LDO do RS que congela gastos com pessoal dos Poderes é aprovada na CCJ e vai semana que vem para o plenário

Depois da fácil aprovação de ontem na Comissão de Constituição e Justiça (9 x 2), a proposta de Lei de Diretrizes Orçamentárias, LDO, irá na semana que vem a votação.

Imaginava-se mais problemas na CCJ, porque o Tribunal de Justiça do Estado ergueu-se contra o projeto do governo, que assegura verdadeiro congelamento nos gastos com pessoal, que só poderão subir 3% no ano que vem. O próprio presidente do TJE, Luiz Difini, tentou aprovar emenda modificativa, mas não foi atendido.

Apesar da aprovação de ontem, o TJE insistirá com PEC para mudar os números.

3 comentários:

Anônimo disse...

Congelamento para judiciário já
Extinção da FDRH
privatização da CEEE
vamo gringão, honra as calças bonitão.

Anônimo disse...

aumento de imposto já para fazer caixa para aumentar o judiciário.
quem vai pagar este aumento não é o governo, é o contribuinte comuna gaúcho.

Anônimo disse...

O Judiciário deveria exigir que esse governo podre devolva cada centavo que sacou dos depósitos judiciais.