Dilma deu o discurso para Tarso confirmar sua candidatura ao Piratini.

O grande problema para a governabilidade futura do RS são os desajustes macroeconômicos.  Esse acordo acertado na CCJ, mas ainda não aprovado, é um faca de dois gumes. Reduz pela metade o saldo devedor no final do contrato, em 2028, mas não reduz nada na prestação até lá. A “vantagem” é abrir espaço para novas dívidas. Mas isso tem custo, porque empréstimos se pagam, é mais serviço da dívida. Mas  não é essa  a grande  queixa dos governos do PT, que só conjugam o verbo gastar e jamais o verbo economizar, como se a contabilidade pública não contivesse os dois tipos de conta. 

O governador Tarso Genro vai anunciar neste sábado que será candidato à reeleição. Ele se sente livre, leve e solto, depois que a CCJ do Senado aprovou a mudança do indexador da dívida com a União, apresentando a votação como a solução final, quando na verdade tudo não passou de um acordo para que governadores como Tarso tenham discurso nos seus Estados, já que falta a decisão final do plenário e esta só sairá depois das eleições.

. Mas funciona como discurso.

. Menos mal que a mídia impressa do RS não comprou a versão mentirosa e deixa claro o que de fato aconteceu em Brasília, apesar dos discursos grandiloquentes de Tarso Genro, que agora tem uma boa desculpa para violar outra promessa de campanha, a de que não seria candidato sem a mudança do indexador.

. Isto – mudar de palavra – nem é problema tão grave para quem assinou a lei do piso nacional do magistério e depois negou-se a cumpri-la.

CLIQUE na imagem a seguir para examinar o comentário do editor, intitulado Dilma deu o discurso para Tarso confirmar sua candidatura ao Piratini.

6 comentários:

FAÇANHA"Integralista" disse...

Igual ao Simon, que anunciou "urbi et orbi" que não CONCORRERIA ao Senado, e VOLTOU ATRÁS.
Sem bigode, o Tarso está cada vez mais a cara do Simon e vice versa...

Luiz Vargas disse...

Conhecendo o povo botocudo, que gosta de ser emprenhado pelas orelhas com promessas vazias, o peremPTório embu$teiro prevaricador aparecerá na campanha como o salvador que conseguiu realizar o "milagre" da renegociação da dívida do Estado.
Não é de graça que elle é um sagaz embu$teiro e um peremPTório estelionatário: vende miragens como se fossem a mais absoluta realidade.

Alberto Magno disse...

É, hoje em ZH, nosso Secretário da Fazenda, diz que a divida estadual, será votada até o fim do ano. Vou comprar um banco de cinco pés, pois esse dia nunca chegará, e os gaúchos panacas ainda vão votar Metatarso, bem como Chapinha e suas ovelhas, que passaram 4 anos sem aumento.

Anônimo disse...

Esse cara não se elege mais nem pra síndico de prédio.

Anônimo disse...

RESUMINDO:
TARSO = FARSA
TARSO = ATRASO

Cosip disse...

ESTÃO DANDO A NOTÍCIA COMO DEFINITIVA, QUANDO NA REALIDADE NADA FOI MODIFICADO!!! NÃO TEM COMO CONFIAR, ACHO MUITA INGENUIDADE. SE É ALGO REALMENTE SÉRIO QUAL O MOTIVO PARA NÃO VOTAR ANTES DAS ELEIÇÕES?