sábado, 4 de fevereiro de 2017

Marcelo e Alexandrino dizem que Edinho pegou R$ 35 milhões para comprar apoio para Dilma Roussef no pleito de 2014

Veja diz que ela pegou dinheiro sujo para se eleger em 2014.

Em uma reunião em 2014 com Marcelo Odebrecht, à época presidente da maior construtora do país, e Alexandrino Alencar, então diretor de Relações Institucionais da empreiteira, o tesoureiro da campanha de Dilma Rousseff à reeleição, Edinho Silva (PT), foi claro: precisava de 35 milhões de reais para garantir a adesão de cinco partidos à chapa da petista e, assim, conquistar dois minutos e 59 segundos de propaganda eleitoral na televisão. A divisão foi feita de forma igualitária, 7 milhões de reais para cada sigla (Pros, PCdoB, PRB, PDT e PP).  

A informação é da revista Veja deste final de semana, que publica reportagem especial sobre o acerto entre a Odebrecht e o PT.

Tudo consta do acordo de delação premiada dos dois executivos, homologado na semana passada., e que começou a vazar.

A revelação deve complicar ainda mais a situação de Dilma Roussef no Tribunal Superior Eleitoral, na ação que analisa precisamente se houve abuso de poder político e econômico na eleição de 2014.

17 comentários:

Unknown disse...

Quem é Dillma Roussef???

Anônimo disse...

Esse Alexandrino é aquele que fez inúmeras viagens ao exterior, de jatinho, acompanhando o famoso LUIS INÁCIO LULA DA SILVA, mais conhecido como O CHEFE, ou AMIGO, ou JARARACA?? Aquele OMI MAIS ONESTO DO MUNDO!!!

Anônimo disse...

Se você ainda fosse jornalista é não apenas um rasteiro militante político dá direita, também iria repercutir neste seu blog as delações por corrupção do Aécio, Eunício, Jucá, Serra, etc,etc,etc. Mas como esqueceu as noções básicas do ponto e contraponto do jornalismo, este espaço é totalmente tendencioso e inconfiavel.

Anônimo disse...

Dilma é uma santa, assim como meu cachorro é Phd em física nuclear .

Fernando disse...

Caro editor: E o Aécio?!

Anônimo disse...

A ex- babá dos filhos de Paula Roussef, filha de DILMA, entrou com ação trabalhista contra Paula , por jornada excessiva de trabalho , segundo o Antagonista . Paula Roussef é Procuradora do Trabaho , em Porto Alegre .!!!

Anônimo disse...

Quando leio esse tipo de reportagem, fico decepcionado com a vergonha que se tornou a política brasileira. E principalmente com os partidos citados na reportagem, dando total e irrestrita proteção ao PT. Partidos esses que se elegeram com o propósito de proteger o trabalhador. Nossos políticos , " representantes do povo ( Câmara ) e dos Estados ( Senado ) " se elegem não para servir a nação, mas para se servir dela. Isso só vai acabar quando nós, o povo, resolvermos colocar um fim nisso tudo, o que não está longe de acontecer. Conforme palavras do Deputado Ulysses Guimarães: " O PODER EMANA DO POVO " . É necessário e urgente que o povo tome consciência da situação em que se encontra o Brasil.

Carlos Mota disse...

Temer decretou 3 dias de luto oficial pela morte desta senhora. Ela que apoiou o marido quadrilheiro e ladrão, que tirou o dinheiro de hospitais e fornecimento de medicamentos, causando a morte de centenas de milhares de homens, mulheres e crianças de todas as idades.
Não se decretou nem um dia de luto oficial pela morte destes brasileiros e brasileiras vitimas deste partido criminoso, de cujas ações esta senhor marisa se locupletou.
Estes 3 dias de luto oficial por alguém que ajudou a desgraçar a vida de milhões de pessoas NÃO ME REPRESENTA!!!!

Anônimo disse...

Um erro não justifica outro, assim como um crime não justifica outro. Aécio não tem nenhum processo que o incrimine, portanto não tem o que temer. " Todos " que cometeram crime, sem exceção, pagarão por eles, independentemente do partido a que pertencerem. Isso é o que reza nossa Constituição Federal. Está inserido nela: que somos todos iguais perante as leis Brasileiras. E para o país voltar a ter credibilidade, seria o ideal que nossa Constituição fosse cumprida, para o bem geral da Nação.

Anônimo disse...

