segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Medidas de Lula e Dilma onerarão contas públicas em R$ 125 bi até 2060

A estratégia de estimular o setor produtivo com subsídios para empréstimos do BNDES, adotada pelos governos Lula e Dilma a partir de 2009, terá impacto de R$ 125 bilhões nas contas públicas.

Especialistas e integrantes do governo afirmam que a estratégia saiu cara, e os resultados não foram expressivos. Embora o governo já tenha mudado a forma de atuação do BNDES, a fatura dos subsídios ainda vai pesar nos próximos orçamentos.

Pelos cálculos do governo, a conta será paga pelo Tesouro até 2060.

9 comentários:

Anônimo disse...

Ok, a onde está a cópia do estudo? Qual o resultado destas concessões?

O governo "disse" é a mesma coisa que não dizer nada.

Aliás, este governo incompetente agora transfere a sua incompetência para a Dilma o Lula e qualquer outro presidente que o suceder até 2060.

Parem de demagogia e governem.

Não era o que queriam com a queda da Dilma.

Pois agora apresentem resultados e não fiquem se lamuriando.

Anônimo disse...

SINAL QUE NÃO TEMOS GOVERNO ATÉ 2060 PARA MUDAR ISSO.

Anônimo disse...

PQP!!! Estamos fud.... e nossos filhos e netos também!

Anônimo disse...

Cobrem da dupla todos os prejuízos, foram intencionais e visando através de vantagens eleitorais manterem o plano de poder indefinidamente, uma corrupta ditadura populista. A cadeia é o mínimo para estes traidores.

Anônimo disse...

Em 2060 eu estarei com 112 anos de idade e eu e meus filhos não estaremos mais aqui, talvez um ou outro neto, suportando o que eu já dizia anos atrás quando o LULA venceu a eleição, que me fez lembrar o General Geisel, que iríamos ver o que os políticos iriam fazer de mal ao país.

Está ai então a PROVA. Só temos políticos e ladrões em todos os setores.

Anônimo disse...

Este é o verdadeiro PGQP do Gerdau.
Crescendo com o dinheiro barato dado de presente pela sociedade.

Anônimo disse...

Meu Deus! O que fizeram e continuam fazendo com o Brasil. Ainda acham que vão atrair investidores? Conta outra, ninguém é louco investir num país que não respeita suas leis e a impunidade dos nossos gestores correm frouxa. Ninguém responde por nada.

Anônimo disse...

Essa continha quem pagará? Independente de partido será o povão. Aí fica fácil ser gestor no Brasil, não responde por nada.

Anônimo disse...

Agora os políticos querem fazer a Reforma da Previdência e do Trabalho. Já quebraram o país por incompetência, irresponsabilidade e corrupção. Temos que pedir ajuda de especialista Internacional para essas Reformas, caso contrário o povo é quem vai sofrer nas mãos de irresponsáveis com a coisa pública.