sexta-feira, 17 de março de 2017

Artigo, Alan Ghani, Infomoney - É contra a reforma da previdência? Então toma aqui uma aula grátis de economia

O objetivo deste artigo é i) explicar a necessidade da reforma da previdência, ii)  mostrar por que ela é fundamental para o Brasil e iii) apontar as negativas consequências econômicas e sociais, caso a reforma não passe no Congresso.

Hoje ocorre uma série de manifestações contra a reforma da previdência. Infelizmente, muitas pessoas são contra a reforma sem ao menos entender por que a mudança do sistema previdenciário é vital para o país a médio e longo prazo, principalmente para a população mais pobre. Infelizmente, a maioria das pessoas contrárias à reforma da previdência segue clichês, “#hashtags” ou opiniões de celebridades que não entendem absolutamente nada de economia e finanças. Diante disso, o objetivo deste artigo é i) explicar a necessidade da reforma da previdência, ii)  mostrar por que ela é fundamental para o Brasil e iii) apontar as negativas consequências econômicas e sociais, caso a reforma não passe no Congresso.

(...)

E por que está cada vez mais difícil fechar a conta – o rombo da previdência?
Basicamente está mais difícil fechar essa conta porque os gastos com os aposentados aumentaram, uma vez que as pessoas passaram a viver mais. (...) Em outras palavras, o aumento da expectativa de vida das pessoas trouxe uma consequência econômica para o sistema previdenciário: a sociedade tem de sustentar o aposentado por mais tempo.

CLIQUE AQUI para saber mais.

33 comentários:

Anônimo disse...

Que precisa haver reforma, não há dúvida. Mas...
antes de querer dar uma facada em todo mundo (mesmo que você ache que não é), tem de sanar as falcatruas existentes. E isto não se faz com reforma geral piorando as regras para todos, mas com revisões de benefícios e auditorias. E parar de pagar auxílio-reclusão, salário-família, pensões por morte (a não ser em casos especiais em que os dependentes sejam incapazes de se manter por conta própria).
E, SIM, acabar com as aposentadorias absurdas dos políticos ANTES! Depois, sim, pode-se buscar novas formas de garantir o futuro da previdência, até mesmo permitindo a opção de cada um em optar por ela ou não.
Por último, não sou eleitora da chapa dilma/temer. Nem dos congressistas que querem fazer leis para se auto-proteger da justiça. Lutei pelo fora PT, não para que outros metessem a mão grande no que não é seu. Portanto, não estou contra a reforma só por ser do contra como os esquerdistas, mesmo porque, eu não serei afetada.
Pronto. Falei o que tinha para falar. Se não se convenceu que há outros pontos críticos além da idade mínima e outros pontos que você tanto defende, volte a analisar o inteiro teor e armadilhas desta proposta. Se não, prometa a si mesmo suportar tudo bem caladinho quando se perceber enganado pela propaganda.
Nelsi

Anônimo disse...

Ah é? a conta não fecha?
então, vejamos esta:
Calculando...
🔎Vamos ver se a Previdência é realmente deficitária, vejamos::
•Salário mensal...........R$ 880,00
•Contribuição INSS.....R$ 176,00 (patronal + empregado)
👉Aposentadoria Integral
35 anos = 420 meses = R$ 73.920,00
*Pegando a contribuição mensal de R$ 176,00 e aplicando-se o rendimento da poupança quanto dá???
O que o governo faz com o dinheiro que arrecada? Não investe? E as empresas que não pagam? Fica por isso mesmo?
O rombo deve incluir roubo.

Anônimo disse...

Eu tô de saco cheio dessa lenga lenga que a expectativa de vida do sofrido povo brasileiro aumentou,chega, o piano já desafinou, façam uma pesquisa in loco na porta do cemitério pra saber de fato se lá só entra velhinhos de 130 anos,depois apresentem os números aqui, e não me venham com churumelas.

Anônimo disse...

