Vice Cairoli chuta o balde e denuncia deputados e RBS

Cairolli, bem à esquerda, numa das 80 viagens que o pessoal de Sartori fez a Brasília para negociar adesão ao RRF, tarefa que a RBS e o novo governador Eduardo Leite consideram inútil. Uma crítica que beira a pura cretinice.

O vice-governador gaúcho José Cairoli fez corajoso discurso político no seminário organizado por Sartori para fazer uma prestação de contas do seu governo.

Eis as denúncias mais fortes que ele fez:

Troca-troca
Para negociar com a Assembleia, o governo teve que ir no corpo a corpo com cada deputado, base aliada ou não. Até vagas de estagiário foram trocadas por votos.

Carrapatos
Partidos que começaram o governo na base aliada, como o PDT e PSDB (Cairoli não citou nomes), saíram de mentirinha do governo, porque permaneceram com cargos, garantindo alguns votos para o governo.

RBS mente
Ao promover a farsa de que só agora se soube que o governo federal exigiu o Banrisul em troca da adesão ao RRF, a RBS está a serviço de alguém (Cairoli não citou ninguém).

O governador e seu secretariado ouviram o discurso e não mexeram músculo da face.

Saiba como ficará a área de comunicação do governo Bolsonaro

O governo Bolsonaro decidiu que a comunicação do governo será dividida. Será criada uma "assessoria especial" para cuidar especificamente da comunicação de Bolsonaro. Redes sociais do presidente serão administradas nesta nova assessoria, que não ficará dentro da atual Secretaria de Comunicação (Secom).

Foi o que informou esta tarde o ministro Onyx Lorenzoni.

A Secom ficará sob o guarda-chuva da Secretaria-Geral e manterá, entre outras atribuições, os contratos de publicidade do governo federal.

Onyx diz que Bolsonaro terá maioria até para mudar a Constituição

A base aliada do governo Bolsonaro poderá ter 350 deputados, muito mais do que a maioria absoluta necessária (257) e também superior aos 2/3 (308 dos 513 deputados)  exigidos para mudar a Constituição.

As contas são do ministro Onyx Lorenzoni.

Este é o organograma dos 22 ministérios do governo Bolsonaro


Segundo anunciou em coletiva de imprensa o ministro Onyx Lorenzoni, o governo Bolsonaro contará com 22 ministérios:

Casa Civil: Onyx Lorenzoni
Economia: Paulo Guedes
Gabinete de Segurança Institucional: general Augusto Heleno
Ciência e Tecnologia: Marcos Pontes
Justiça: Sérgio Moro
Agricultura: Tereza Cristina
Defesa: general Fernando Azevedo e Silva
Relações Exteriores: Ernesto Araújo
Banco Central: Roberto Campos Neto
Controladoria Geral da União (CGU): Wagner Rosário
Saúde: Luiz Henrique Mandetta
Advocacia Geral da União (AGU): André Luiz de Almeida Mendonça
Secretaria Geral da Presidência: Gustavo Bebianno
Educação: Ricardo Vélez Rodríguez
Secretaria de Governo: general Carlos Alberto dos Santos Cruz
Infraestrutura: Tarcísio Gomes de Freitas
Desenvolvimento Regional: Gustavo Canuto
Cidadania: Osmar Terra
Turismo: Marcelo Álvaro Antônio
Minas e Energia: almirante Bento Costa Lima
Meio Ambiente: a definir
Direitos Humanos: a definir

Recomendado - Vá nesta segunda-feira à noite ao Bier Markt Vom Fass, Porto Alegre

Reserve para happy hour, 
formaturas, aniversários.

Ao lado, painel de vidro com 38 torneiras de chopes artesanais.

Há oito anos a revista Veja Porto Alegre atribui ao Bier Markt o primeiro lugar na categoria. CLIQUE AQUI para ler o que diz Veja.

Exclusivamente cervejas e chopes artesanais (38 torneiras). Mais de 100 rótulos de várias partes do mundo.

Também petiscos inspirados na gastronomia alemã.

Segurança completa de verdade.
Bom estacionamento de rua, ar condicionado perfeito, também cozinha.