Eu não acredito que esse partido dono da ética e da honestidade esteja envolvido em tanta ROUBALHEIRA. Dizem até que é o governo mais corruPTo de todos os tempos, isso em todo o mundo. Não acredito no que dizem. Pois eu sou um cara que acredita nas pessoas, qdo ellas dizem que não COMETERAM MAL FEITOS, É DE SE ACREDITAR. Se o lula é o home mais honesto do Brasil, a cria dele deve ser também a mais honesta do Brasil. Fica tranquila Janette, o povão te ama e acredita que vc é honestíssima. Quem assaltou o país, foi o FHC. Vcs do PT são honestos.

Anônimo disse...

Essa mulher tem de ser presa, afinal além de estelionato eleitoral a lavanderia funcionou direto. Que responda por seus crimes e seja pedida de defamar o Brasil por aí. Já passou da hora de cassar seus direitos políticos, mantidos só arrepio da Lei por manobras do Lewandowski e Renan.

Anônimo disse...

Mas a gorda PilanTra não era a ogra mais "onestia do mundiu"? Tão ladra, corruPTa, mentirosa e incomPeTente quanto qualquer lixo petista!

Anônimo disse...

Parsa as viúvas do PT e da esquerdalha: que vão para o fundo da cadeia ou para o fundo do inferno, o que chegar antes, Aécio, Serra, Temer, FHC, luladrão, dilmanta, Genoino, JD, Luciano Genro, papa Chiquinho, igreja católica, crentes e qualquer um desses partidos-lixos e seus próceres corruPTos! Ninguém aqui prega imunidade seletiva, seja com quem for. Ladrão e corrupto, só com um tiro no meio da testa, seja quem for e de que agremiação for!

Anônimo disse...

Dilma foi o ponto mais baixo da história republicana brasileira.

Anônimo disse...

E o PP da Ana Amélia, aceitou ser corrompido? Que feio.....

Anônimo disse...

Sistema PRESIDENCIALISTA de COOPTAÇÃO($)!


Anônimo disse...

Ação contra foro privilegiado de Moreira é ‘toga justa’ a Janot e ao STF:

04/02/2017- O Tijolaço

Em abril de 2016, o Procurador Geral da República, Rodrigo Janot, mandou ao STF manifestação para que se impedisse a posse de Lula na Casa Civil de Dilma Rousseff. Dizia que, sua escolha tinha ” a intenção, sem prejuízo de outras potencialmente legítimas, de afetar a competência do juízo de primeiro grau e tumultuar o andamento das investigações criminais no caso Lava Jato”. Naquele momento, nem mesmo réu o ex-presidente era: não havia sido aceita, ainda, qualquer acusação contra ele.

Gilmar Mendes não pestanejou e tascou uma decisão do Mandado de Segurança 34.070, impetrado pelo PPS proibindo a posse pois, para ele, a nomeação para o Ministério “produziu resultado concreto de todo incompatível com a ordem constitucional em vigor: conferir ao investigado foro no Supremo Tribunal Federal.”

Ontem, o ex-juiz e advogado da Rede, Márlon Reis, impetrou mandado de segurança quase idêntico ao do PPS contra Lula, atendido por Janot e Gilmar, com uma pequena diferença.

É que – como se lê na íntegra, publicada pelo Poder360 – ele é todo fundamentado nas decisões do próprio Gilmar Mendes, que esposou as teses do Procurador Geral.

O presente caso é de identidade intrínseca: i) o Sr. Moreira Franco, assim como Lula, foi destinado às pressas para um Ministério, agravado pelo fato de que, neste caso, foi criado sem razões de interesse público que o justifiquem; ii) Referida manipulação acontece com o único intuito de conferir-lhe foro por prerrogativa de função após os desdobramentos da operação Lava Jato.

A única diferença entre ambos é a forma de tratamento e divulgação da grande imprensa em relação a ambos os fatos. Portanto, tratamento diferenciado para ambos os casos implicaria na maior afronta desta Suprema Corte ao princípio constitucional da isonomia em sede de sua atuação processual.

Márlon foi ao ponto. embora eu, pessoalmente, discorde de privar qualquer cidadão de direitos políticos senão por condenação criminal, como prevê a Lei da Ficha Limpa, da qual o ex-juiz é um dos autores.

A questão é essencialmente essa: se pau que dá em Chico também bate em Francisco, como fazia questão de dizer o Dr. Janot, tempos atrás.

Da última vez que disse que “exige a República que pau que dá em Chico têm de dar em Francisco“, no plenário do STF, contra Renan Calheiros, como se sabe, o “Francisco”, em lugar de uma paulada, ganhou um supremo carinho.