Sou favorável à Reforma da Previdência. Antes, entretanto, creio que medidas SANEADORAS deveriam ser implementadas : 1. Cobrar os débitos bilionários de empresas públicas e privadas; 2. Acabar com as Isenções às entidades filantrópicas , esportivas e outras ; 3. Acabar com os perdões às dividas com a Previdência ; 4. Acabar com a DRU ; os recursos gerados com a Previdência , devem ficar na Previdência ; 5. Administração Técnica da Previdencia, não por políticos ; 6. Pagamento pelo Governo Federal dos recursos tirados da Previdência , utilizados para outros fins. Se essas medidas não forem tomadas, em breve teremos que fazer uma OUTRA REFORMA .!!!

Anônimo disse...

O os 49 anos de contribuição para a integral que está na PEC (não falo das emendas, cujo aceite é incerto). Ainda que passe para 40 anos de contribuição, idade mínima de 65, para muitas categorias é demais (tenho pena de muitos que estão em serviços insalubres e de alto risco e stress). Vai acabar meio mundo se aposentando antes por doenças e invalidez recebendo valores muuuito reduzidos. Vai adiantar subir a idade mínima? Não! Quem quiser e estiver em condições de trabalhar além do mínimo, que trabalhe, a lei não obriga ninguém a se aposentar. Mas, obrigar pessoas a trabalhar se arrastando enquanto levas de jovens com vigor e saúde não tiverem vaga (porque os velhos não conseguem se aposentar) é burrice. Afinal, cada um paga por SUA aposentadoria, quem se aposenta agora está pegando de volta o que já pagou, quem se aposenta no futuro está ou vai pagar pelo que espera receber depois.

Esta reforma do “temeroso” é uma lascada, sim! Não é porque os esquerdistas dizem (eles queriam fazer o mesmo...)
É uma lascada, mesmo porque, estes itens estão amarrados a outros perversos como a desvinculação de reajuste do salário mínimo, a base de cálculo e o percentual do valor do benefício que de 70% baixa para 50%. Ou seja: passa a receber metade do salário de contribuição. Aí está outro erro que você apresenta para justificar sua tese: há vários anos já não se recebe na aposentadoria o mesmo valor que na ativa, apenas 70% a 80% da MÉDIA dos últimos 80 salários. Então, quem contribui sobre um salário de 1.000,00 , na aposentadoria vai receber 700,00. Isso se suas últimas 80 contribuições tiverem sido sobre mil reais, senão já baixa aí mesmo. Agora, pela nova proposta, vai receber só 500.

Marcelo disse...

Falou tudo.

49 anos de contribuição pra ganhar mixaria é palhaçada

Anônimo disse...

Conversa fiada !!! papo furado !!!
Essa reforma é uma palhaçada, quem vai pagar é novamente quem sempre levou ferro. No setor privado ninguém mais conseguirá se aposentar, e se conseguir tal proeza será por míseros minguados centavos, já que eles querem acabar também com o referencial no salário mínimo, logo no decorrer dos anos, ou seja quanto mais velho, menos ganha e mais gasta com saúde privada, já que pública não há. Então a solução é uma só:
-Instituir imediatamente, cortando já de quem ganha acima desse valor, teto máximo de benefício R$ 5.500,00 para todo mundo, inclusive políticos, ex-presidentes etc, sem direito cumulativo.
- Então idade mínima de 60 anos, e 35 anos de contribuição.
- média salarial dos 80 maiores salários para cálculo do benefício, e uma vez estabelecido fica atrelado ao salário mínimo, assim o governo não nos rouba com o tempo.

Simples, porque não aplicam essa regra básica, com certeza resolve e a previdência se tornará superavitária e terá muito dinheiro( mas que não seja roubado !!!).

Além disso cobrar as dívidas dos que devem pra previdência, sejam eles quem forem, inclusive dos seus herdeiros e/ou seus solidários, tem muita gente grande devendo pra previdência, bilhões... e com patrimônio enorme, isso inclui clubes de futebol, grandes firmas, etc etc

Anônimo disse...

