Se estiver na Alemanha, Eike não poderá ser extraditado para o Brasil

O site BuzzFeed News esteve na Trump Tower em Nova York, em um apartamento que pertence ao advogado Sérgio Bermudes, e afirmou que Eike Batista não está hospedado lá.

 O que se sabe é que o empresário só comprou passagem de ida para os EUA. Autoridades dos Estados Unidos confirmaram que Eike Batista desembarcou na quarta-feira, às 6h35, no aeroporto de Nova York. Segundo a Polícia Federal, ele saiu do Brasil usando passaporte alemão. Seus advogados dizem que ele foi resolver negócios em Nova Iorque e que se entregará quando voltar.

A Interpol já o procura como foragido.

O temor é de que Eike já tenha viajado para a Alemanha.

Ao contrário dos EUA, dono de passaporte alemão, o empresário brasileiro não poderia ser extraditado ao Brasil se chegar ao país europeu. Ele tem dupla nacionalidade.