Biermarkt Vom Fass
Rua Barão de Santo Ângelo, 497
Moinhos de Vento
Porto Alegre, RS

Localização, dicas, serviços: www.biermarkt.com.br

Nesta terça, o STF terá coragem de colocar Lula em prisão domiciliar ?

Sinduscon-RS divulga valores do CUB de novembro


O Sinduscon-RS  divulgou hoje o CUB/m² - Custo Unitário Básico por metro quadrado de construção do mês de novembro de 2018, com base na NBR 12.721/2006. De acordo com aesta norma, a NBR, os valores podem ser consultados ao lado. São 19 faixas diferentes uma da outra.

Altas - Os materiais de construção que mais subiram em novembro último foram: Aço CA-50 Ø10 mm (2,92%), Vidro liso transparente 4 mm (2,68%), Esquadria de correr tamanho 2,00 x 1 ,40m , em alumínio (0,67%) e Disjuntor tripolar 70 A (0,65%). 
Baixas - Já os materiais de construção que apresentaram as maiores reduções  de  preços no mesmo período são: Telha fibrocimento ondulada 6mm (-1,88%), Tijolo 9 cm x 19 cm x 19 cm (-1,69%), Janela de correr tamanho 1,20m x1,20m em ferro (-1,62%) e Fio de cobre anti-chama, Isolamento 750V,#2,5 mm2 (-1,56%).

Uruguai nega asilo a ex-presidente do Peru

O Uruguai negou pedido de asilo feito pelo ex-presidente do Peru Alan Garcia, suspeito de envolvimento em casos de corrupção envolvendo a empreiteira brasileira Odebrecht. Garcia alegou em seu pedido de asilo estar sendo alvo de perseguição política.

"Não concedemos o pedido de asilo porque no Peru funcionam livremente os três Poderes do Estado", justificou o presidente uruguaio, Tabaré Vasquez.

Razões iguais levarão o Uruguai a recusar asilo a Lula.

Se não sair do Peru, Alan Garcia será preso como corrupto, como Lula.

Mino Carta diz que maior inimigo de Bolsonaro será o Papa

O jornalista lulopetista Mino Carta, revista Carta Capital, anunciou hoje que o Papa será o maior inimigo de Bolsonaro.

Mino não disse se o Papa tem o apoio de Deus.

O Papa atual é irrelevante.

Deus não é.

A Igreja Católica não manda mais no Brasil.

Chefe da Casa Civil de Eduardo Leite será Artur Lemos

Artur Lemos, ex-secretário das Minas e Energia de Sartori, será chefe da Casa Civil de Eduardo Leite.

Artur Lemos é do PSDB e no governo Sartori preencheu vaga sob indicação do Partido, saindo quando houve a decisão tucana de disputar o Piratini.

35% dos 20 ministros anunciados são militares

35% dos 20 ministros anunciados até agora são militares.

TRF4 mantém prisão de Pedro Augusto Xavier Bastos, ex-gerente da Petrobrás. Ele terá que devolver US$ 4,9 milhões que recebeu de propinas.

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) julgou na semana passada a apelação criminal de Pedro Augusto Cortes Xavier Bastos, ex-gerente da área internacional da Petrobras, mantendo, por maioria, a sua condenação pela prática dos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no âmbito da Operação Lava Jato. A pena foi diminuída em relação à sentença de primeiro grau, passando de 11 anos e dez meses para dez anos, oito meses e 20 dias de reclusão, a ser cumprida em regime inicialmente fechado. Além disso, o tribunal manteve a sua prisão preventiva no Complexo Médico-Penal em Pinhais, no Paraná.

Bastos foi denunciado, em junho do ano passado, pelo Ministério Público Federal (MPF). Em maio de 2017, ele já havia sido preso durante a 41ª fase da operação. Segundo a denúncia, o contrato de aquisição pela Petrobras dos direitos de participação na exploração de campo de petróleo na República do Benin, na África, da empresa Compagnie Beninoise des Hydrocarbures Sarl (CBH), teria envolvido o pagamento de vantagem indevida a ele.

O pagamento teria ocorrido mediante transferências em conta secreta mantida no exterior, conforme acordo de corrupção acertado no contrato entre a estatal e a CBH. O ex-gerente teria recebido o valor de 4.865.000,00 dólares em uma conta da offshore Sandfield Consulting S/A da qual era o beneficiário final. Ele terá que devolver este dinheiro.

