem concorrência e tem muitos cartéis ou não, veja quando a Petrobras aumenta ou abaixa o preço dos combustíveis e o que acontece com os Postos de gasolina? Quanto a previdência tem que separar aqueles benefícios de quem nunca contribuiu ou quem contribuiu só 15 anos tem que receber proporção mente pelo tempo que pagou nunca igual quem pagou 35 anos.

Anônimo disse...

Sou a favor da reforma e também que o empregado não tenha mais o desconto do INSS.