Veja o vídeo que mostra Beto dando um soco no segurança do Carrefour, antes de ser imobilizado e morto

Novos vídeos sobre o espancamento e morte de João Alfredo, o Beto, no Carrefour, Porto Alegre, mostram que ele foi escoltado para fora do supermercado por dois seguranças e uma funcionária. Ao ultrapassarem o estacionamento, Beto desferiu inesperadamente um soco num dos seguranças, o que ocasionou a reação violenta e tudo o que já se sabe. Um dos vídeos mostra, momentos antes da imobilização, quando um dos seguranças diz para Beto: "A gente avisou da outra vez". A funcionária que aparece na foto, disse para a Polícia que Beto discutiu e ofendeu uma caixa do supermercado e por isto ele foi conduzido para fora do Carrefour. O vídeo é do circuito interno do supermercado. Veja a cena do soco:

77 comentários:

anônimo disse...

Não importa! Nada justifica o excesso de violência dos vigilantes! Se vc trabalha como vigilante, mesmo sendo agredido, deve saber reagir corretamente!
A barbaridade da cena com os socos desferidos contra o meliante, não condizem com a civilidade! O Carrefour deveria ser expulso do Brasil e enfiado no C.... Do Macro..n!

Anônimo disse...

O cara era folgado!
Mas a reação foi desproporcional!
Uns tapas na orelha e um chute bem aplicado nas partes baixas teriam bastado!
E o vivente estaria por aí, pensando melhor antes de provocar os outros.

Anônimo disse...

Um detalhe que passou desapercebido por todos nos. Os seguranças simplesmente não foram para cima do cara para imobilizar sem nenhum motivo. Primeiramente houve a agressão da vítima.

Anônimo disse...

A imprensa novamente fez um desserviço a população omotindo informação

Anônimo disse...

Não importa um caralho. Se alguém me agride eu parto para cima. Esse é protocolo.

Anônimo disse...

Eu me despeço aqui, vou fazer outra coisa. A continuar vendo o desenrolar de tudo, como foi, as provas, vou acabar sentindo pena dos seguranças que se estragaram a vida por causa desse fulano aí.

CONSERVADOR HARD disse...

DEVEMOS TER MUITO CUIDADO AO INFLAMAR ESSE TIPO DE COISA... POIS O HIPERMERCADO GERA MUITOS EMPREGOS... E MUITAS FAMILIAS SAO SUSTENTADAS POR TRABALHADORES QUE LÁ ATUAM... ESSE EGOÍSMO E ESSA DISCREPÂNCIA DE COMENTÁRIOS DE ÓDIO DE ALGUNS ESPELHA CLARAMENTE UMA FALTA TOTAL DE EMPATIA COM O SER HUMANO... EM MOMENTO ALGUM ESTOU DEFENDENDO O QUE ACONTECEU... APENAS SUGERINDO QUE OLHEMOS POR OUTRA ÓTICA ESTA OCORRÊNCIA... E VALE SALIENTAR... POR CAUSA DA MIDIA SENSACIONALISTA... ESTE CAMARADA IRA VIRAR O NOVO GEORGE FLOYD... OU A NOVA MARIELE VIVE... ESCREVAM O QUE ESTOU DIZENDO.

Anônimo disse...

Nada justifica a morte, mas está circulando a ficha corrida do cidadão, a ser verdade mais de 30 passagens pela polícia por diversos delitos. Não precisam te-lo espancado bárbaramente.

Anônimo disse...

Com esta lógica canhestra deveriamos mandar para fora do Braxil todas as comunidades/favelas, ONDE 98% DA POPULAÇAO É HONESTA, pois la se encontram assassinos de NEGROS PARDOS E BRANCOS.

Nao gosto e nao frequento o Carrefour, mas fazer com que milhares de pessoas honestas percam seus empregos é coisa de PETRALHA QUE PRECISA DE GADO PRA CHAMAR DE SEU.

BRAXIL pais de TROXAS.

Manú Verdevaldo Hackers disse...

O cara era super gente fina, um doce de pessoa.

Anônimo disse...

Então a mulher dele mentiu...disse que os seguranças passaram correndo por ela, em direção ao marido. Vi coisa diferente? Os dois seguranças, a não ser que eu esteja maluco, estão calmos, caminhando afastados dele. Essa é outra que vai virar enredo de escola de samba e se candidatar nas próximas eleições.

Anônimo disse...

Creio que mais atesta a total falta de capacidade dos vigilantes.

Seguranças e vigilantes são para conter excessos não para matar pessoas

Unknown disse...

