Missão de deputados gaúchos para salvar a CRM esbarra nas contas esgualepadas da CGTEE

Não deu em nada a missão de deputados estaduais gaúchos que foram ontem a Brasília para tentar elevar os preços pagos pela CGTEE à CRM.

A CGTEE é um elefante branco que nunca deu lucro.

E os deputados querem que politicamente a estatal federal obrigue-se a acumular ainda mais prejuízos, pagando 20% mais caro pelo carvão que compram da CRM.

A missão foi recebida por agentes políticos que enchem todo mundo de esperanças, mas que esbarram nos torniquetes de Henrique Meirelles.

Não vão levar.

CGTEE e CRM são estatais deficitárias, sustentadas pelo dinheiro do contribuinte, que desta forma fica sem ele para sustentar suas necessidades de saúde, educação, segurança e infraestrutura.

4 comentários:

Anônimo disse...

Uma tabuada para o cepers e uma planilha de custos para os políticos e seus eleitores.

alex silva disse...

http://mobile.valor.com.br/politica/4955462/governo-desiste-de-regime-de-urgencia-para-reforma-trabalhista

Anônimo disse...

Senhores deputados federais,


Vocês conseguem ouvir o trabalhador brasileiro?

Os trabalhadores brasileiros estão roucos de gritar.

Não à Reforma da Previdência

Não à adesão compulsória à Previdência Pública

NÃO ao PL dos IMIGRANTES


Porque o governo Temer está distribuindo nosso suado dinheiro, doando 100 bilhões de reais para as Teles, com os deputados em troca de apoios, com o aumento de novos ministérios, criando Lei para favorecer imigrantes, um exército de mercenários desempregados.

Contra o povo, governo Temer faria bem aos deputados se VETAR a nova lei contra nós, os brasileiros, que nos fere de morte, ao sustentar e incentivar a importação de bandidos das FARCs, do EI e do mundo inteiro.

NÃO À LEI TERRORISTA DE ADOÇÃO DE IMIGRANTES ARMADOS, BANDIDOS, SUSTENTADOS POR NÓS O POVO BRASILEIRO!

O governo Temer age como um inimigo do povo roubado, importando e sustentando imigrantes com direito a tudo que os brasileiros não recebem, mesmo tendo pago porisso, compulsoriamente.

Vamos fazer um negócio, deputados federais?

Trocamos os nossos votos em 2018 pelos votos de vocês contra a reforma da previdência, porque Temer não tem legitimidade.

Temer sacrifica, ataca o povo brasileiro. Diz uma coisa e faz outra. Diz que o Brasil não tem dinheiro mas age distribuindo um dinheiro que diz não existir.

Vocês deputados precisam aconselhar Temer a vetar o PL da Imigração, feita cheia de brechas legais, com concessões de privilégios aos estrangeiros, sem consultar nosso povo , o único sacrificado a sustentar os imigrantes!

2018 está muito perto!
Seja esperto!

Anônimo disse...


Senhores deputados federais,


Vocês conseguem ouvir o trabalhador brasileiro?

Os trabalhadores brasileiros estão roucos de gritar.

Não à Reforma da Previdência

Não à adesão compulsória à Previdência Pública

NÃO ao PL dos IMIGRANTES


Porque o governo Temer está distribuindo nosso suado dinheiro, doando 100 bilhões de reais para as Teles, com os deputados em troca de apoios, com o aumento de novos ministérios, criando Lei para favorecer imigrantes, um exército de mercenários desempregados.

Contra o povo, governo Temer faria bem aos deputados se VETAR a nova lei contra nós, os brasileiros, que nos fere de morte, ao sustentar e incentivar a importação de bandidos das FARCs, do EI e do mundo inteiro.

NÃO À LEI TERRORISTA DE ADOÇÃO DE IMIGRANTES ARMADOS, BANDIDOS, SUSTENTADOS POR NÓS O POVO BRASILEIRO!

O governo Temer age como um inimigo do povo roubado, importando e sustentando imigrantes com direito a tudo que os brasileiros não recebem, mesmo tendo pago porisso, compulsoriamente.

Vamos fazer um negócio, deputados federais?

Trocamos os nossos votos em 2018 pelos votos de vocês contra a reforma da previdência, porque Temer não tem legitimidade.

Temer sacrifica, ataca o povo brasileiro. Diz uma coisa e faz outra. Diz que o Brasil não tem dinheiro mas age distribuindo um dinheiro que diz não existir.

Vocês deputados precisam aconselhar Temer a vetar o PL da Imigração, feita cheia de brechas legais, com concessões de privilégios aos estrangeiros, sem consultar nosso povo , o único sacrificado a sustentar os imigrantes!

2018 está muito perto!
Seja esperto!