Ayres Britto desmonta a armação de Gilmar e Temer para “anistiar” o caixa dois

O ex-ministro diz que o STF não lavará as mãos.

Ayres Britto desmonta a armação de Gilmar e Temer para “anistiar” o caixa dois. O ex-presidente do STF diz para Ediardo bresciani, O Globo, que a "solução" é inconstitucional e o STF vai derrubar, diz Ayres Britto

Leia tudo:

O ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Carlos Ayres Britto defendeu em entrevista ao Globo que caixa dois é um “atentado à Constituição” e que a discussão sobre uma anistia é “inconcebível” pela carta-magna. Ayres Britto destacou que o princípio constitucional da igualdade perante a lei precisa ser aplicado neste caso e que uma relativização não é possível porque a prática subverte o princípio da paridade de armas nas disputas eleitorais.

CLIQUE AQUI para ler mais.