CLIQUE AQUI para saber muito mais detalhes do caso.

Governo Bolsonaro fatiará em três as funções do ministério do Trabalho

O futuro ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, disse esta manhã que as atribuições do Ministério do Trabalho serão divididas entre 3 pastas: Economia, Justiça e Cidadania. Com isso, Trabalho perderá o status de ministério.

Ficará assim:

1) uma parte vai ficar com o ministro Sérgio Moro [Justiça e Segurança Pública], que é aquela parte de concessão de carta sindical, a parte mais visível. 
2) A outra parte, de políticas ligadas a emprego, vai ficar uma parte na Economia.
3)  Outra parte ficará na Cidadania.

Onyx falou para a Rádio Gaúcha, RBS.

CLIQUE AQUI para examinar o infográfico produzido pelo site Poder360 sobre os nomes que compõem atualmente o governo Bolsonaro.

Ana Amélia continua cotadíssima para o comando da Secom

A senadora Ana Amélia Lemos continua cotadíssima para assumir a condição de porta-voz do governo Bolsonaro.

Foi o que soube o editor.

Ela acumularia as funções com o comando da Secom, que reuniria as áreas de relações com a imprensa e de comunicação com o público (porta voz), mas não a de propaganda.

O anúncio poderá sair a qualquer momento.

Damares Alves poderá recusar ministério dos Direitos Humanos

A pastora Damares Alves deverá recusar o ministério dos Direitos Humanos.

Ela é assessora do senador Magno Malta e sairia ministro contra a vontade dele.

Isto é o que diz a revista eletrônica Crusoé, editada pelo mesmo grupo que controla o blog O Antagonista.

General Etchegoyen diz que Bolsonaro sofreu novas ameaças de morte

O general Sérgio Etchegoyen, ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, revelou esta tarde que o presidente eleito Jair Bolsonaro recebeu novas ameaças de morte.

Um dos filhos do presidente eleito, Carlos, que é vereador no Rio e implementou a guerra da propaganda durante a disputa presidencial, também sofreu recentes ameaças, anda com colete à prova de balas e dois seguranças.

Conheça as três fases das relações da RBS com o governo Sartori

A RBS atravessou três fases distintas de relações com o governo Sartori:

Fase 1
Dois anos de críticas inclementes.
Fase 2
Quase dois anos de aliança
Fase 3
Desde pouco antes da eleição, novo período de críticas ferozes

A RBS já está insultando o governo do Estado.

Sartori e Temer vão assinar o acordo prévio ao contrato de adesão ao RRF dos Estados

Sartori quer e Temer também quer.

Só depende da agenda do presidente Michel Temer a assinatura do acordo prévio ao contrato de pré-adesão e adesão ao Regime de Recuperação Fiscal dos Estados.

O vice-governador José Cairoli poderá viajar a Brasília a qualquer momento para concluir os acertos com o MF e agendar com a Casa Civil a ida do governador Sartori a Brasília.

O governo gaúcho já matou a cobra e agora quer mostrar o pau.

Sartori deseja evitar que a paralisação das negociações levem o STF a suspender a liminar que trancou os pagamentos mensais da dívida com a União.

STF libertará Lula nesta terça-feira ?


O jornalista Josias de Souza, UOL de hoje, diz que o julgamento do habeas corpus de Lula está empatado na Segunda Turma do STF, amanhã: 

A favor de Lula
Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski 

Contra
Edson Fachin e Cármen Lúcia

Pendular, por enquanto
Celso de Mello 

O voto de Celso de Mello será decisivo.

A Segunta Turma conta com 5 ministros.

Novo governo de SC reduzirá o número de secretarias,que cairá de 39 para apenas 15

O novo governador de Santa Catarina, comandante Carlos Moisés, PSL, anunciou que seu governo terá apenas três supersecretarias e dez secretarias centrais, além de duas outras ligadas diretamente ao seu gabinete.

O atual modelo são de 39 secretarias.

As três supersecretarias serão Casa Civil, Procuradoria e Controladoria-Geral.

Opinião do editor - Faça pressão sobre a Câmara dos Deputados. Hoje, agora.