Parabéns,senhora Nelci.
Acrescentando ainda,que é sabido de todos,que o governo mete a mão grande no dinheiro dos contribuintes do INSS.
É sabido que o INSS é uma caixa preta.Há muitos roubos,desvios,marmeladas,aposentadorias discutiveis,etc.
Portanto,querer corrigir com garroteamento justo naqueles que sustentam tudo isso,pelo amor de Deus.Não façam isto.É injustiça.
Me conte outra.
Obrigado D.Nelci.

Anônimo disse...


Esse cara é um imbecil do tipo daquele professor da USP que foi para o show do Jô Soares dizer que não existe aquecimento global.

Anônimo disse...


Esse idiota não fala do dinheiro roubado/ desviado, etc.

Anônimo disse...

Muito bem. Alguém que sabe pensar.

Anônimo disse...



JUMENTO SEM CABEÇA DIZ:

CONVERSA PRA BOI DORMIR. É SÓ COBRAR OS SONEGADORES QUE DEVEM PRA PREVIDÊNCIA, Q SÃO BILHÕES, SOBRARÁ VERBA ATÉ PRA FINANCIAR IMÓVEIS, AUTOMÓVEIS, ETC.. ETC...
METERAM A MÃO NA VERBA DA PREVIDÊNCIA P/COBRIR OUTROS ROMBOS, E O APOSENTADO QUE SE TORNA O BODE FEDORENTO DA SALA.
A IMPRENSA MOSTROU AGORA, QUANTOS TRABALHADORES FORAM LESADOS, POR NÃO RECOLHEREM OS ENCARGOS Q TINHAM DE DIREITOS, NA HORA DE SACAR DAS CONTAS INATIVAS. SÃO MILHÕES DE BRASILEIROS LESADOS, E MAIS..
DE 2011 ATÉ HOJE, JÁ PERDI 980 R$ DE MEU SALÁRIO, COMPARANDO O ÍNDICE DO SALÁRIO MÍNIMO Q GANHAVA NA ÉPOCA. E O CARA DE PAU FALANDO LÁ NOS EUA PARA POLÍTICOS E JORNALISTAS, Q A RECESSÃO ACABOU, QUE MUITOS POBRES SAÍRAM DA POBREZA P/ A CLASSE MÉDIA. (REFRÃO DA DONA VIRMA?).
APÓS AQUI NO BRASIL : Q O DEFICIT DA PREVIDÊNCIA AUMENTOU MUITO, PQ NO ANO PASSADO DERAM UM REAJUSTE DO SALÁRIO MÍNIMO, MAIOR Q A INFLAÇÃO, E MAIS, DERAM 5,8% NO REAJUSTE DOS APOSENTADOS ESTE ANO, "COM BASE NO ÍNDICE DA INFLAÇÃO"?
QUEM VAI AS COMPRAS SEGUIDO, SABE Q ESTAS DECLARAÇÕES SÃO MAIS Q UMA TAPA NA CARA DO BRASILEIRO.
HOJE COM OS MEIOS DE COMUNICAÇÕES Q TEMOS, O ZÉ POVINHO TÁ MAIS POR DENTRO Q PAVIO DE VELA, E O CARA DE PAU, ACHANDO Q O BRASILEIRO ESTÁ MAIS POR FORA Q BUNDA DE ÍNDIO.


SAÚDE E PAZ A TODOS.

flavio winkelmann disse...

Publico a matéria abaixo porque quem contribui, tanto do setor publico como do privado, recebem hoje, pelo que recolheram ao longo da vida, apenas pouco mais que 30% do que contribuíram. Querem reduzir isso ainda mais, e a conta a favor dessa reforma, como está, não fecha, nem na matemática, nem em pensamento.

"Por José Carlos Werneck

Esta história de déficit da Previdência, que vem sendo contada desde os governos de Fernando Henrique Cardoso, Luiz Inácio “Lula” da Silva e Dilma Rousseff, é uma mentira grosseira e esconde interesses que visam prejudicar aqueles que pagaram suas contribuições ao INSS. Importantes cálculos foram feitos pelo cientista político Itamar Portiolli de Oliveira, são reais e facilmente constatados em uma planilha. Não são dados fictícios.

