Defensoria Pública do RS quer criar 206 novas CCs

A Assembléia Legislativa do RS ainda não agendou data para votar em plenário, o projeto-de-lei 174/2016, protocolado pela Defensoria Pública, que prevê a transformação de 206 cargos de provimento efetivo em CCs.

Os cargos existem, mas estão vagos e devem ser ocupados por concursados.

Se o projeto passar, os concursados ficarão de fora.

O trenzinho da alegria é inaceitável.


16 comentários:

Anônimo disse...

Isso seria uma aberração Polibio! Enquanto todos os poderes começam a ter medidas sérias em relação à reposicão de seus RH, a Defensoria Publica tem coragem de propor algo assim? Não dá para acreditar! Mas me admiro a AL ainda votar!! É um absurdo!

Anônimo disse...

Mais uma chacota para o nosso pobre estado nas mãos desse tipo de gente. Paternalismo lamentável.

Anônimo disse...

Trenzinho de quem, hem?
Só se já estão todos os nomes de filhos de deputados e parentes de procuradores prontos pra ocupar os CCs!
É falta de vergonha na cara!

Anônimo disse...

Mas a Constituição Estadual ou Federal permite?
Que país é esse?
Que estado é esse?
206 CCs para os amigos de quem?
Como vai ser a escolha?
À Defensoria Publica tem que se explicar!
Eu admirava esses caras, é tudo igual!

Anônimo disse...

Qual o critério para a admissão de 206 CCs?
Só quero saber isso!
Ou isso ninguém vai saber?

Anônimo disse...

Curioso pelo resultado da votação. Como são covardes deverá ser secreta, mas me interessaria saber quem vai votar a favor dessa "paspalhada" para ter seu nome jogado na lama e nunca mais ser eleito.

Anônimo disse...

E isso pode?
Não tem limites, lei que proíba ?
É copa franca?

Anônimo disse...



A crise financeira não permite nomeações a qualquer titulo neste momento. Salvo na saúde, educação e segurança. Seguindo uma coerência na linha que a Assembleia Legislativa tem usado como argumento nas votações, a mesma que foi utilizado para extinguir fundações, parcelar salários, tudo em nome da falta de dinheiro. Falar em CC's é ir na contramão do discurso. Destoa. Fica igual ao Marchesan pregando que a profissão de cobrador de ônibus é uma profissão em extinção mas dá guarida a mais de 800 CC's que também precisam se reinventar e encontrar uma profissão.

Anônimo disse...

E ainda tem gente que diz que o problema do Brasil são os analfabetos e os que recebem Bolsa Família. Esta casta funcional não se contenta nunca, nem com o que ganha e nem com a possibilidade de não poder indicar apaniguados para as sinecuras e "boquinhas". Até quando esta republiqueta aguenta?

Anônimo disse...

Pode assinar, lá não tem crise.

Anônimo disse...

Parasitas públicos insaciáveis!

Anônimo disse...

Tem filhos e parentes de políticos e de procuradores, juízes, promotores, defensores sem emprego!
Se uniram para resolver o problema!
É só esperar os nomes dos CCs!

Anônimo disse...

Caro editor

Mais uma aberração. Isso tem o dedo do Piratini que domina a Assembléia Legislativa.
O gringo mandou demitir duzentos empregados da CEEE, o que gerará brutal passivo trabalhista pela ilegalidade das demissões.
Depois mentiu para a sociedade gaúcha que estaria economizando 100 milhões com a extinção das fundações. Como a muitos funcionários dessas fundações tem estabilidade já conseguida em juízo essa economia será falsa. E os serviços por elas efetuados serão efetuados por consultorias privadas.
Será que não serão de empresas de amigos da turma do governo?
Trocar concursados por cc fere de morte o art. 37 da CF. Portanto, mesmo que esse parlamento de políticos sem espinha dorsal, com as exceções de praxe essa lei é inconstitucional.
Sem duvida Sartori e seus deputados amestrados são verdadeiros pernas de pau.

Anônimo disse...

O Paraguai é a nossa esperança....

Anônimo disse...

e os 487 CCs do Ministério Público Estadual? Porque ninguém nunca fala disso?

Anônimo disse...

polibio

isso é vergonha pura, coisa de bandidos, criminosos contra o povo

só vão parar quando os criminosos começarem a escolher a dedo suas vitimas

e se por acaso forem os graúdos da coisa pública, quem sabe vão tomar vergonha na cara e vão parar com essa sangria contra o povo

tá na ora do olho por olho e dente por dente, aí essa gentalha priviligiada vai entender o sentimento do povo

não demora e sangue vai correr e não vai ser pouco, a paciencia com os que mandam está acabando

chega lava jato pra toda essa máfia dos tais poderes da nação

merecem pena de morte, como na revolução francesa

o povo vai fazer o programa

forca para todos

aí vão entender