Leia, aqui, a íntegra da delação de 82 páginas que incrimina Temer, Padilha, Moreira Franco, Lula, Dilma, Alckmin e Renan

CLIQUE AQUI para ler a íntegra da delação de 82 páginas.

O ex-diretor de Relações Institucionais da Odebrecht Cláudio Melo Filho, Odebrecht, notabilizado ontem pela denúncia contra o presidente Michel Temer (R$ 10 milhões para a campanha), listou muitos outros políticos no anexo de 82 página

No documento o delator cita ainda o ministro Eliseu Padilha (Casa Civil), o secretário executivo do Programa de Parcerias de Investimentos, Moreira Franco, o ex-ministro Geddel Vieira Lima, além dos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), como também Lula, Dilma, o governador Alckmin e dezenas de parlamentares.

Melo Filho precisará confirmar tudo que narra no anexo, em depoimento formal. Após todos os depoimentos, o material será encaminhado para que seja ou não homologado pelo ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal. Caso seja homologado, as delações vão basear possíveis procedimentos de investigação formal.