Se os eleitores e o próprio governo Bolsonaro não botarem pressão, deputados e senadores aproveitarão estes últimos dias da atual legislatura, sobretudo quando se encerra o ano fiscal, para enfiar pauta bomba em cima de pauta bomba, tentando prejudicar tanto quanto puderem os contribuintes brasileiros.

É hora de abrir a boca para valer.

Esta semana, a Câmara dos Deputados poderá aprovar um verdadeiro trenzinho de alegria para beneficiar prefeitos e vereadores gastadores ou que não conseguem reduzir gastos para valer.


É o caso da votação do Projeto de Lei Complementar (PLP) 270/16, que mantém a transferência de recursos aos municípios mesmo se as despesas com pessoal ultrapassarem o limite legal.

CLIQUE AQUI para examinar o texto completo dessa imoralidade.

Análise - PIB já cresceu 1,4% no acumulado do ano (até setembro)


O PIB cresceu 0,8% no terceiro trimestre deste ano, em relação ao segundo trimestre, segundo dados divulgados na sexta-feira pelo IBGE. Trata-se de uma aceleração ante a elevação de 0,2% registrada na leitura anterior. O resultado – que constitui a sétima alta consecutiva – ficou em linha com a expectativa do mercado. Na comparação interanual, o PIB avançou 1,3%, ligeiramente abaixo do esperado pelo mercado (1,6%), com destaque para a agropecuária, sob a ótica da oferta, e os investimentos e importações, sob a ótica da demanda. É importante destacar que essa divulgação trouxe revisões para trás, como normalmente ocorre na divulgação do terceiro trimestre, por conta da incorporação de pesquisas estruturais anuais. 

Dessa forma, a métrica acumulada em quatro trimestres continua apontando para uma tendência de recuperação gradual da economia brasileira. De fato, sob essa medida, o PIB registrou variação acumulada de 1,4% até setembro.

Consumidores gaúchos irá com moderação às compras de Natal, diz Fecomércio


Os artigos de vestuário seguem liderando entre os os presentes mais comuns no Natal 2018, seguido de brinquedos e calçados.Em 2018, a entidade estima um crescimento das vendas entre 3% e 4% na comparação com o Natal do ano passado.

A Pesquisa de Final de Ano 2018 realizada pela Fecomércio entre os dias 3 e 7 de novembro com 385 consumidores de Santa Maria, Porto Alegre, Caxias do Sul, Ijuí e Pelotas, mostram que cada gaúcho deve gastar, em média com presentes de Natal:

Média entre homens e mulheres, R$ 467,87 
Homens, R$ 557,38
Mulheres, R$ 393,82 

Os dados são inferiores aos registrados no mesmo período do ano passado, apontando cautela da população com relação aos gastos de Natal.

É hoje a sessão de autógrafos de "Mãos Limpas e Lava Jato", UniRitter, Canoas, RS

Será amanhã a noite, 19h30min, o lançamento do livro "Mãos Limpas e Lava Jato", obra do procurador federal Rodrigo Chemim, que é do Paraná.

Será não campus da UniRiotter em Canoas, rua Santos Dumont 888.

A Operação Mãos Limpas, Itália, foi atropelada no caminho, mas a Lava Jato parece ter se fortalecido muito com a eleição de Bolsonaro e a indicação do juiz Sérgio Moro para o ministério da Justiça

Governo Sartori exige respeito do jornal Zero Hora no caso da adesão ao RRF

O jornal Zero Hora engoliu em seco os termos da nota paga publicada pelo governo gaúcho nas edições de hoje dos principais diários do RS.

O jornal é denunciado por fazer intrigas no caso do processo de adesão do governo estadual ao RRF dos Estados.

A nota não cita Zero Hora, mas se refere a intrigas que só o jornal e a RBS fizeram, como foi o caso da denúncia de que Sartori blefou em relação ao RRF. Blefar, como se sabe, é o mesmo que mentir.

O próprio Sartori mandou inserir esta advertência incomum:

- Tenham respeito !

Com ponto de exclamação e tudo.

A nota ocupa página inteira, explicando como vem sendo negociada a adesão, quais as dificuldades e o que poderá acontecer.