Ficha corrida do falecido mostra que de santo não tinha nada e a lei do ciclo imutável e eterna o alcançou. É isso.

Unknown disse...

Ficha corrida do falecido mostra que de santo não tinha nada e a lei do ciclo imutável e eterna o alcançou. É isso.

Anônimo disse...

Pelo celular é barbada....

Anônimo disse...

Leio no antagonista que o falecido e o pai já foram condenados por injúria racial por terem xingado a ex mulher do falecido de “nega macaca”, ou seja, dois pretos xingando uma preta. A queixa foi retirada pele ex- mulher. Mas ele foi condenado por tê-la enchido de porrada. Depois a grande mídia vem encher o saco dizendo que mulheres pretas tê 64% mais chance de morrerem do que as brancas? Segundo a matéria, um preto segurou a preta enquanto outro preto batia na preta. E agora? A propósito, a área de comentários foi fechada.

Anônimo disse...

Nada justifica a barbarie que cometeram, porém, ficam as perguntas:

1. Porque o soco na saída do supermercado numa situação aparentemente controlada?

2. Porque a pessoa que está filmando não fez nada?

Espero que a investigação policial esclareça varios pontos no mínimo estranhos.

Renato disse...

Polibio nada acontece de graça,realmente o falecido entrou no supermercado aprontou foi conduzido para fora do estabelecimento e agrediu o segurança. Não justifica o que aconteceu mas explica que não se tratou de um caso de racismo,foi uma reação violenta e desproporcional da segurança. Como já escrevi a esquerdalha precisa de um cadaver para se promover e conseguiram,aão como urubus.

Anônimo disse...

A mentira do "anjinho" começa a desmoronar. Felizmente, existem câmeras. Mas a narrativa eleitoral porca vai continuar. Infelizmente.

Anônimo disse...

Perfeito!!! Parabéns pelo comentário.

Anônimo disse...

As pessoas não pensam nos milhares de funcionários que trabalham no Carrefour e não têm culpa se dois seguranças terceirizados se excederam e mataram um indivíduo. Tanto os seguranças quanto o Carrefour devem ser responsabilizados, mas este não deve ser fechado!!

Anônimo disse...

Povo brasileiro é ofendido todo dia com preços abusivos, ofendido por políticos corruptos, ofendido por promessas que jamais serão cumpridas...

Anônimo disse...

Esse vagabundo desse João Alberto e seu pai foram CONDENADOS por agredir a socos e pauladas a ex-mulher, Marilene. A pobre Marilene deve estar feliz e aliviada pela morte desse VIOLENTO, pois corria o sério risco de ser assassinada pelo dito cujo. Agora que o cara foi pro inferno, não vai espancar nem matar mais mulher nenhuma. Im espancador de mulher a menos no mundo.

Anônimo disse...

Cada brasileiro terá que pagar os custos restabelecimento energia Amapá

Pune-se todo um povo pela incompetência do próprio governo

Anônimo disse...


Vão pirar o cabeção quando der resultado da “causa mortis” ...

Anônimo disse...

Pelo andar da carruagem deve ter vindo ordem de 'cima' para não classificar crime como racista e vasculhar toda a vida do morto para achar algo em desabono.

Anônimo disse...

Note que o vídeo que circula nas redes sociais e que é exibido pelos Antagonistas não mostra esse trecho, em que o homem esmurra um dos vigilantes.

Murilo disse...

Aplausos para o Anônimo 21 de novembro de 2020 15:14. De pleno acordo contigo

Anônimo disse...

E a exploração política também nada justifica por parte da esquerdalha nojenta

Anônimo disse...

E o que isto tem a ver o velho nojento.

Anônimo disse...

nao importa?

Dino disse...

Pelo jeito nem vc, ou parente, dá duro no Carrefour e ficaria sem emprego devido a um crime que sequer sabia. "Manda embora todo mundo" é típico de quem vive de dinheiro dos outros (impostos).
Essa é a Lulafilosofia que concedeu prêmios acadêmicos a um determinado senhor...

Anônimo disse...

Ah sim. Então pode ser espancado e assassinado pelos seguranças!! É isso?

Jorge disse...

Sim foi um ato violento. Pelo que já foi dito ests pessoa tinha um passado desequilubrado. Se me sgredirem vou me defender, em primeiro lugar minha vida.

RICARDO AMMIRABILE VIANNA disse...

