Já saiu o Anuário Vinhos do Brasil

A Baco Multimídia, em parceria com o Ibravin (Instituto Brasileiro do Vinho), lança no mercado a edição 2013 do Anuário Vinhos do Brasil.

Mais sobre a publicação: www.bacomultimidia.com.br 

Fortunati de corpo inteiro

Apesar da enorme diferença que abriu sobre a comunista Manuela D’Ávila, o prereito José Fortunati resolveu não abrir a guarda.

. E espalhou por Porto Alegre nova leva de painéis com o corpo projetado para fora e para cima dos cartazes, aproveitando sua imagem de homem muito alto.

Comunistas querem Ana Amélia no comício de encerramento de Manuela

Depois de ter postado depoimento em vídeo e áudio de apoio no seu blog, a candidata comunista Manuela D’Ávila trabalha agora a senadora Ana Amélia, PP do RS, para que participe do comício de encerramento da sua campanha em Porto Alegre.

. Ana Amélia não se fará de rogada.

. O PP do RS reza todos os dias para que a campanha eleitoral termine de uma vez, porque não sabe mais como explicar sua ausência da campanha de Fortunati, o candidato que o Partido apóia. Na reunião de deputados das bancadas que apóiam o prefeito, quarta-feira, no Everest, o PP mandou apenas dois deputados. Os demais não foram porque não quiseram.

Happy Hour é na Bier Markt!
Na Barão do Santo Ângelo 497 e na Castro Alves, 452.
São 24 torneiras de chope artesanal de várias partes do mundo, com barris alojados em câmera fria, servidos diretamente nos copos, sem serpentina e cardápio diferenciado.

CLIQUE AQUI para conhecer o novo Bier Markt Vom Fass.

Mudanças no comando da Brigada Militar

O coronel Fábio Duarte Fernandes está cotado para assumir o Comando da Brigada Militar a partir do ano que vem.

Juiza eleitoral manda Bordignon passar notícia completa no seu “Plantão da Globo”

A juíza Mariana Silveira de Araújo, da 173ª Zona Eleitoral de Gravataí, criou um problemão para o candidato do PT, o deputado Daniel Bordignon, impugnado como incurso na Lei da Ficha Suja em primeiro e segundo graus, mas ainda com recurso no TSE. É que o candidato vinha usando um caminhão de som, chamado por aliados e adversários como “Plantão da Globo”, anunciando que sua candidatura estava mantida. Ocorre que o Ministério Público pediu e a juíza decidiu que Bordignon poderá continuar com o”Plantão Globo”, mas terá que transcrever os termos da impugnação decidida pelo TER, vetando sua candidatura”.

. Também nesta quinta, a juíza Araújo ordenou busca e apreensão nos comitês da candidata socialista Anabel Lorenzi.

- Número do Processo na Justiça Eleitoral: 12608 Nº único: 12608.2012.621.0173

Complexo eólico gaúcho de R$ 1 bi começará a ser construído nesta sexta em Santa Vitória do Palmar

Começarão nesta sexta-feira as obras da maior usina eólica da América Latina, o Complexo Geribatu, em Santa Vitória do Palmar, RS, que exigirá investimentos de R$ 1 bilhão por parte da Eletrosul e do Fundo Rio Bravo, e gerará 3 mil empregos durante as obras.

. O consórcio construtor iniciará os trabalhos de infraestrutura para a abertura das vias de acesso onde sairão os trabalhos de infraestrutura da área com a abertura das vias de acesso aos locais onde serão instalados o canteiro de obras e os aerogeradores, que somarão 258 megawatts (MW) de capacidade instalada.

- O Complexo Eólico Geribatu será um dos maiores da América Latina. Ao todo, serão instalados 129 aerogeradores, divididos em dez parques eólicos.

Saiba por que Dilma não demonstra vontade política para resolver o nó da mega-usina a gás de Uruguaiana

A reativação da usina térmica a gás da AES Sul em Uruguaiana (uma megausina de 500 MW) só depende de uma penada da presidente Dilma Rousseff, que conhece muito bem o problema e não decide porque não tem vontade. Simples assim.

