Dica do editor - O RS é o segundo Estado com maior epidemia de sífilis. Saiba mais sobre o assunto.

Considerada uma epidemia hoje, no Brasil, a sífilis é uma das infecções sexualmente (IST) mais comuns e é um problema que vem crescendo no mundo e no Brasil. O Rio Grande do Sul está em segundo lugar no ranking nacional e a tendência é de crescimento. Em 2017, a taxa no Estado era de 113,8 por 100 mil habitantes, muito acima da nacional, que está em 58 por 100 mil habitantes. A situação é tão preocupante que virou tema central da XVIII Semana Estadual de Saúde Bucal e foi debatida no Seminário “Manifestações bucais das infecções sexualmente transmissíveis – sífilis e Aids”, que ocorreu  no Centro Administrativo Fernando Ferrari (CAFF), em Porto Alegre.

CLIQUE AQUI para saber mais sobre este assunto.

6 comentários:

Anônimo disse...

Também dizem que o RS também ponteia ranking de casos de AIDS...

Mas na verdade pode ser que só tenha melhor controle/documentação dos casos, comparado com outros estados.

Anônimo disse...

Mas também, com a quantidade de esquerdopatas que ainda temos aqui no RS, qualquer hora até o Ebola vai virar epidemia.

Anônimo disse...

Não, essa mentira é empurrada toda vez que se fala algum resultado ruim pro RS. Sempre o gaúcho imbecil e atrasado achando que é melhor que os outros. Por isso estamos indo pra trás no ranking de tudo.

Ultra 8 disse...

Gaúcho é mui macho, e é o estado da AIDS.

O gaúcho, gosta de chorar na boneca.

Anônimo disse...

Não, o brazil é que afunda e leva o RS à força pro fundo, junto... Mas mesmo assim é bem menos ruim que o resto do país.

Anônimo disse...

Ah, toda vez que se fala em algum resultado ruim pro RS se diz que é por causa de melhor controle/documentação dos casos?

Garanto que nem gaúcho tu é, vagabundo.