Justiça Eleitoral quebra sigilo bancário da vice-prefeita Beth Colombo, Canoas, RS

Prefeito e vice foram para a linha de tiro do juiz eleitoral. CLIQUE AQUI para ler o despacho do juiz.

O  juiz eleitoral Geraldo Anastácio Brandeburski Júnior quebrou ontem o sigilo bancário da candidata à prefeitura de Canoas, a vice-prefeita Beth Colombo, de seu ex-tesoureiro, Guilherme Ortiz, e mais sete empresas. Como se sabe, a Polícia Federal apreendeu R$ 500 mil em dinheiro e cheques ilícitos no comitê de campanha e na casa do tesoureiro. O dono de um dos cheques, no valor de R$ 50 mil, encontrado no comitê, Eltamar Salvadori, também é um dos que terá suas contas revisadas.

Em sua decisão, Brandeburski denuncia um esquema de corrupção que é maior do que o affaire eleitoral atual, de maior magnitude. 

3 comentários:

Anônimo disse...

a casa caiu
pegaram, o salvadori, grande mamador desde a época do ronchetti

Anônimo disse...

POR QUE QUE ESTA DONA TA CONCORRENDO AINDA- FORA COM ESTA SAFADA E COM O PT SEU CUMPLICE ALIADO

Anônimo disse...

Aí tá como PT gosta.Dinheiro mal havido e/ou suspeito.