. Esta semana, no Senado, o deputado Frederico Antunes, que é de Uruguaiana, ouviu a presidente da Petrobrás, Graça Foster, dizer que “poderá, sim, topar a parada”, ao admitir que a estatal examina há anos a proposta já aceita pelo governo argentino de levar gás até Paso de los Libres, onde existe um link para a usina brasileira, depois de um acerto seguinte:
- No inverno e na primavera, a produção da usina vai toda para a Argentina.
- No verão e no outono, a produção ficará toda no Brasil.


. O que falta?

. Nada, a não ser que a presidente Dilma Rousseff saia de cima e conceda seu nihil obstat às negociações em curso.

CLIQUE na foto acima para ver a charge de Sponholz. Ao contrário de Marta Suplicy, que tinha o que oferecer em troca, Uruguaiana nada tem, até porque o prefeito é do PSDB. 

Piso do magistério: Tarso não consegue escapar da própria armadilha

É rizível o esforço da base aliada e da mídia amiga para justificar a posição do governador Tarso Genro de ajuizar Adin no STF contra o pagamento do piso nacional do magistério.

. O próprio governador não colabora.

. Acontece que o decreto que instituiu o piso foi assinado pelo próprio Tarso Genro. A assinatura foi aposta do lado esquerdo da assinatura de Lula.

- Tarso Genro, não contente com o que fez no governo, foi ao Cpers durante a campanha eleitoral, não questionou nada e assumiu o compromisso solene de pagar o piso.  

2010 foi ano de estelionato eleitoral no RS

O que houve no pleito de 2010 no RS foi um estelionato eleitoral.

Assembleia introduz livro-ponto faz de conta

Acossada pela RBS e pelo dr. Da Camino, a Assembleia do RS instituiu um livro-ponto medieval que nada registra e nada demonstra.

Happy Hour é na Bier Markt!
Na Barão do Santo Ângelo 497 e na Castro Alves, 452.
São 24 torneiras de chope artesanal de várias partes do mundo, com barris alojados em câmera fria, servidos diretamente nos copos, sem serpentina e cardápio diferenciado.

CLIQUE AQUI para conhecer o novo Bier Markt Vom Fass.

Dilma e Lula reforçam campanha de Lindenmeyer em Rio Grande

Não é apenas a visita de Dilma Rousseff, segunda-feira, que anima o PT do município de Rio Grande, porque a qualquer momento o candidato do Partido, o deputado Alexandre Lindenmeyer, irá para o horário eleitoral ao lado do ex-presidente Lula.

. Lula, como se sabe, é um fortíssimo cabo eleitoral, situação que não se alterou com o atual julgamento do mensalão, do qual escapou ao não ser indiciado pelo Procurador Geral da República como o verdadeiro chefe da organização criminosa montada pelo PT e pelo seu próprio governo.

. Em Porto Alegre, Lula voltará a ser exibido ao lado de Villa na TV.

Aumentam 6,5% protestos de títulos este ano. Sudeste e Sul lideram o ranking.

O editor recebeu nesta quinta-feira os números da Boa Vista Serviços, que tem como um dos seus controladores a CDL de Porto Alegre, que revelam que no acumulado do ano ocorreu aumento de 6,5% na quantidade de títulos protestados.

. A situação foi muito pior para as empresas (65% do total)  com crescimento de 11,4%, já que para as pessoas físicas o número de protestos caiu 1,4%.

. Sudeste (46%) e Sul (25,6%) lideram os calotes.

Correio do Povo vem aí com nova pesquisa para Porto Alegre

O Instituto Methodus já está nas ruas para entrevistar mil eleitores e publicar no final de semana a pesquisa sobre intenções de votos em Porto Alegre.

. É encomenda do jornal Correio do Povo.

Fortunati começa a destronar Manuela entre eleitores mais jovens, mais pobres e menos instruídos. Perdas de Villa são arrasadoras.

