segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Técnicos do Tesouro Nacional vão devassar finanças dos três Poderes do RS

A análise que os técnicos da Secretaria do Tesouro Nacional farão a partir de março sobre as finanças gaúchas, especificamente no item de comprometimento com a folha dos servidores públicos, não ficará restrita apenas ao Executivo.

Vai alcançar também o Tribunal de Justiça, a Assembleia Legislativa e o Ministério Público Estadual.

9 comentários:

Anônimo disse...

Os maiores absurdos devem ser no Judiciário e Legislativo , com os salários zinhos e as mordomias............

Unknown disse...

Tchóin Legislativo e Judiciário!!!
Hora de roer o osso do filé mignon que se lambuzaram comendo a vida inteira!!! Que se revejam os polpudos ganhos das Folhas Criativas destes poderes!!!

Anônimo disse...

Já sei qual é a conclusão: Vão exigir a privatização das estatais que dão lucro, como Banrisul e Sulgaz

Anônimo disse...

Vão nada, é só teatro.

Anônimo disse...

Espera-se que os técnicos nacionais não sejam vinculados à Maçonaria. Se forem, será jogo de compadres.

Anônimo disse...

Isso mesmo devassa total, esperamos que os podres venham todos a tona.

Anônimo disse...

Excelente, a faxina tem que ser geral, pois não há diferenças no teto para os três poderes. Cada um tem que fazer a sua parte e parar com a farra com o dinheiro dos contribuintes, esse ser tão esfolado vivo, pois, terceiros (funcionários públicos) tem garantias e privilégios que, que paga, não consegue ter para si mesmo. Exemplo: convênios médicos, férias de 30/35 ou 60 dias, salários acima do que pagam empregos privados, licença-prêmio, auxilio alimentação. Ainda, não esquecer as cobranças por metas e, se der prejuízo, o funcionário público, cai para cima.

Anônimo disse...

Só espero que não deixem o resultado sobre sigilo porque pode afetar os deuses do Olimpo.

Anônimo disse...

NA ATUALIDADE É MUITO DIFÍCIL DE ACREDITAR.