PDT deixa para março decisão sobre desembarque do governo Sartori

O PDT resolveu adiar para março a decisão sobre o desembarque do governo Sartori. O presidente nacional do Partido, Carlos Lupi, forçou o quanto pode, ontem, porque queria iniciar imediatamente as campanhas oposicionistas de Jairo Jorge (governo estadual) e Ciro Gomes (presidência), mas a bancada estadual achou que seria uma covardia deixar o governo na hora da votação de propostas de modernização bastante impopulares.

Apesar da posição da bancada, esta também apresenta divisões no exame do pacote do governo, embora sejam divisões pontuais.

8 comentários:

Anônimo disse...

Pesei que era o partido do bombacha borrada...

Anônimo disse...

Jardel também.

Unknown disse...

Partido do Cabresto, desde os tempos de Brizola!!!

Anônimo disse...

PARTIDINHO DE ALUGUEL E BOQUINHAS, COMO SECRETÁRIOS e cc´s.

Anônimo disse...

PDT de hoje será o PT de ontem. Fora PDT!

Anônimo disse...

provavelmente, não quer perder os cargos no governo. ou é oposição ou situação. muro, não.

Anônimo disse...


Os canalhas não querem perder as boquinhas de jeito nenhum.

Vão votar as medidas contra o funcionalismo e depois sair do governo, somente para "limpar" a imagem do partido, visando o pleito de 2018 e apostando na falta de memória do eleitor.
Ocorre que em tempos de redes sociais, as noticias são em tempo real e no longo prazo a memória do eleitor sempre é reavivada.

Anônimo disse...

ESTE PDT É CONTRA SARTORI PORQUE SARTORI É DO PMDB MAS É CONTRA O PT, SARTORI NUNCA APOIOU O PT POR ISTO O PDT NAO GOSTA DE SARTORI