Artigo, Claudio Lamachia, Zero Hora - Depuração política.

A crise ética e moral que enfrentamos atualmente em nosso país nos trouxe a uma encruzilhada. O caminho que vamos seguir daqui para frente determinará se chegaremos, ou não, a um lugar melhor do que o que deixamos para trás. Em poucas palavras: ou acabamos com a corrupção, ou ela acaba com o Brasil.

Passar o Brasil a limpo e depurar a classe política dependem de um amadurecimento urgente de cada um de nós. Não nos é mais permitido apontar o dedo sem fazer uma análise profunda da responsabilidade que temos ao eleger quem nos representa.

É inaceitável a postura de agentes políticos que traem seus eleitores e é igualmente condenável que a democracia e o voto sejam tratados com displicência. Cada um de nós é responsável pelo seu voto e pela defesa de seus ideais. Precisamos de homens que sirvam à política e não daqueles que se sirvam dela.

CLIQUE AQUI para ler tudo. 

7 comentários:

Anônimo disse...

A corrupção institucionalizada tem nome e sobrenome. Logo, vamos denominá-la.

Anônimo disse...

blog do Aluizio Amorim, 29 de fevereiro de 2016

FIQUEM ATENTOS:

O PT ENSAIA UM GOLPE PARA MELAR A OPERAÇÃO LAVA JATO.

Enquanto Luiz Inácio Adams, chefe da Advocacia Geral da União (AGU) já está de malas prontas para abandonar o governo o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, também se prepara para pular fora.

Em se tratando do PT, que é um partido comunista, expurgos e abandonos de fiés e velhos 'companheiros' são normais. Mas não se trata disso. Aparentemente é uma retirada estratégica de ambos, principalmente do Ministro da Justiça

No caso de Cardozo, o ministro estaria sendo trocado por outro, provavelmente de fora do PT para realizar o trabalho sujo exigido por Lula para tentar liquidar a Operação Lava Jato, ou seja, mudar o comando a Polícia Federal na cúpula para, ato contínuo, mudar a direção da corporação nos Estados. Como a sede da Operação Lava Jato está no Estado do Paraná, dá para compreender o que está por trás dos panos.

O que está sendo noticiado pela grande mídia a respeito principalmente da saída de Cardozo é pura desinformação. Aliás, estratégia usada e abusada pelo movimento comunista que controla todos os grandes veículos de comunicação. Em função disso, a grande mídia em sua maioria perdeu totalmente a credibilidade. As exceções contam-se nos dedos.

Estamos assistindo aquele que talvez seja o golpe comunista acalentado pelo Foro de São Paulo. E isto se explica em parte o fato de pessoas importantes estarem amargando prisão por um bom tempo e de bico fechado, a indicar que alimentam a fé e a esperança na impunidade.

Já disse aqui no blog que a derrocada do PT significa um golpe fatal ao Foro de São Paulo. Já perderam o poder na Argentina e também na Bolívia, enquanto na Venezuela o tiranete Nicolás Maduro está sendo fritado em fogo lento. Todavia o país mais importante no jogo geopolítico do Foro de São Paulo é o Brasil. É o maior país da América Latina em dimensão territorial, população e poder econômico.

Quem sabe Lula encontrou um arremedo de Márcio Thomas Bastos para tentar melar a Operação Lava Jato. Assim sendo, Lula poderia seguir livre, leve e solto, bem como seus áulicos do petrolão.

Resta saber se nesta alturas se os cidadãos e cidadãs se curvarão docemente ao golpe lulístico sabendo que mais adiante terão que amargar filas homéricas nos supermercado em busca de alimentos, como vem ocorrendo na vizinha Venezuela ou mesmo morrer por falta de medicamentos.

A verdade é que o dinheiro acabou. Já rasparam até o fundo do tacho. Façam suas contas, prezados leitores e vejam a realidade. O Real já não vale mais nada. Há 56 anos aconteceu a mesma coisa em Cuba. Há 16 anos os venezuelanos começaram a ser espremidos pelos comunistas. Atualmente gastam a maior parte do seu tempo à procura de comida e papel higiênico, vivem debaixo do chicote dos comunistas e nas masmorras do regime agonizam os líderes da oposição.

Anônimo disse...


A considerar o texto do atual Presidente da OAB, parece que já podemos voltar c contar com essa importante Instituição para a defesa do povo brasileiro.

MOISÉS SOARES ALVES disse...

É muita ingenuidade não descreditar no sistema eleitoral totalmente fraudulento...Especialmente a apuração do segundo turno para Presidência da República, uma fraude em si mesma. Comecem a denunciar isso que acreditaremos na boa vontade em se querer mudar o sistema. O problema é o sistema. O ser humano continua o mesmo. O resto é pura demagogia irustida de uma boa vontade ou canalhice.

Moisés.

Anônimo disse...

Conversa mole! Outro que não faz oque tem que fazer e merecer os altos salários que pagamos. Blá Blá Blá. Trump neles. Chega dessa camarilha.

Anônimo disse...

Espero que esse não esteja pensando também em ser ministro do Supremo Tribunal Federal, nomeado pela Dilminha, tem que honrar a tradição do cargo que ocupa!

Anônimo disse...

O Brasil é única pseuda democracia em que o cidadão é obrigado a votar e punido se não votar!!!