A pesquisa completa do Ibope, publicada nesta quarta-feira pelo jornal Zero Hora, permite verificar que o prefeito José Fortunati avançou poderosamente em segmentos do eleitorado que sempre preferiram ficar do lado da comunista Manuela D’Ávila ou do petista Adão Villaverde. Entre parênteses, os números da pesquisa anterior.

Jovens de 25 a 34 anos – Fortunati, 39% (28%); Manuela, 32% (41%)
Ensino fundamental – Fortunati – 41% (37%); Manuela, 27% (33%).
Até 2 salários mínimos – Fortunati, 37% (33%) ; Manuela, 28% (34%)

. O editor analisa apenas estes segmentos, porque eram neles que o PCdoB e o PT livraram vantagens históricas sobre os demais candidatos.

- Manuela ainda leva vantagem nos eleitores que saíram da infância (16 a 24 anos), mas é visível sua perda de espaço nos demais segmentos: Fortunati: 35% (31%). Manuela, 45% (39%),Villaverde, 2% (10%). Os eleitores infanto-juvenis de Villa migraram em massa para Manuela e Fortunati. 

CLIQUE AQUI para examinar a totalidade da entrevista. O material é extenso, mas vale a pena examiná-lo.

Só Lei Estadual de Responsabilidade Fiscal evitará desordem financeira e fiscal no RS

Sem uma Lei Estadual de Responsabilidade Fiscal,  os governos gaúchos continuarão promovendo toda sorte de desordens fiscal, financeira e administrativa.

. Como faz o governo Tarso Genro.

Inauguração de unidade de butadieno atrairá fabricantes de pneus para o RS

Não se resume ao butadieno a enorme conquista obtida pelo RS nesta quinta-feira, resultado da inauguração da fábrica de R$ 300 milhões da Braskem no Pólo Petroquímico de Triunfo, porque o insumo abundante permitirá a instalação de empresas que produzem borracha sintética no Estado.

. A Pirelli, que já é cliente da nova unidade, poderá fabricar pneus no RS. O mesmo poderá acontecer com a Good Year, que chegou a se interessar por uma unidade em Glorinha.

- A fábrica de butadieno de Triunfo já opera em capacidade máxima e com produção toda pré-vendida. 

Depois dos semicondutores, HT Micron já pensa até em pen drives gaúchos

A HT Micron confirmou que em outubro iniciará a produção de pendrives e de placas de memória no Estado. Isto é desdobramento da fábrica de semicondutores instalada em São Leopoldo, RS. Os semicondutores entram na fabricação de componentes e produtos finais como pen drives e pentes de memória.

. A fabrica de São Leopoldo, segundo Ricardo Felizzola, o presidente, será a mais moderna do Brasil. Hoje, 40 pessoas trabalham na unidade, mas a previsão é de que 800 profissionais se incorporem à HT Micron até 2013.

Happy Hour é na Bier Markt!
Na Barão do Santo Ângelo 497 e na Castro Alves, 452.
São 24 torneiras de chope artesanal de várias partes do mundo, com barris alojados em câmera fria, servidos diretamente nos copos, sem serpentina e cardápio diferenciado.

CLIQUE AQUI para conhecer o novo Bier Markt Vom Fass.

Revista “Luxo Porto Alegre” será lançada dia 18 no Espaço Vitra

Será no dia 18, Espaço Vitra, Central Jardim Europa, Goldsztein,  defronte ao Iguatemi, Porto Alegre, o lançamento da revista “Luxo Porto Alegre”, da Editora Glamurama, de Joyce Pascovich.

. Também abrirá ali a vernissage do designer carioca Zanini de Zanine, intitulada “Da idéia ao produto”. A exposição ficará aberta até o dia 29.

Oi já leva ofertas do PNBL a 169 municípios do Rio Grande do Sul

A Oi lançou ontem, em mais 120 municípios, novas ofertas do Oi Velox nos moldes do Plano Nacional de Banda Larga (PNBL). No Rio Grande do Sul, além dos 160 municípios que já eram atendidos, mais nove foram contemplados.