CLIQUE AQUI para ler toda a nota.

Recomendado - Panetones artesanais de alta qualidade. Porto Alegre.

Porto Alegre.

Encomende agora mesmo.

Panetones artesanais com nozes, amêndoas, castanhas, passas e frutas cristalizadas. Peso: 600 gramas.

R$ 58,00+R$ 10,00 de taxa de entrega em Porto Alegre.

É na Artezanalle.

Porto Alegre.

Ligue para 99496.4033 (celular e WhatsApp).

Veja mais produtos par Natal e suas festas:
http://www.artezanalle.com/

70,4% aprovam saída dos médicos cubanos

Os números apurados pelo Paraná Pesquisas acabam de ser divulgados.

O que os dados demonstram sobre a saída dos médicos cubanos do Brasil

70,4% aprovam
24,8% desaprovam
4,3% não sabem ou não opinaram

A pesquisa também buscou saber o que a população acha da preparação dos médicos cubanos e dos médicos brasileiros:

Brasileiros mais preparados, 56,7%
Igualmente preparados, 31,7%
Cubanos menos preparados, 6,8%
Não sabem ou não opinaram, 4,7%

Mercado fez novos ajustes baixistas em suas projeções de inflação para 2018

De acordo com o Relatório Focus, divulgado há pouco pelo Banco Central, o mercado reduziu suas projeções de IPCA deste e do próximo ano, mantendo a tendência observada nas semanas anteriores.

Inflação - Para 2018, a mediana das projeções passou de uma alta de 3,94% para outra de 3,89%, enquanto que para o próximo ano a mediana foi ajustada de 4,12% para 4,11%. 
Câmbio - A mediana das projeções da taxa de câmbio para o final de 2018 foram revisadas de R$/US$ 3,70 para R$/US$ 3,75 e para 2019 de R$/US$ 3,78 para R$/US$ 3,80. 
PIB - Em relação ao crescimento do PIB, a mediana das projeções passou de um alta de 1,39% para 1,32% neste ano, mas avançou de 2,50% para 2,53% no próximo. 
Juros - Por fim, as expectativas para a taxa Selic permaneceram inalteradas em 6,50% para 2018 e em 7,75% em 2019.

Opinião do editor - Poderes repeliram projetos de ajuste para valer propostos por Sartori

As atuais alíquotas majoradas do ICMS foram aprovadas para ajudar o governo a colocar em dia suas contas, mas isto não aconteceu. O setor público gaúcho continua sem disposição para cortar gastos em quantidade apreciável, sobretudo em função de forte oposição da Assembléia, do Judiciário, do MPE e do TCE, que repelem há quatro anos os projetos de ajuste fiscal propostos por Sartori.

A própria opinião pública somente agora, nas eleições, deixou claro que quer mudanças estruturais.

A carga tributária gaúcha, maior do que a de vizinhos como Santa Catarina, impõe canga invencível sobre a economia local, que perde competição e competitividade a olhos vistos, o que reduz emprego e renda, empobrecendo o Rio Grande.

ACI de Novo Hamburgo quer derrubada do ICMS mais alto no RS

Chegou a hora de diminuir e não de aumentar impostos.

A poderosa ACI de Novo Hamburgo acaba de tirar nota para protestar contra a manutenção das atuais alíquotas majoradas do ICMS no RS.

O projeto está na pauta de votações da Assembleia.

A ACI acompanha posição da Fiergs, que já se manifestou publicamente contra o ICMS mais alto.

Além da Fiergs, outra poderosa entidade representativa dos empresários gaúchos, a Fecomércio, também é contra a manutenção das atuais alíquotas, cujo vigor encerra dia 31. A terceira entidade mais representativa dos empresários locais, a Farsul, ainda não tomou posição.

CLIQUE AQUI para ler os argumentos da entidade de Novo Hamburgo.

Olavo de Carvalho diz que gostaria de ser embaixador do Brasil nos EUA

O filósofo Olavo de Carvalho dirá esta noite nas TV Brasil que aceitaria ser indicado para o cargo de embaixador do Brasil nos Estados Unidos.

