terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Vendas no mercado imobiliário em São Paulo mostraram melhora em outubro

As vendas de imóveis na cidade de São Paulo, uma espécie de farol para o restante do Brasil, somaram 1.507 unidades na passagem de setembro para outubro, o equivalente a um avanço de 55,9% no período, segundo dados divulgados ontem pelo Sindicato da Habitação de São Paulo (Secovi-SP) e dessazonalizados pelos economistas do Bradesco, segundo informações recebidas esta manhã pelo editor. Já os lançamentos alcançaram 2.217 imóveis, conforme pesquisa da Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio (Embraesp), resultado que aponta para queda 1,9% na margem, na série livre de efeitos sazonais.

Como resultado, os estoques chegaram a 24.575 mil unidades em outubro, recuando 0,8% em relação a setembro, na mesma base de comparação. Dessa forma, os lançamentos acumulam retração de 18,0% neste ano, ao mesmo tempo em que as vendas recuaram 17,0% no período. 

Para os próximos meses, mesmo acreditando que as vendas e os lançamentos permanecerão em baixos patamares, deve-se observar uma retomada gradual da atividade do setor.

Um comentário:

Anônimo disse...

Dinheiro da corrupção sendo diluído ?