. Até agosto, 1.892 municípios foram beneficiados e até o fim de 2014, todas as localidades-sede dos 4.800 municípios da área de atuação da Oi serão atendidas. O cronograma de implantação do PNBL na Oi está adiantado, com 39,4 % dos municípios atendidos apenas 11 meses após o lançamento do programa, no último trimestre de 2011.

. O Oi Velox nos moldes do PNBL oferece velocidade de um Mbps e custa R$ 35 reais por mês. Mais informações no site www.oi.com.br ou no telefone 0800 031 0001 – ligação gratuita.

Fotógrafo surpreende Marta Suplicy mostrando acusações contra seu próprio suplente “evangélico” e “homofóbico”

Na capa do jornal Correio Braziliense desta quinta-feira, brilha novamente um fotógrafo, que apanhou a mensagem da tela do iPad da senadora Marta Suplicy, que acaba de trocar o apoio ao ex-ministro Fernando Haddad pela vaga de ministra da Cultura.

. A mensagem é a segunda mensagem indecente que Marta Suplicy passa em menos de 48 horas, já que a primeira foi a negociata de transação política.

. As fotos mostram Marta Suplicy com a senadora Lídice da Mata, ambas do PT. A agora ministra exibe um e-mail que denuncia seu suplente, Antonio Carlos Rodrigues, do PR de SP, como “evangélico” e “homofóbico”, o que o impediria de assumir a relato4ria de projeto de lei que criminaliza a homofobia. O PLC 122, denominado Projeto Anti-Homofobia tramita no Congresso desde 2011. Marta tirou o projeto da gaveta e assumiu a relatoria, que irá para seu suplente, o senador Rodrigues.

CLIQUE AQUI para examinar as fotos e a reportagem do jornal de Brasília.

Arapongagem eleitoreira no RS: Juizes do Conselho Disciplinar da BM inocentam o Sargento Cesar Rodrigues

Os juízes do Conselho de Disciplina da Brigada Militar do RS, acabam de inocentar por unanimidade o sargento Cesar Rodrigues, acusado pelo promotor Amilcar Macedo, de Canoas, há dois anos, pela prática de espionagem política contra os adversários da governadora Yeda Crusius. As ações movidas pelo promotor no Foro de Canoas já tinham sido consideradas imprestáveis pelo juiz Fernando Henning.

. O sargento Cesar Rodrigues denunciará o promotor Amilcar Macedo na Corregedoria do MPE, sem contar as ações por dano moral que ajuizará no Foro de Canoas e de Porto Alegre.

. O caso serviu para engrossar as ações diabólicas do Eixo do Mal, que antes já tinham conseguido desencadear as CPIs dos Pedágios (2007), Detran (2008) e PT (2009), sem contar dois pedidos de impeachment e três operações de grande monta da Polícia Federal (Rodin, Solidária, Mercari), desestabilizando completamente o governo do PSDB do RS.

. As denúncias sobre arapongagem no Palácio Piratini surgiram como num passe de mágica no dia 3 de setembro de 2010, em plena campanha eleitoral, no momento em que Yeda retomava movimento de alta nas pesquisas, ameaçando levar a disputa para o segundo turno entre Tarso Genro e José Fogaça. Os estrategistas do PMDB torciam para que Yeda avançasse dos 18,1% (o tracking do Methodus para o dia 2 de setembro de 2010 foi de 16,3% para a governadora)  daquele dia para 24%, que somados aos 26% de Fogaça, seria suficiente para garantir nova rodada eleitoral.

.  A ação midiática do promotor de Canoas, que chegou a tentar invadir o Palácio Piratini para devassar a Casa Militar, ocorreu apenas dois dias depois da Operação Mercari, desfechada no dia 2 de setembro de 2010, 6h30m da manhã, por 76 delegados da  Polícia Federal no Banrisul.