Artigo, Alan Schlup Sant’Anna, Gazeta do Povo - Bolsonaro: liberalismo econômico e valores militares

Após décadas de equívocos, o Brasil abraça uma mentalidade de liberalismo econômico associada a tradicionais valores militares: uma combinação vitoriosa

O socialismo é uma ilusão: promete a Noruega e entrega a Venezuela. Trata-se de um dos maiores equívocos da história humana. Na prática, o socialismo é a negação da liberdade e a opressão do homem pelo Estado. Responsável pelo assassinato de mais de 100 milhões de pessoas ao longo de sua nefasta história, o socialismo fracassou em todas as nações em que foi implantado, levando à pobreza e à tirania. Mesmo reprovado pela história, o regime ainda tem adeptos, parte deles bem-intencionados, iludidos por utopias e mentiras.

Logo que implantado, o regime traz benefícios para as camadas mais pobres pela distribuição forçada de riquezas, seguida, invariavelmente, de desestruturação dos meios de produção e, consequentemente, pobreza..

CLIQUE AQUI para ler tudo.

Bolsonaro receberá MDB, PSDB, PR e PRB no decorrer da semana

Bolsonaro queria nomear apenas 15 ministros, mas acabou elevando o número para 22.

Depois que praticamente indicou 20 ministros sem dar atenção alguma aos Partidos (faltam apenas os ministros do Meio Ambiente e dos Direitos Humanos), Bolsonaro começa a reunir-se, esta semana, com bancadas no Congresso. Ele irá a Brasília nesta terça e voltará na quinta.

O PSL, seu Partido, está governo, mas não é governo.

Em primeiro lugar, serão recebidos pelo menos 100 parlamentares MDB, PSDB, PR e PRB.

Esta semana, Bolsonaro indicará titulares para Meio Ambiente e Direitos Humanos. O nome mais forrte para Meio Ambiente é o do ex-tucano Xico Grazziano. No caso dos Direitos Humanos, o próprio presidente disse que é bem cotada a pastora Damares Alves, assessora do senador Magno Malta, que esperava ser ministro.

PRF aplica 1.800 multas na freeway, apenas neste final de semana

Sem cobrança de pedágios e aparentemente sem vigilância, os motoristas que usaram a freeway Porto Alegre-Osório foram surpreendidos pelos radares da PRF neste final de semana.

A estrada está em bom estado, com manutenção em dia, mas além dos pedágios, sumiram também os socorros médicos e mecânicos.

A PRF informou que seus radares flagraram 1,8 mil carros com excesso de velocidade.

Um deles, foi abordado quando estava a 193 kms por hora, no sábado.

Todos foram multados.

Duelo de bandidos resulta em três mortos e um ferido na zona Norte de Porto Alegre

Depois de um tiroteio entre quadrilhas de Porto Alegre, três bandidos foram mortos na zona Norte, bairro Jardim Itú-Sabará. Todos estavam dentro do mesmo carro, um Renault. Houve também um ferido, um morador que estava dentro de casa e foi atingido por bala perdida. Peritos do Instituto-Geral de Perícias (IGP) recolheram na região cápsulas de fuzil 5.56, pistola 9 mm e de escopeta calibre 12.

Foi nesta madrugada e ninguém resultou preso.

A Brigada Militar informou que a troca de tiros ocorreu na esquina das ruas Carlos Salzano Vieira da Cunha e Pedro Aurélio Barth.

Segunda-feira será dia de temperatura de inverno no RS

Porto Alegre, 8h30min, 14 graus

Foi de temperatura muito baixa para essa época do ano o amanhecer no RS, com marcas 7°C a 10°C. Isto nem é normal para dezembro.  As mínimas típicas de meses de inverno são resultado de uma forte massa de ar seco e frio que cobre o Estado.

O  dia será ensolarado, segundo a MetSul.

A tarde será de temperatura agradável, mas esfriará rapidamente a partir do começo da noite, precedendo outra madrugada de frio atípico.

A temperatura subirá apenas na quarta-feira.

Deputado gaúcho Catarina Paladini decide sair do PSB

O deputado estadual gaúcho Catarina Paladini anunciou, ontem, que vai sair do PSB.

Ele não conseguiu se reeleger.

Catarina Paladini poderá ir para o PR, Partido presidido estadualmente pelo deputado federal Giovani Cherini.