Mutirão de saúde de Canoas vai zerar agenda reprimida de consultas, exames e cirurgias

O mutirão prosseguirá dia 1o de abril. Hoje, 76 mil pessoas esperam umaconsulta médica em Canoas. Outros 66 mil aguardam um exame médico, 8.530 precisam de cirurgia e 3.230 necessitam de atendimento odontológico. São 153.760 pessoas que enfrentam fila que começou em, 2012.

Canoas, região metropolitana de Porto Alegre, abriu uma inédita agenda na área de saúde, destinada a colocar em dia o calendário reprimido de consultas, exames e cirurgias.

 O total de atendimentos da agenda  compreende 10 mil consultas especializadas e exames, 2,5 mil consultas médicas, pediátricas e psiquiátricas, além de 1.010 atendimentos odontológicos. Os exames e cirurgias sairão no Hospital Universitário e no Hospital Nossa Senhora das graças.

Como parte da agenda, neste sábado abrirão as sete Unidades Básicas de Saúdepara cumprir a etapa final do Mutirão de Odomtologia, encerrando o atraso por atendimento na especialidade.

Um comentário:

elias disse...

Querendo fazer torna-se fácil!
Parabéns a prefeitura de Canoas.