. Amplificadas as denúncias do promotor Amilcar Macedo, que mandou prender o sargento Cesar Rodrigues e vasculhar sua casa, resultaram devastadoras as repercussões políicas no Estado. Foi uma surpresa saber que não apenas o sargento Rodrigues possuía a senha para acessar os dados do Sistema de Consultas Integradas, mas também outros 1.149 servidores pertencentes a 49 oprganizações diferentes. O promotor não quis investigar nenhuma das 49 organizações, sequer o jornal Zero Hora, que na sua edição do dia 9 de setembro admitiu em editorial que usava senhas e acessava o sargento Cesar Rodrigues pasra obter informações. Mais tarde, em 2011, a RBS editou novo Código de Ética e proibiu a repetição do mesmo tipo de procedimento, mas só fez isto depois que o caso ganhou contornos infernais no início de julho de 23011, com as denúncias sobre arapongagem feita pelo jornal News of the World.

. As ações movidas pelo promotor Amilcar Macedo foram consideradas imprestáveis pelo juiz Fernando Alberto Corrêa Henning, q7ue ao contrário do juiz anterior, Voltei Coelho, cortou o passo do representante do Ministério Público Estadual.

CLIQUE no grático do tracking diário de setembro de 2010, a poucos dias da eleição, que demonstra como foi "oportuna" a falsa denúncia sobre arapongagem no Piratini, que custou a injusta prisão do sargento Cesar Rodrigues.

Bancários do Rio, SP, Brasília, Curitiba e Porto Alegre farão greve geral na terça-feira

Os bancários aprovaram na noite desta quarta-feira a proposta de greve geral por tempo indeterminado a partir da próxima terça-feira, dia 18. A decisão de paralisação nacional foi aprovada em assembleias pela maioria dos 130 sindicatos da categoria em todo o país, entre eles Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Curitiba e Porto Alegre.

Quanto mais Lewandowsky intriga e demora, mais sangram o PT e Lula

- Muitos jornalistas, advogados e políticos ligados à oposição, reclamam da demora do julgamento do Mensalão. Há demora, sim, como nunca aconteceu antes neste País, mas também nunca um julgamento colocou nos bancos dos réus tantos potentados da república - e com viés de condenações em massa. O editor não considera que a demora no julgamento é proposital e visa beneficiar os réus. É até possível que o ministro Ricardo Lewandowsky obtenha êxito nas suas já manjadas tentativas de beneficiar os réus petistas, sobretudo Zé Dirceu, procrastinando o quanto pode o julgamento, criando intrigas com o relator, sabotando o trabalho da Corte, mas a cada dia que passa, mais sangram o PT e Lula, o que é um benefício político sem precedentes, já que eles são expostos à execração pública todos os dias, algo fatal em período de campanha eleitoral, como demonstram as pesquisas. A seguir, leia uma análise dos novos incidentes produzidos ontem no STF pelo melífluo ministro Lewandowsky, o amigo in pectore de Lula e do PT.

* Clipping O Globo

O revisor heterodoxo
Graças à reação imediata do relator Joaquim Barbosa, não prosperou ontem a insinuação do revisor Ricardo Lewandowski de que o julgamento do mensalão estaria se desenrolando de uma maneira “pouco ortodoxa”.
Como se sabe, essa é a nova versão que os petistas ligados ao ex-ministro José Dirceu estão espalhando, já para justificar uma condenação que ele próprio parece estar aguardando, segundo reportagem da “Folha de S.Paulo”.

Ironicamente, foi o próprio Lewandowski que introduziu no julgamento prova hetedoroxa para justificar sua decisão de absolver a ré Geiza Dias dos Santos: uma entrevista recente do delegado Luís Flávio Zampronha, que presidiu o inquérito policial que resultou na Ação Penal 470.

Joaquim Barbosa irritou-se, chamando de “bizarra” a situação, afirmando que o delegado deveria ter sido “suspenso”. E o ministro Gilmar Mendes disse que existiam provas suficientes nos autos para formar convencimento “sem que seja preciso avocar ‘provas’ em entrevistas à imprensa”. Ambos classificaram de “heterodoxa” a posição do revisor.

Foi então que Lewandowski comentou que “este não é o julgamento mais ortodoxo já realizado nesta Corte”. O novo bate-boca teve origem, portanto, em uma provocação de Lewandowski, que, não recebendo apoio de qualquer dos membros do plenário, tratou de recuar e voltou aos seus longos votos, que ele insiste que está reduzindo.