Vamos aos cálculos, sem embromações, enrolações ou explicações dos técnicos de coisa alguma, que espalham mentiras e jogam areia nos olhos dos contribuintes. Veja se a Previdência é realmente deficitária:

Salário mensal… R$ 937,00
Contribuição INSS… R$ 176,00 (patronal e empregado)
Aposentadoria Integral em 35 anos = 420 meses
Pegando a contribuição mensal de R$ 176,00 e aplicando-se o rendimento da poupança de 0,68%, totaliza R$ 422.784,02
Considerando-se a expectativa de vida em 75 anos, e que em média o brasileiro se aposenta com 60 anos, somente receberá a aposentadoria por 15 anos, porém o montante acumulado é suficiente para pagar 40 anos e três meses de salário equivalente à contribuição ou seja, segundo o cálculo feito à base de R$ 880 mensais, sem contar rendimentos.

O trabalhador receberá de volta do governo R$ 158,4 mil no total, ou seja, 37,5% daquilo que lhe foi tomado pelo governo.

RECAPITULANDO – Engraçado que não vejo ninguém publicando esse tipo de pesquisa na imprensa. Resumindo:

Trabalhador PAGA R$ 422.784,02
Trabalhador RECEBE R$ 158.400,00
Que negócio, não?
Agora, aumentando para 49 anos, o trabalhador acumulará R$ 1,4 milhão e receberá um total bem menor, pois terá mais tempo de contribuição e menos tempo de gozo da aposentadoria

Waldir Pires, um político sério, que foi ministro, já alertava que a Previdência não era deficitária. O problema da Previdência é atuarial. Ela precisa de uma auditagem urgente em suas contas.

O resto é péssima gestão e roubalheira pura e simples. Vamos a luta! Não vamos deixar isso acontecer, vamos reclamar!"

Anônimo disse...

É isso mesmo d.Nelsi.

Anônimo disse...

Concordo com a reforma mas é impossivel discutirmos reforma da previdência sem antes acabar com o desvio ou desperdício do dinheiro público pelo executivo.

Anônimo disse...

Concordo plenamente com o comentário das 17:58.
Não adianta jogar fora o sofá que o Ricardão usa para trair o marido.
O problema vai continuar se as causas não forem equacionadas e resolvidas.

RICARDO disse...

O QUE QUEBRA A PREVIDÊNCIA É A PÚBLICA E AS BENESSES PARA O EXECUTIVO FEDERAL, MINISTÉRIO PÚBLICO E JUDICIÁRIO, FORA OS QUE RECEBEM SALÁRIO MÍNIMO SEM TER CONTRIBUÍDO COM UM REAL SEQUER.

Calculando... 🤔
🔎Vamos ver se a Previdência é realmente deficitária, vejamos::
•Salário mensal...........R$ 880,00
•Contribuição INSS.....R$ 176,00
(patronal e empregado)
👉🏻Aposentadoria Integral
35 anos = 420 meses
*Pegando a contribuição mensal de R$ 176,00 e aplicando-se o rendimento da poupança de 0,68% Totaliza R$ 422.784,02
Considerando-se a expectativa de vida em 75, e que em média o brasileiro se aposenta com 60 anos somente receberá a aposentadoria por 15 anos, porem o montante acumulado é suficiente para pagar 40 anos e 3 meses de salário equivalente a contribuição ou seja, segundo o cálculo feito 880,00 mensal, sem contar rendimentos.
👉🏾O trabalhador receberá de volta do governo R$ 158.400,00 no total, ou seja, 37,5% daquilo que lhe foi tomado pelo governo.
Engraçado que não vejo ninguém reclamando, resumindo:
💰Trabalhador PAGA
R$ 422.784,02
Trabalhador RECEBE
R$ 158.400,00

😱 Que negócio, não?
Agora aumentando para
49 anos o trabalhador acumulará,
R$ 1.365.846,02
e receberá menos, pois terá menos tempo de
contribuição e menos de gozo
da aposentadoria
Esses cálculos foram feitos pelo cientista político Itamar Portiolli de Oliveira, são reais e facilmente constatado em uma planilha, não são dados fictícios.

