terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Ministro e secretários discutirão, hoje, medidas e ações periféricas para conter motins em presídios

O ministro da Justiça, Alexandre Moraes, terá reunião, hoje, com secretários estaduais da Segurança Pública.

Vão discutir medidas e ações periféricas para conter as rebeliões em presídios.

O secretário Cesar Schirmer representará o RS.

2 comentários:

Anônimo disse...

Vamos ver se a regra funciona:
- se ao subir no telhado, um sniper derrubasse 1. Quantos mais subiriam?
- se ao queimar colchões, alguem pegasse o incendiário e.tacasse fofo. Quantos mais colocariam fogo?
- se ao pegar alguem com drogas, injetassemos drogas nesse até matar de overdose. Quantas drogas entrariam?
- se aparecessem armas, pegassemos as armas e usassemos em fuzilamento ou esquartejamento (no caso de armas brancas) com aqueles armados. Quantas armas entrariam?
- se fosse pego celular e cortassemos às mãos de quem for pego com 1. Quantos celulares entrariam?

É simples. O bandido brasileiro é covarde e tem medo da morte e de lesão física. Só isso resolveria, o medo.

Anônimo disse...


Não tem truques e nem magias, para resolver o problema não adianta medidas paliativas ou temporárias, como mudança de nomes.

Não construíram escolas, agora tem que construir presidios, e contratar pessoal para que funcionem corretamente e não utilizar a BM pára tapar os furos de políticos incompetentes que se autodenominam de "gestores".