Diaz aguardou Yeda até a última hora, mas ela decidiu ficar para fazer a luta interna

Até o último momento, o ex-deputado Claudio Diaz aguardou pela companhia da ex-governadora Yeda Crusius para sair do PSDB.

. Yeda teria saído mesmo do ninho tucano, caso Marchezan Júnior tivesse sido reeleito presidente estadual.

. Ela decidiu ficar e fazer a luta interna.

2 comentários:

Anônimo disse...

Só ratos ou covardes abandonam o barco!

Anônimo disse...

QUEM EXPLICA ?????????

Políticos fazer acordos eleitoreiros de dar volta no estômago do eleitor. Mas na hora de conviver com companheiros de partido o ódio corre solto. Vivem criando partidos para resolverem seus problemas de relacionamento.

O ELEITOR QUE AGUENTE!!!!!!!!