👀

Anônimo disse...

Toma outra aula de economia
É o seguinte.
Conheço advogado aposentado por professor.
Aposentado por ser desembargador por indicação do (insuportável)quinto constitucional.
Aposentado por juiz militar.

Entendeu a aula professor?Ah! nasceu ontem?
Não tenho culpa.Professor.
Há conserto?quem paga tudo isso?

Anônimo disse...

É isso aí, Nelsi.Faco minhas as suas palavras, sem tirar nem por.

Anônimo disse...

Toma aqui uma aula grátis?
Qual aula?
Esta?
Muito obrigado.
Penso também.
Caro professor,teus argumentos são incompletos.
E o roubo,não contas?

Wanderson Robert disse...

Ridículo dizer que quem é contra a Reforma segue celebridades, digo que quem apoiou esse golpe, foi quem o fez. Não tente ludibriar o povo com sua pifia aula de economia, a Reforma dá Previdência é um absurdo, irá o recolhimento previdenciário irá virar um imposto compulsório ao trabalhador que pagará e não colherá benefícios. Façae o favor, sou brasileiro e não me chame de Burro tentando me fazer digerir essa mazela desse governo ilegítimo.

Wanderson Robert disse...

Ridículo dizer que quem é contra a Reforma segue celebridades, digo que quem apoiou esse golpe, foi quem o fez. Não tente ludibriar o povo com sua pifia aula de economia, a Reforma dá Previdência é um absurdo, irá o recolhimento previdenciário irá virar um imposto compulsório ao trabalhador que pagará e não colherá benefícios. Façae o favor, sou brasileiro e não me chame de Burro tentando me fazer digerir essa mazela desse governo ilegítimo.

Anônimo disse...

Estranhamente os políticos acham maneiras para lá de criativas para espoliar o Estado,financiar seus delírios de enriquecer ilicitamente , permanecer no poder infinitamente, estar acima das leis etc, mas quando se trata de fazer com que os reais trabalhadores deste país tenham o que lhes é de direito ... aí a coisa muda... começam discursos apocalípticos , ameaças,nivelamento por baixo, tratamento igual a situações totalmente diferentes etc .
Será que não existe um economista neste país capaz de investir o dinheiro de forma a multiplicá-lo e tornar possível o fechamento das contas ?
Acredito que haja muitos... mas só aceitariam a missão se os mesmos de sempre fossem impedidos de roubar mais uma vez o dinheiro que deveria ser destinado ao pagamento de aposentadorias...
Já passou da hora deste país criar vergonha na cara...

Anônimo disse...

Assim como a necessidade é para medio e longo prazo, as medidas tambem devem ser.
E antes de utilizar a desculpa de déficit da Previdência Social, que tal abrir investigacao sobre o mesmo? mas isso é claro iria trazer à luz sangrias privilegiadas e demonstrar que o fato é falso e que medidas mais simples, e mais importantes, trariam resultados condizentes para o momento.
Que mudancas devem ocorrer para se adaptar a realidade da populacao é obvio, mas se estas superarem os indices de espectativa de vida de paises de 1 mundo (ex Japao); como esta a proposta, o odor da intencao impede e compele a populacao a se defender.
Tambem não sou eleitor dilma/temer, tambem lutei pelo fora PT, mas nao para colocar outro corrupto em seu lugar.

Anônimo disse...

Blá, blá, blá e blá, blá, blá. Só que as contas entre o que pagamos e que temos a receber não fecha. Um BURACO NEGRO dos grandes. Tem dívida pública e privada. Tem a máfia da saúde. Mas podemos começar com a construção de Brasília... Quem se habilita?

Anônimo disse...