Pelas ultimas postagens do editor ele está conduzindo o assunto para incriminar a vitíma que acabou sendo morta por dois vigiliantes, sendo que ambos estavam em situação irregular, um PM temporário que não poderia exercer esta função, e outro que não estava com sua carteira válida, o editor esta mudando , o eixo das suas postagens depois que o seu lider supremo Messias Bolsonaro ter dito que não existe racismo no Brasil , que todos somos verdes e amarelos, né editor ? Mas temos os vendes escuros e os amarelos claros. O senho esta me decepcionando a cada dia.

Anônimo disse...

Nada melhor que imagens gravadas para desmascarar mentiras.

Anônimo disse...

Pena de morte e prisao perpetua. 85% da população é favorável a causa.

Eduardo disse...

Também recebi este vídeo hoje, acho estranho a demora na divulgação por parte da Polícia Civil. Para especialistas em 1-2 horas com certeza já teriam visto todas gravações internas. Começo a pensar em uma investigação da Polícia Federal, ou pelo menos um apoio a nossa polícia judiciária. A situação apresentada com certeza já diminuiria a simpatia que muitos tiveram pela vítima e poderia evitar os distúrbios de ontem.

marsil.poa disse...

Tu falas sem noção da realidade. Já pensantes quantas pessoas ficariam desempregadas? E não foi o Carrefour quem matou, foram 2 seguranças. O rigor da Lei deve ser aplicado. Mas certamente a empresa não tem culpa. Ninguém contrata empregados para matar. Isto é ridículo! Nem costumo ir no Carrefour, mas não se pode defender o erro porque isto também é errado.

C. Alberto disse...

Esses anônimos deveriam lembrar que Empresas como o Carrefour são empregadoras que criam empregos e permitem o sustento de inúmeras famílias de brasileiros. Mesmo sendo contra a violência, o o histórico da vítima revelado pelo editor e o vídeo mostram que a versão da Imprensa é parcial. Penso que as famílias dos funcionários do Carrefour não merecem ser prejudicadas pelo ocorrido. Tirar empresas do país não resolverá problemas como a violência e a desigualdade social. Também não iria reparar o mal já consumado, mas somente aumentar as perdas.

Anônimo disse...

Esse marginal imundo teve o que merece, o cara é um bandido sem vergonha com ficha enorme na polícia, agrediu o segurança que estava apenas acompanhando até a saída. Um lixo a menos no mundo.

Anônimo disse...

Querem apostar quanto que o comentarista das 15:14 vota na Maconhela?

Rafael disse...

Importa sim! Pois a militância para de mentir ao afirmar que houve racismo, quando não houve. É importante que seja esclarecido,pois esses vagabundos que colocaram fogo no supermercado, sejam responsabilizados

Anônimo disse...

Um marginal a menos no mundo!

Anônimo disse...

Pediu levou. Não justifica a morte. Mas agora posar de herói? Pra mim não. Não é este santinho. E o Carrefour não tem culpa de nada. Ele contrata a empresa. Nas empresas têm estes retardados violentos. Quebra quebra nas lojas é pior do que o ocorrido em si. Perderam a razão. Tudo esquerdalha vagabundagem

Anônimo disse...

Está justificada a tentativa de prisão em flagrante, mas o excesso culposo ou doloso da morte não está.

Anônimo disse...

Está justificada a tentativa de prisão em flagrante, mas o excesso culposo ou doloso da morte não está.
O fato de serem dois seguranças e terem desferido socos decorre do tamanho e agressividade de João Alberto.
Após a imobilização, aí sim pode-se caracterizar o excesso punivel

Anônimo disse...

Não adianta, por mais que se diga a verdade, os esquerdopatas seguirão defendendo o cara por mais errado que ele estivesse.

Anônimo disse...

TÔ COM PENA DOS DOIS OTÁRIOS QUE VÃO DESGRAÇAR SUAS VIDAS E DE SUAS FAMÍLIAS DEVIDO UM BANDIDO QUE ESTAVA SOLTO!

É ISDO.
A ESQUERDA DELIRA.
O CARREFOUR NÃO TEM CULPA
A EMPRESA DE SEGURANÇA VAI SE INCOMODAR.

Anônimo disse...

Verdade. Presos, família abandonada, ja condenados pela mídia e petralhas.

Anônimo disse...

Pois é, amigo...dizem que foi sufocamento, então não apanhou a ponto de ter destruídos os órgãos internos. Mas sufocamento como? Há marcas de estrangulamento? Aparentemente não! Se sentaram em cima foi para conter, ele era muito grande. Ou enfartou..”corajoso” como era, precisando do pai para segurar uma mulher enquanto ele batia, pode muito bem ter morrido de medo, e o ataque cardíaco compromete os pulmões.

