Renan atropela plenário, faz três sessões seguidas e garante prazo para votar a PEC dos Gastos no dia 13

O senador Renan Calheiros atropelou o plenário nesta quinta-feira e realizou três sessões seguidas, mesmo sob protestos da oposição, tudo para contar prazo e garantir a tramitação da PEC do Teto dos Gastos Públicos e propiciar sua votação na terça-feira.

Dia 13, com a votação em segundo turno no Senado (na Câmara, a PEC já passou por duas votações), a PEC poderá ser promulgada pelo presidente Michel Temer.

6 comentários:

Anônimo disse...


País de corruptos, ladrões.

O PMDB é pior que o PT.

O PT podia ser comparado a um ladrão pé de chinelo, O PMDB é o estelionatário fino. Temer, Renan's, Cabrai's.

Anônimo disse...

RENAN trabalha muito, quando quer impressionar.!!!

Anônimo disse...

Não fez mais do que sua obrigação.

Anônimo disse...

QUE PAIS DEMOCRATICOI É' ESSE QUE UMA NAÇÃO INTEIRA DE 200MILHOES DE HABITANTES TEM SUAS VIDAS DEPENDENTE DA VONTADE DE UM MALANDRO DO TIPO RENAN CALHEIROS A QUEM OS 3 PODERES SE AJOELHAM FEITO VASSALOS A UM REI? E' MESMO O FIM !

Anônimo disse...

Brasil, um país de tolos!

Anônimo disse...


A ladroagem tomou conta.

O Lula é um reles batedor de carteiras, perto desta gente.

A estoria de Ali Babá, terá que ser reescrita.