Colocaram milhões de pessoas sem ter pago um centavo, politicos fazendo politicas sujas de baixo nível,fizeram pacotes de bondades, tambem pagam quem pagou só 15 anos.Na constituição de 1988 o colocaram que o brasileiro não podia receber menos que 1 salario minimo, minha sogra recebia 1/2 salário mínimo e como ele havia milhões de pessoas que do dia para a noite dobraram os beneficios previdenciarios sem ter contribuido.A Previdência é uma grande vaquinha, quem contribui deve participar caso contrário não dá para todo mundo se beneficiar, 100 contribui com uma vaquinha mensal para ter cafezinho e 300 tomam, como é possível? Tem que separa o joio do trigo.

Anônimo disse...



O povo não aguenta mais ter que sustentar a corja politica.

Ainda que sem entender muito do assunto, o povo não é bobo e sabe que terá que trabalhar até muito próximo a sua própria morte, apenas para sustentar as mordomias e as roubalheiras da corja.
Mesmo mal sabendo acolherar as letras, o povo humilde sabe que passa trabalho só para pagar impostos escorchantes e que este dinheiro (que lhe faz muita falta) é dilapidado, surrupiado e roubado ao tornar-se dinheiro público, como se fosse de ninguém ou inesgotável.

Unknown disse...

Quero saber se vão mexer no queijo da corte dos nobres também!!!
Se funcionários públicos vão continuar a ganhar generosos polpudos vitalícios obtidos através de Folhas de Pagamento Criativas!!!
Se os salários do setor público vão continuar a ser estratosféricos!!!
Se vamos continuar com privilégios, pinduricalhos e outras falcatruas legais, mas imorais, a engordar o ganho dos servidores públicos!!!
Se a iniciativa privada vai continuar a ser a privada da gestão pública!!!
E por aí vai... segue o baile!!! E nós dançamos!!!

Pedro Mass disse...

E a desvinculação das receitas da união? E as bolsas paternalismo/compra de votos? Aposentadoria para politico, se nãoé trabalho? No máximo contar como tempo de serviço. Há muito a ser revisto antes de acabar com a aposentadoria, principalmente do trabalhador comum.

Anônimo disse...

Cheguei no final ja tem 29 que escreveram mas todos estao julgando o final....onde comecou o desvio?
Na decada de 70 o governo fez obras faraonicas com dinheiro do aposentado...usinas de angra....transamazonica....carajas....itaipu, essa com dinheiro do fmi e dos aposentados, etc...vou parar por nao lembrar de tudo, pergunto esses bilhoes desviado da previdencia foi devolvido?
Claro que nao o povo levou o calote e vai pagar de novo.
Um homem nao pode se aposentar aos 50 anos no auge de sua forma intelectual mas tambem nao deve trabalhar ate morrer.

Anônimo disse...

O editor deste blog foi um péssimo secretário de fazenda, muito criticado na época. Ele acha que sabe tudo, é arrogante. Quem não concorda com ele é desinformado ou alienado. Ele só faz comentários politicos seguindo a sua orientação partidária. Lamentável um jornalista ser tão parcial. Credibilidade zero. Foi um péssimo político, péssimo secretário, péssimo jornalista. O artigo a que ele se refere não acrescenta nada. Tudo já foi falado.

Anônimo disse...

Vá estudar também é aí vc recebe.

Enquanto ficar perdendo tempo e olhando só a "grama do vizinho" a sua grama ( e a grana também ) torra !

Vai lá !
Se inscreva no Enem !!

Anônimo disse...

Relator da "reforma" da Previdência deve mais de 150 mil à previdência...
Mas, pode se aposentar com 8 anos de mandato com seus polpudo salário de deputado...
Políbio, Você ainda concorda com Infomoney e outros que dizem (tenho certeza que sabem que não é), que o rombo da previdência é causado pelos que se aposentam antes com salário mínimo ou pouco mais, de 65 anos (sejam da esfera pública ou privada, autônomos ou agricultores) mesmo tendo contribuído com 25, 30 anos ou mais?

https://luizmuller.com/2017/03/17/relator-da-reforma-da-previdencia-deve-mais-de-r-150-mil-para-a-previdencia/