Anônimo disse...

Exato, o marginal com extensa ficha criminal, que você chama de vítima, que atacou primeiro os seguranças.

Anônimo disse...

Discurso de Bolsonaro sobre racismo no Brasil gera choque e indignação entre participantes do G20:

"Como é que, em pleno século 21, ainda escutamos tais discursos", questionou uma diplomata europeia que participou da cúpula do G20

21 de novembro de 2020

247 - Constrangimento, choque e indignação eram os sentimentos entre algumas delegações estrangeiras da ONU, após o discurso de Jair Bolsonaro na abertura da cúpula do G20, neste sábado (21), em que reclamou dos protestos contra o racismo no Brasil.

De acordo com reportagem de Jamil Chade, do UOL, uma parcela das delegações não entendeu imediatamente do que se tratava. Mas para quem acompanhava a situação do país, como uma negociadora de alto escalão de um país europeu a fala de Bolsonaro deixou ela e outros membros da delegação "em choque" ao ouvir a "tese de conspiração" sobre o racismo no Brasil. "Como é que, em pleno século 21, ainda escutamos tais discursos", questionou a diplomata, na condição de anonimato.

"Fontes ainda confirmaram que diplomatas estrangeiros trocaram mensagens comentando a atitude do brasileiro, enquanto outros, sem saber o motivo da declaração, buscavam entender do que Bolsonaro falava", contou Chade, destacando que uma delegação de uma das agências da ONU, a reação foi de indignação, chamando a atenção pelo fato de Bolsonaro não ter feito nenhuma referência sobre a vítima e nem sobre a necessidade de uma resposta que leve em consideração a Justiça.

Anônimo disse...

Ninguém quer ser agredido, mas quem bate, também apanha.

Anônimo disse...

Nao importa se ele bateu em alguem antes, ele ja estava rendido pelos seguranças quando foi morto.

Anônimo disse...

Muito estranho ele ser convidado a ser retirado do Carrefour e a mulher continuar no caixa dando lucro pro Carrefour, pois ela passou as compras, pagou e estava lá embaixo depois com o carrinho. Se tivesse acontecido alguma coisa por que os dois não foram convidados a se retirar? Por que ela continuou passando e pagando a conta, sem perceber o que estava acontecendo? É sinal que não estava acontecendo nada. E o que o segurança falou pra vítima, virando seu rosto duas vezes pra ele, que deixou a vítima furiosa, sendo que estava saindo de boa?

Anônimo disse...

seja o que fosse, nada justifica ser morto. que chamassem polícia etc. mas eh Brasil e o culpado eh sempre a vitima

Anônimo disse...

Sempre que divulgam algum caso de violência policial ou de seguranças, aparece um monte de policial e segurança comentando e dizendo que a vítima errou, que reconhecem que usaram força desproporcional, e blá blá blá. Como se eles pudessem bater nas pessoas, desde que batam leve e tal. Isso é corporativismo. São um bando de covardes.

Anônimo disse...

O PM recebeu o soco? Fosse homem, enfrentaria sozinho o cliente? Mas como é prática na corporação, um segura e outro(s) bate e.....

Anônimo disse...

Sö pra ficar claro: João Alberto é uma VÍTIMA da desigualdade social e racial do Brasil. Foi ele dessa vez, quem será o próximo?

Anônimo disse...

Eu não entendo o motivo pelo qual se faz inúmeros questionamentos a respeito da conduta da vítima? É para saber se os seguranças tinham razão ou não de tê-lo espancado a até a morte? Gente, acorda, em primeiro lugar tá claro que o rapaz não matou ninguém, o que seria o crime mais grave que poderia ter cometido. Em segundo lugar, ainda que que tivesse cometido algum crime grave, NÃO HÁ PREVISÃO DE PENA DE MORTE OU EXECUÇÃO SUMÁRIA NA LEI BRASILEIRA! Para perceber a presença do racismo estrutural comparem a reação e a abordagem dos policiais frente ao homem branco do condomínio Alphaville, acusado do crime de agredir uma mulher e que inclusive chamou o policial de "merda". Vejam a cautela dos policiais no episódio. Façam a comparação e me respondam: porque é que em grande parte das abordagens a pretos, por motivos até simples, acaba em morte, comparado às abordagens a homens brancos? Fica a reflexão e a certeza: Existe racismo no Brasil sim!

Anônimo disse...

