Eike é transferido para presídio de maior segurança. Empresário ainda não começou a delatar.

O empresário Eike Batista, cuja cabeça foi raspada esta manhã (veja foto ao lado, reprodução da telda
Globonews), não ficará mais no presídio Ary Franco, superlotado e coalhado de bandidos comuns.

Ele já foi para Bangu 9, onde estão recolhidos presos com diploma de Faculdade.

O envio de Eike foi uma temeridade da PF e dos órgãos estaduais de segurança, porque é óbvio que o empresário corre sério risco de ser morto antes de falar o que sabe.

Ele será ouvido a partir de amanhã.



A delação do empresário é considerada de altíssimo teor explosivo.