Scalzilli Althaus desconstrói vínculo empregatício exigido por estagiário de TTI

O Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região negou ação de estagiário de TTI (técnico em transações imobiliárias), exigindo vínculo empregatício na sua imobiliária.

A 8ª Turma do TRT entendeu que o autor possuía uma margem de subordinação. No entanto, essa supervisão era necessária, atendendo plenamente as regras da Resolução do Conselho Federal de Corretores de Imóveis.

A defesa da empresa foi feita por Marjorie Ferri, advogada trabalhista do escritório Scalzilli Althaus.   

5 comentários:

Anônimo disse...

PRECISO DO TELEFONE DESTA ADVOGADA.

Anônimo disse...

PRECISO DO TELEFONE DESTA ADVOGADA.

Anônimo disse...

PRECISO DO TELEFONE DESTA ADVOGADA.

Anônimo disse...

PRECISO DO TELEFONE DESTA ADVOGADA.

Scalzilli Althaus disse...

33821500