O cotidiano da população, negra, parda, pobre de qualquer etnia. Qualquer coisa, sinal é mal interpretado e lá vem os benditos seguranças e polícia prá cima da gente. Constrangendo, humilhando, matando. Essas equipes são treinadas para reagirem assim e protegerem a suposta classe média branca que frequenta e/ou mora nesses lugares.

Unknown disse...

Isso mostra a realidade do Brasil e porque nossa previdência está quebrada. O cara estava aposentado aos 40 anos porque quebrou uns dedos. Sobra tempo pra fazer pudim e ficar zoando as pessoas. A ficha diz tudo. Reputação não é algo que se compra. E essa imprensa sensacionalista aproveita a situação pra tentar criar um “mártir”. Aqui não é EUA.

Anônimo disse...

O Brasil depois que elegeu o minto virou o país do negacionismo . Não existe Covid , não existe corrupção , não existe racismo , não existe pobreza , enfim virou o país das maravilhas , de fazer inveja à Nova Zelândia , Alemanha e por ai vai . Este acontecimento em Porto Alegre , me dá muita tristeza , sensação de impotência , vazio de ver a que ponto chegou este país e até quando tudo isso continuará a acontecer ?

Unknown disse...

Quando um tipo desse morre, passa a ser vítima

Unknown disse...

Ninguém gostaria de tomar um soco na cara. A defesa do segurança e seu revide são legítimos. O excesso não!
O cara que morreu começou a agressão. Não sei se com ou sem razão. Entretanto, foi desproporcional a ação dos seguranças sim. O cara que morreu já teve seus problemas com a justiça e, com ela deveria se entender. Os caras que mataram terão problemas com a justiça e com ela deverão se entender.

Anônimo disse...

Esse é o tipo de informação que ninguém vai ver na rede esgoto de ilusão. A globolixo vai fingir que isso não existe e que o tremendo marginal era uma pessoa maravilhosa e cheia de virtudes.
Os seguranças foram agredidos e revidaram descontroladamente, é fato, mas não foi porque ele era negro ou pobre, mas sim porque ELE AGREDIU ANTES!

Anônimo disse...

UM VAGABUNDO A MENOS, A FICHA DELE COMPROVA, DEVIA TER IDO ANTES.

Unknown disse...

O cara não era boa coisa, mesmo um branco sendo escoltado pq pisou na bola deveria ir quieto p casa...iniciou a agressão, e provavelmente um dos socos, por acidente, atingiu a glote e o cara veio a óbito...por culpa dele e acidentalmente pelos seguranças mau preparados e treinados...deveriam em dois tê-lo imobilizado mais eficientemente.

Luis Freitas disse...

Eu acho que ele não era para agredir a operadora da caixa com tapa na cara dela e na cara do segurança ele teria que respeitar o trabalho dos outros, não cai uma folha seca da árvore sem a permissão de Deus, independente de cor negra e branca se errar tem que ser corrigido se eu estou lá na hora ver a caixa levando tapa na cara eu iria partir pra cima dele e ia enfiar o cacete

Luis Freitas disse...

Ele realmente folgado merecia sim umas porrada bem dada na cara da mesma forma que ele fez com a pobre coitada da operadora de caixa, ele estava pensando o que? Que a operadora do caixa era alguma vagabunda que ele estava acostumado bater na cara, imagina quantas mulheres que ele já bateu, a justiça de Deus tarda mais não falha

Luis Freitas disse...

Pura verdade além de tudo errado na vida ainda que cantar de galo esculachar a caixa e dar um soco no segurança e ainda vocês que que os segurança fazia carinho so Deus sabe o que ele já fez no passado a justiça de Deus tarda mais não falha

Anônimo disse...

É só não dar soco em segurança né? O anjo teve o cuidado de pisar fora do prédio e dar o soco. Assumiu o risco.... Covid1984? Cale a boca, ponha a máscara, fique em casa e morra de fome....Te muda pra Argentina, faz um favor a Porto Alegre.

Anônimo disse...

O que ele fez no caixa? Tá liberado dar soco então?

Anônimo disse...

Adoram um Mártir...

Anônimo disse...

Ninguém vai entrevistar a EX Mulher? Que apanhou do Beto e do Pai. Só por curiosidade... Não por causa das medidas restritivas que ele intrigou...

Anônimo disse...

O estranho é quão fácil é encontrar e assistir os vídeos de quando este João Alfredo é agredido, e quão difícil é encontrar este vídeo, e mais difícil assistir ainda, tendo que se logar, etc. etc. Ou seja, a agressão dele aos seguranças não pode ser mostrada, mas o contrário, pode?